Novidades 2018

Todas, mas mesmo todas as novidades automóveis para 2018.

O ano de 2017 foi forte em novidades, mas 2018 não lhe ficará atrás, com promessas de muitas novidades automóveis. Será que nos esquecemos de alguma?

Se achas que 2017 foi ano de muitas e boas novidades, em termos de automóveis, 2018 promete ser ainda melhor, com propostas para todos os gostos, bolsos e feitios — nós dizemos-te quais são. Estão aqui todas, mas mesmo todas as novidades para 2018 ok, é provável que uma ou outra tenha escapado na nossa apertada rede. 

Quanto a ti, só tens de escolher!

ALFA ROMEO

O Stelvio Q — V6 twin turbo e 510 cv — chega até nós durante este ano, e, ao que parece, o 4C será motivo de uma forte atualização. Se os rumores tiverem certos, o Giulietta também conhecerá (mais) um restyling.

RELACIONADO: Já podes encomendar o Alfa Romeo Stelvio Quadrifoglio em Portugal

ALPINE

Regressada de um longo período vegetativo, a Alpine está de regresso ao convívio com os grandes, sob a égide da Renault, e logo com uma proposta que se declara capaz de humilhar o Porsche Cayman — o A110. Chega já em 2018… a ver vamos, se, efetivamente, com capacidade para arrasar!

2017 Alpine A110 em Genebra
RELACIONADO: Alpine A110. Versão com 300 cv a caminho?

ASTON MARTIN

Pequeno fabricante britânico de desportivos de luxo, mas com um ano repleto de novidades. Começamos de cabelos ao vento, com o Vanquish Zagato Speedster — interpretação do estúdio de design italiano Zagato daquilo que deve ser um Vanquish descapotável, embora com produção limitada a apenas 28 unidades.

E a que se junta, depois, um outro cabrio, o DB11 Volante. Já para os dias em que está demasiado calor, o construtor guardou o novo coupé Vantage — com V8 AMG —, e ficaremos a conhecer um novo Vanquish — um pretenso rival para o Ferrari 812 Superfast.

RELACIONADO: My name is Vantage, Aston Martin Vantage.

AUDI

Foram apresentados o ano passado, mas chegam este ano ao mercado. É o caso do topo de gama A8 e do “coupé” de cinco portas A7. Conheceremos ainda a família A6 (berlina e carrinha), e ainda os desportivos mais categorizados, como a RS4 Avant, o RS5 Sportback ou o S7.

Já no domínio dos SUV, prometida está a chegada do novo Q3, assim como dos novíssimos Q8 e SQ8, e ainda do inovador E-tron quattro. E, por fim, mas não menos importante, não nos esquecemos do A1, cuja nova geração surgirá já com a plataforma MQB…

NOVO Audi A7 2018 Portugal
RELACIONADO: O mais importante do novo Audi A7 resumido em 5 pontos

BENTLEY

Marca de hiper-luxo propriedade do Grupo Volkswagen, a Bentley guardou para 2018 o lançamento de um dos seus modelos mais importantes — o Continental GT. Ainda que a caminho esteja também a versão híbrida, ou PHEV, do SUV Bentayga.

RELACIONADO: Bentley Continental GT 2018. O melhor de sempre?

BMW

Apostada na mobilidade elétrica, a BMW começa 2018 ligada à corrente, lançando no mercado o novo i3 e i3s, a que junta o facelift do desportivo i8 e a estreia da sua versão descapotável, i8 Roadster. Já com mais emissões, mas também com muito mais “picante”, são os novos M5, e o mais exclusivo M3 CS — do qual só deverão ser produzidos 1200 unidades. E surgirá, finalmente, o M2 Competition.

Com a marca de Munique a prometer “arrasar” igualmente no segmento dos SUV, com as novas gerações do X2, X4 e X5, além das novidades X3M e X7. Mais convencionais, mas, quiçá, igualmente interessantes, poderão ser as chegadas do facelift do Série 2 Active Tourer e Grand Tourer. 

E novidades absolutas, temos que ainda contar com os novos Série 8 e Z4 — este último desenvolvido em colaboração com a Toyota. Ano cheio para a marca bávara.

2017 BMW Concept Série 8
RELACIONADO: Finalmente! BMW i8 Roadster revelado.

CITROËN

Em ano mais tranquilo, a Citroën agendou apenas dois lançamentos para 2018, ainda que importantes. Em particular, o do novo C4 Cactus, proposta que estreia a nova suspensão Progressive Hydraulic Cushion, mas que também perde os emblemáticos Airbumps. Proposta a ser junta ainda à novidade chamada C5 Aircross.

RELACIONADO: O Citroën C4 Cactus perdeu os Airbumps

DACIA

Marca low-cost da Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi, a Dacia tem previsto apenas um único lançamento para 2018 — nada mais, nada menos, que o do incontornável Duster! Chegará a Portugal, mas ainda não se sabe quando — agradeçam às infames classes… das portagens, que obrigam a alguns ajustes para poder chegar como Classe 1 e desta forma sobreviver no nosso país.

RELACIONADO: Já conduzimos o novo Dacia Duster. Vale a pena esperar?

DALLARA

Mais conhecida enquanto fabricante de chassis para a competição, a italiana Dallara estreia-se em nome próprio no mercado automóvel, com o lançamento de um pequeno desportivo bi-lugar, que tanto pode ser uma barchetta, um roadster, um targa ou até mesmo um coupé. O nome? Simplesmente Stradale. Chega em 2018, mas com uma produção limitada a apenas 500 unidades — será que veremos algum em Portugal?…

DS

Marca aspiracionalmente premium no seio do grupo PSA, a DS inscreve o seu nome em 2018 com um rival francês para BMW X3, Audi Q5 e Mercedes-Benz GLC — o DS7 Crossback.

RELACIONADO: DS 7 Crossback vai estrear as tecnologias de condução autónoma da PSA

FIAT

Nada ainda confirmado, mas os rumores apontam para que, mais para o final do ano, o Fiat Punto conheça — finalmente — o seu sucessor.  O Panda também deverá receber novo facelift.

RELACIONADO: O Fiat Argo poderá ser o substituto do Fiat Punto?

FERRARI

Não valorizando — pelo menos, para já… — os rumores segundo os quais a marca do Cavallino Rampante poderá vir a apresentar variante de maiores prestações do 488 GTB, em Genebra; pode dizer-se que a Ferrari tem agendadas, para 2018, apenas duas novidades: o Ferrari Portofino, modelo que vem substituir o Califórnia e que anuncia, sob o capot, um V8 3,9 litros de 600 cv, capaz de acelerar dos 0 aos 100 km/h em 3,5 segundos; e uma evolução do FXX-K, denominada precisamente “Evo”, e cuja maior evolução é o aumento da downforce — 830 kg, no total.

RELACIONADO: Ferrari Portofino: as primeiras imagens do sucessor do California T

FORD

Modelo incontornável na oferta da Ford, o Fiesta anuncia-se, para 2018, em todo o seu esplendor, naquelas que são as suas versões mais extremadas — a aventureira Active e a desportiva ST. Embora, com o pequeno utilitário, venha também o não menos importante Focus, naquela que é a sua quarta geração, além dos facelifts já apresentados do crossover Ecosport e do pony car Mustang.

Ford Fiesta ST
RELACIONADO: Ford Fiesta ST revelado. Três cilindros e 200 cv de potência

HONDA

Depois das versões a gasolina, a Honda reforça, em 2018, a presença do incontornável Civic em Portugal, com o lançamento da motorização Diesel. Isto, num ano em que está também previsto chegar o facelift do Jazz, além da nova geração CR-V, que abdica das motorizações Diesel, passando a vir equipado exclusivamente com motores a gasolina e híbridos.

RELACIONADO: Honda CR-V: adeus Diesel, olá híbrido

HYUNDAI

Consumado o lançamento do i30, a Hyundai prepara, para 2018, o lançamento de uma nova variante deste seu familiar compacto, denominada i30 Fastback. O modelo contará, ainda este ano, com uma versão genuinamente desportiva, preparada pela nova divisão de performance “N”. Previstas para o ano que agora começa, estão igualmente a nova geração do SUV a pilha de hidrogénio FCEV — Nexo será o seu nome —, assim como a versão elétrica do promissor Kauai.

RELACIONADO: Hyundai Kauai com versão 100% elétrica e 500 km de autonomia?

ISUZU

Construtor nipónico que em Portugal tem a sua oferta resumida à pickup D-Max, é precisamente com este modelo que o fabricante pretende fazer-se notar, em 2018. Mais concretamente, através de um facelift ao modelo.

RELACIONADO: Isuzu Pro Racing com ambições renovadas nas competições todo-o-terreno

JAGUAR

Com o F-Pace já em velocidade de cruzeiro, a Jaguar acena a 2018, principalmente, com o E-Pace, SUV premium para um segmento abaixo, com que o construtor espera, pelo menos, beliscar o poderio alemão. Isto, ao mesmo tempo que, para os condutores que gostam de velocidades, anuncia, desde já, não somente a comercialização do novo “rei de Nürburgring”, o XE SV Project 8, variante especialíssima do modelo de entrada na marca, da qual só serão feitos 300 carros, como também o lançamento do F-Pace SVR, a versão mais venenosa do SUV do construtor de Coventry. Já no domínio dos elétricos, holofotes virados para a muito aguardada chegada do I-Pace.

RELACIONADO: Jaguar E-PACE revelado e já com preços para Portugal

JEEP

Se o ano passado o destaque foi, definitivamente, o Compass, para aqueles que gostam de um TT mais “puro & duro”, será este ano que conheceremos a nova geração Wrangler, que será a mais ambiciosa de sempre —  não faltará sequer uma variante híbrida. No outro extremo da escala, talvez o Jeep mais orientado para o asfalto de sempre: o Grand Cherokee Trackhawk — mais rápido que um Lamborghini Urus, graças ao V8 6.2 litros Supercharged de 717 cv, proveniente dos temidos Hellcat.

Pelo meio, o Cherokee recebe uma importante atualização, perdendo a polémica frente do modelo atual.

RELACIONADO: Jeep Wrangler. Nova geração mais leve, mais apta e com versão híbrida

KIA

A viver uma forte ofensiva de produto, a sul-coreana Kia promete não abrandar o ritmo em 2018, com vários lançamentos em agenda. A começar, desde logo, pela nova geração do maior dos seus SUV, o Sorento, assim como uma versão mais aventureira do seu citadino — o Picanto X-Line. Com o momento alto a ser, contudo, o lançamento da nova geração Ceed, a par da variante elétrica do crossover Niro.

RELACIONADO: Kia Cee’d três portas já era. Vem aí o SUV e a Shooting Brake

LAMBORGHINI

São apenas dois lançamentos, mas que prometem fazer tanto ou mais barulho do que se fossem dez — falamos, nada mais nada menos, daquele que é já considerado o primeiro “super SUV”, o Urus. Embora e quiçá para compensar, prevista esteja também a chegada do novo Aventador S Roadster, com 740 cv, e prestações que passam pelos 3s dos 0 aos 100 km/h e 350 km/h de velocidade máxima.

Lamborghini Urus
RELACIONADO: Finalmente revelado! Conhece o Lamborghini Urus

LANCIA

Sim, ainda estará “ligada à máquina” em 2018, presa por um… Ypsilon. Ahhh… saudade…

LAND ROVER

Depois de todos os lançamentos realizados em 2017, este ano o ritmo promete ser mais calmo, mas a pressão não podia ser maior. O final do ano será brindado com um novo Defender, e promete ter pouco ou nada a ver com o lendário modelo. Além do Defender, o Discovery SVX promete ser a versão mais radical do modelo, preparada para o pior dos cenários.

RELACIONADO: Não às cópias chinesas. Novo Land Rover Defender, só na versão de produção

LEXUS

Rival anunciado e assumido do Mercedes-Benz Classe S, o novo Lexus LS 500h chega a Portugal no ano que agora se inicia, trazendo também consigo a atualização dos modelos de entrada de gama, o CT e o SUV NX.

RELACIONADO: Lexus LS 500h: um concentrado tecnológico, agora com motorização híbrida

MASERATI

Com o facelift do Ghibli a ter chegado a nós no final de 2017,  para este ano as novidades resumem-se ao Levante GTS, que promete mais performance ao SUV italiano, equipado com um V8 twin turbo e, estima-se, 570-580 cv, acima do novo Porsche Cayenne Turbo. No outro extremo, será que este ano ainda conheceremos o Levante PHEV (híbrido plug in)?

Maserati Levante
RELACIONADO: Maserati anuncia eletrificação de todos os modelos a partir de 2019

MAZDA

Atualmente com uma gama totalmente renovada, a Mazda inicia 2018 com apenas uma novidade no calendário: o restyling do Mazda 6.

RELACIONADO: A renovação do topo-de-gama Mazda6 em… 6 imagens!

MERCEDES-BENZ

Tal como a rival BMW, também a Mercedes-Benz promete não ficar de braços cruzados, em 2018, até para manter a liderança entre os construtores premium. Começando, desde logo, pelo lançamento do novo Mercedes-AMG S63 nas carroçarias Coupé e Cabriolet. Neste domínio mais hardcore, talvez a estrela mais aguardada seja o novo “coupé” de quatro portas, antecipado pelo Mercedes-AMG GT concept, acompanhado do restyling das versões GT e Roadster que já conhecemos.

Um patamar abaixo, assistiremos não só à chegada do novo CLS, como da variante AMG CLS 53, que combina o novo seis cilindros em linha de 3.0 litros com um sistema elétrico de 48 V. Combinação que deverá estender-se aos Classe E Coupé e Cabrio.

Entre os modelos mais “civilizados”, destaque, natural, para a chegada do novo Classe A, também na nova variante Saloon (três volumes e distinta do CLA); de nova geração do GLE; do facelift do Classe C; e, porque não, do Mercedes-Maybach Classe S. Em 2018 será que conheceremos o EQC de produção? É o modelo que inicia a revolução elétrica na marca da estrela, através de uma nova sub-marca do grupo Daimler, a EQ.

Mas o destaque neste início de ano será todo, indiscutivelmente, do realmente novo Classe G, após quase 40 anos em produção.

RELACIONADO: Mercedes-Benz CLS. Tudo, mesmo tudo, o que faltava saber

MITSUBISHI

Hoje em dia integrada na Aliança Renault-Nissan, a nipónica Mitsubishi não “mudou” apenas de proprietário, como quis dar também uma nova abordagem àquela que é há muito uma das suas denominações mais conhecidas. Assim e depois de muitos anos a aplicar a denominação Eclipse aos desportivos, surge agora o crossover Eclipse Cross, que chega em abril aos concessionários portugueses. O Shogun Sport (o nosso Pajero), é um SUV de dimensões generosas que pretende ser um rival direto do Toyota Land Cruiser, também chegará em 2018.

RELACIONADO: Mitsubishi Eclipse Cross. O início de uma nova era.

MORGAN

Pequeno mas histórico construtor britânico de desportivos, hoje em dia mais conhecido pelo modelo de três rodas 3 Wheeler, a Morgan prepara a sua entrada na mobilidade elétrica, já para 2018. Mais concretamente, através do EV3, um 3Wheeler 100% elétrico.

RELACIONADO: Morgan EV3, o 3 Wheeler elétrico vem aí

OPEL

Agora nas mãos da francesa PSA, a Opel entra numa nova fase da sua existência, com 2018 a surgir como o verdadeiro ponto de partida desta nova aventura que começará, em Portugal, ao volante de propostas como o novo SUV da marca do relâmpago, o Grandland X, irmão gémeo do Peugeot 3008. Seguindo-se-lhe o Insignia Grand Sport e Grand Sport Tourer GSi.

Opel Grandland X
RELACIONADO: Ao volante do novo Opel Grandland X. Chega a Portugal em 2018

PEUGEOT

Se os rumores estiverem certos, conheceremos já em Genebra o novo Peugeot 508, que deverá assumir um perfil mais dinâmico e desportivo e menos conservador. O objetivo é aproximar-se da concorrente alemã, a Volkswagen. Tal como no atual, duas carroçarias estão prometidas — berlina e carrinha.

RELACIONADO: Peugeot 508. Nova geração terá aspeto mais futurista

PORSCHE

Num ano de novidades importantes, a Porsche tem agendados, para 2018, não apenas a terceira geração do hoje em dia incontornável Cayenne, construído já sob a plataforma MLB do Grupo Volkswagen, como também duas versões mais “puristas” do 911: o 911 GT3 com Touring Package, e o 911 T, versão simplificada e mais leve, mas não menos cara do 911 Carrera. Isto, já para não falar no facelift do sucesso chamado Macan.

Porsche 911 GT3 Touring Package
RELACIONADO: 5 coisas que tornam o Porsche Cayenne o SUV desportivo de luxo mais desejado

RANGE ROVER

A Ranger Rover poderá apresentar um (atualmente) invulgar Sport Coupé de duas portas, mais uma criação do departamento de projetos especiais da Jaguar Land Rover, a SVO. Desde o Range Rover Stormer Concept de 2004, que não víamos nada igual.

A versão mais desportiva do SUV que é também um irmão quase-gémeo do Jaguar F-Pace, o Velar SVR, estimando-se à volta de 550 cv de potêncial, e prestações capazes de cortar a respiração…

RELACIONADO: Range Rover. Duas portas hiper-luxuoso e nova família de estradistas em equação

RENAULT

Múltiplos teasers e informações (supostamente) deixadas escapar, a Renault apresenta — finalmente! — em 2018, o muito aguardado (em particular pelos viciados em adrenalina ao volante) Megane R.S.. Chega também aos mercados uma outra novidade, a pick-up Alaskan,mas, ao que tudo indica, não prevista para Portugal…

A novidade maior estará no entanto reservada para o próximo Salão de Paris, onde veremos o novo Renault Clio.

RELACIONADO: Renault Clio. Novos motores e mais tecnologia para nova geração

ROLLS-ROYCE

Marca britânica de hiper-luxo hoje em dia pertencente ao alemão BMW Group, a Rolls-Royce apresenta-se em 2018 com um novo Phantom, o VIII, cuja maior novidade reside na arquitetura em alumínio. Embora o lançamento mais aguardado seja mesmo o primeiro SUV na história do construtor de Westhampnett, o, por agora chamado, projeto Cullinan.

RELACIONADO: Novo Rolls-Royce Phantom. O mais luxuoso do planeta?

SCUDERIA CAMERON GLICKENHAUS

Dificilmente veremos algum em Portugal, ainda que o SCG 004S prometa ser o modelo mais acessível na oferta do pequeno construtor norte-americano de superdesportivos, com uma produção prevista de 250 unidades ao ano. Mas se decidires encomendar um, não te esqueças de nos avisar!

SCG 004s
RELACIONADO: Posição de condução central para o novo SCG 004S

SEAT

Lançado no final do ano que passou, o Arona será a principal aposta da SEAT em 2018, na tentativa em conquistar o seu quinhão naquele que é um dos sub-segmentos que mais tem crescido nos últimos tempos. Ainda no capítulo dos SUV, chega a versão mais desportiva do seu “irmão maior”, o Ateca Cupra. Cupra passará também a ser a marca desportiva da SEAT, com carácter mais autónomo — estará para a SEAT como a M para a BMW ou a AMG para a Mercedes-Benz.

Por fim, previsto para o ano que agora se inicia, está também o lançamento do novo SUV de sete lugares da marca espanhola, ainda com nome por definir – Alboran, Aranda, Avila ou Tarraco são as hipóteses.

RELACIONADO: SEAT Ateca Cupra já roda no Nürburgring. 300 cv e 380 Nm?

SKODA

Depois do Kodiaq, a Skoda entra, em 2018, no campeonato dos SUV compactos, que é também o que mais cresce, com o Karoq. Com a cereja no topo do bolo — ainda que não numa perspetiva comercial — a ser o lançamento do Kodiaq vRS. São esperados, igualmente, os facelifts do Fabia e do Superb — esperemos que não tão polémicos como o que assistimos no Octavia.

RELACIONADO: Skoda Karoq. Ao volante do novo SUV da marca checa

SUBARU

É o “menino bonito” da Subaru e, apesar de tudo indicar que continuará longe do mercado português, não conseguimos evitar de o incluir nesta lista. É que também nós somos fãs do Impreza e da nova geração que aí vem e que, sem dúvida, gostaríamos de voltar a ver a circular em Portugal. Tal como, aliás, o novo crossover XV, ou os facelifts da Outback e do Forester.

RELACIONADO: Subaru. E se o próximo WRX STi fosse… híbrido?

SUZUKI

Procurando recuperar o tempo perdido no mercado nacional, a Suzuki não o fará, contudo e garantidamente, à custa de uma forte ofensiva de produto; muito pelo contrário, já que, na agenda de lançamentos da marca nipónica, está apenas o novo Swift Sport.

RELACIONADO: Este é o novo Suzuki Swift Sport

TESLA

As primeiras unidades do Model 3 começam a chegar — finalmente —,  aos seus proprietários. Os portugueses que o encomendaram começarão a receber os seus em 2018… eventualmente… mas pelo sim pelo não, mantenham-se sentados.

Tesla Model 3
RELACIONADO: Tesla Model 3. Últimos números revelados não são o esperado

TOYOTA

Começamos com aquele que é o primeiro modelo da nova família de versões desportivas do fabricante de Aichi — nada mais, nada menos que o Yaris GRMN, pequeno utilitário equipado com 1.8 litros de 212 cv, a anunciar uma aceleração dos 0 aos 100 km/h em 6,3 segundos. Ainda no campo da performance, será este ano que será desvendado o novo Toyota Supra — feito a meias com a BMW, do qual nascerá o Z4.

Confirmado também está um novo Land Cruiser, já revelado e 2018 promete também ser o ano de um novo Auris.

RELACIONADO: Foram finalmente reveladas as especificações do Toyota Yaris GRMN

VOLKSWAGEN

Após um 2017 que acabou revelando-se mais positivo (também comercialmente) do que o inicialmente esperado, a Volkswagen “atira-se” a 2018 com a pujança como (quase) só o grupo alemão consegue ter. Nomeadamente, dando a conhecer a mais recente atualização do monovolume compacto derivado do Golf, o Sportsvan e as versões GTI do pequeno up! e Polo.  

Ao passo que, no domínio dos SUV, as novidades revelam-se nos extremos: conheceremos um novo Touareg e o T-Cross — o crossover baseado no Polo. E no campo dos Hot SUV, o Tiguan R deverá mostrar o seu lado mais aguerrido.

Volkswagen Polo GTI
RELACIONADO: Volkswagen T-Cross confirmado para 2018. Novidades não se ficam por aqui

VOLVO

Com a renovação da gama praticamente concluída, o construtor sueco Volvo deixou apenas uma novidade para 2018: o XC40. Modelo com o qual o fabricante promete disputar o segmento dos crossovers compactos, com os rivais alemães e até um britânico.

RELACIONADO: Já testámos o novo Volvo XC40. Primeiras impressões e preços em Portugal