Antevisão

O futuro do Mazda2 passa pelo novo Toyota Yaris

O futuro do Mazda2 era motivo de especulação, pois nada se sabia sobre o seu destino, apesar da idade veterana do modelo. A especulação acabou.

Nem só de motores de seis cilindros em linha e uma nova arquitetura de tração traseira será feito o futuro próximo da Mazda. “Enterrado” no mesmo documento usado na apresentação, era possível também ficar esclarecido sobre o futuro do Mazda2.

Lançado em 2014, o Mazda2 é um dos mais veteranos modelos no segmento. Por esta altura já deveríamos estar a conhecer o seu sucessor — o ciclo de vida de um automóvel no mercado é, por norma, 6-7 anos. Mas não.

No início de 2020 vimos o Mazda2 ainda receber mais uma atualização — além de um modesto “lavar de cara”, foi reforçado tecnologicamente e passou a ser mild-hybrid —, a qual já pudemos experimentar em primeira mão:

VÊ TAMBÉM: Ao volante do renovado Mazda2. Afinal o que mudou?

No entanto, face à forte renovação do segmento nos últimos 18 meses — Renault Clio, Peugeot 208, Opel Corsa, Hyundai i20 e Toyota Yaris — para se manter competitivo no segmento vai ser preciso mais do que um modesto “lavar de cara”. Vai ser precisa uma nova geração.

Toyota, a parceira

Não deixa de ser relevante que o pequeno pedaço de informação que encontrámos sobre o futuro Mazda2 estivesse na parte dedicada ao “Realçar da Aliança”, com o foco a residir na relação da Mazda com a Toyota. Há uma primeira menção à Isuzu — a nova pick-up BT-50 da Mazda deriva da Isuzu D-Max —, mas o foco da informação é mesmo a parceria com a Toyota e para onde esta vai nos próximos anos.

Os dois fabricantes japoneses têm-se aproximado nos últimos anos — a Toyota detém, inclusive, 5,05% da Mazda e esta detém 0,25% da Toyota — e dessa aproximação já resultou a construção de uma fábrica em conjunto nos EUA e o futuro desenvolvimento de veículos elétricos.

Nos próximos anos veremos esta parceria aprofundar-se com o lançamento, por exemplo, de um crossover Mazda a produzir na nova e já mencionada fábrica norte-americana com tecnologia híbrida da Toyota. Mas não se ficará por aqui.

Mazda Mazda2

Mazda2, um Toyota Yaris disfarçado?

Deste lado do Atlântico, no “Velho Continente”, também veremos os efeitos desta parceria, com o sucessor do Mazda2 a surgir até ao final de 2022 (uma data mais precisa não foi avançada) e — surpresa — derivado do novo Toyota Yaris.

As razões por detrás desta decisão prendem-se, sobretudo e como é mencionado no documento, com a necessidade de fazer face aos regulamentos cada vez mais exigentes em matéria de emissões na Europa. Vimos a Mazda associar-se à Toyota para o contabilizar das emissões de CO2 para 2020, mas ter futuramente na gama um utilitário com a tecnologia híbrida do gigante nipónico é um passo decisivo para reduzir a sua média de emissões.

Em vez de adaptar essa tecnologia a uma das suas plataformas, porque não aproveitar também a plataforma do Yaris? Não só a GA-B tem sido bastante elogiada — inclusive por nós —, como do ponto de vista económico faz mais sentido do que desenvolver uma nova plataforma para veículos pequenos. Apesar da Mazda ter uma (ainda nova) Skyactiv-Vehicle Architecture que serve os seus modelos de segmento C, esta é demasiado grande para um utilitário como o Mazda2 — é mais fácil e barato esticar uma plataforma do que encolhê-la.

O recurso à GA-B em vez de uma base própria ajuda a justificar o silêncio dos últimos anos sobre o destino do Mazda2 por parte da Mazda. Apenas temos ouvido falar em motores de seis cilindros, arquitetura de tração traseira e o Wankel como extensor de autonomia.

Recordamos que o inverso já acontece nos EUA. Por lá não se vende o Mazda2, mas é possível comprar um Mazda2 como um Toyota… Yaris — fica a conhecer melhor essa história.

Fica agora por saber o quanto divergirá, por fora e por dentro, o futuro Mazda2 do novo Toyota Yaris — ninguém quer regressar aos tempos dos clones Ford Fiesta/Mazda 121. As plataformas de hoje são bastante flexíveis para criar produtos bastante distintos entre si.

Se o Mazda2 tem futuro assegurado, o que vai acontecer com o Mazda CX-3? Que comece a especulação…

Sabe responder a esta?
Qual a automomia (ciclo combinado WLTP) do Mazda MX-30?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Mazda MX-30 contra Honda e. Qual é o melhor para ti?

Mais artigos em Notícias