Antevisão

BMW M contra-ataca. Vêm aí rivais para os A 45 e CLA 45

Para além dos rivais para os Mercedes-AMG A 45 e CLA 45, um BMW M2 Coupé com tração traseira e motor de seis cilindros em linha mantém-se nos planos.

O futuro das versões mais desportivas dos modelos compactos do construtor bávaro parece risonho, estando “na calha” não só rivais da BMW para os Mercedes-AMG A 45 e CLA 45, ou seja, versões mais potentes para os Série 1 e Série 2 Gran Coupé, como vem a caminho uma nova geração do BMW M2 Coupé.

Se inicialmente não estavam previstos rivais para os “45” da AMG, neste momento os rumores apontam claramente para o desenvolvimento de rivais a sério para os “monstros” de Affalterbach.

A única certeza é que, como já acontece com o M135i e M235i, ambos terão tração às quatro rodas. Os rumores divergem é sobre a forma como atingirão a barreira dos 400 cv para rivalizarem com o M 139, o motor de quatro cilindros mais potente em comercialização.

VÊ TAMBÉM: BMW Concept i4. Ainda não é o elétrico BMW i4, mas está lá perto
BMW M135i

O primeiro rumor aponta que a versão mais desportiva dos BMW Série 1 e Série 2 Gran Coupé — ainda à procura de denominações definitivas — poderá “simplesmente” recorrer a uma nova versão do quatro cilindros de 2.0 l usado nos M135i e M235i Gran Coupé, extraindo-lhe mais 100 cv. Já o segundo rumor dá conta de que estes dois novos desportivos podem recorrer a um sistema híbrido plug-in.

Esta última solução híbrida plug-in já é usada pelos X1 e X2 xDrive25e, onde o eixo traseiro é eletrificado — será que esta solução poderá ser escalada para oferecer muito mais potência? O que é certo é que o A 45 e CLA 45 terão rivais para além do Audi RS 3.

E o BMW M2 Coupé?

A Série 2 na BMW é uma gama diversificada… e até confusa. O nome está associado a um MPV (Série 2 Active Tourer), a uma berlina de quatro portas (Série 2 Gran Coupé) e a um coupé/cabrio (Série 2 Coupé e Série 2 Cabrio).

Se o MPV e berlina assentam sobre uma plataforma de tração dianteira (Série 2 Gran Coupé assenta sobre a mais recente FAAR), o Série 2 Coupé e Cabrio assentam sobre uma plataforma de tração traseira. As boas notícias é que o Série 2 Coupé (o Cabrio não terá sucessor) e, consequentemente, o sucessor do BMW M2 Coupé continuarão a ser tração traseira.

A plataforma do novo Série 2 Coupé e também do novo BMW M2 Coupé será, de acordo com os rumores, uma derivação da mesma plataforma do BMW Z4 e Toyota GR Supra, que, por sua vez, é uma derivação da CLAR, a mesma usada nos Série 3 e restantes BMW com arquitetura de tração traseira.

BMW M2 Coupé
O novo BMW M2 Coupé vai manter-se fiel à tração traseira.

Já no que diz respeito às motorizações, tudo indica que o sucessor do atual BMW M2 Competition, entitulado de “Drift Machine” pelos seus responsáveis, recorrerá ao mesmo 3.0 l com seis cilindros em linha e dois turbos (o S58) estreado pelos X3 M e X4 M e que será adotado pelos novos M3 e M4.

Com 600 Nm de binário e 480 cv ou 510 cv (consoante se trata ou não da versão Competition), numa fase inicial este motor não será associado a qualquer sistema mild-hybrid quando estiver instalado debaixo do capot do BMW M2 Coupé, isto apesar de a plataforma permitir o recurso a um sistema elétrico de 48 V.

Para já, ainda não há data confirmada para o lançamento do novo BMW M2 Coupé nem das versões mais desportivas do Série 1 e Série 2 Gran Coupé.

Sabes responder a esta?
Qual é a capacidade da bagageira do BMW Série 4 Gran Coupé?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Testámos o BMW 420d Gran Coupé. Ainda é uma alternativa ao Série 3?

Mais artigos em Notícias