Salão de Frankfurt 2019

Puma em lugar de destaque na ofensiva eletrificada da Ford em Frankfurt

A Ford aproveitou o Salão de Frankfurt para dar a conhecer a sua gama eletrificada e ao mesmo tempo revelou o Puma Titanium X, o topo de gama do novo SUV.

Depois de ter estado ausente dos salões de Paris e Genebra, a Ford regressou aos certames europeus em Frankfurt. Por lá a marca da oval azul deu a conhecer, para além da sua (extensa) gama eletrificada, a versão topo de gama do Puma, a Titanium X.

Disponível apenas com o 1.0 EcoBoost na versão mild-hybrid nas variantes de 125 cv ou 155 cv, se há coisa que não falta ao Ford Puma Titanium X é equipamento. No exterior, esta versão distingue-se pela adoção de jantes de 18”, acabamentos em preto brilhante e detalhes cromados na grelha, molduras dos faróis de nevoeiro e nas saias laterais.

Já no interior, o Puma Titanium X oferece, de série, capas de bancos removíveis e laváveis (uma estreia na Ford), bancos com massagem e equipamentos como o sistema de carregamento wireless ou o sistema de som B&O premium com 10 colunas e 575 W. Destaque ainda para o volante com efeito em couro e as aplicações com efeito de madeira no tablier.

ESPECIAL: Todas as novidades do Salão de Frankfurt 2019 estão aqui

Por fim, ao nível da segurança, o mais equipado dos Puma oferece, de série, equipamentos como o sistema de manutenção de faixa de rodagem, o sistema de assistência de pré-colisão com deteção de peões, o cruise control adaptativo com função Stop & Go ou o sistema de reconhecimento de sinais.

VÊ TAMBÉM: Testámos o Ford Focus 1.0 EcoBoost ST-Line 125 cv em vídeo. Melhor do que nunca!

Eletrificação total

De acordo com as previsões da Ford, no final de 2022 mais de 50% das suas vendas de veículos de passageiros deverão ser eletrificadas. Ora, tal meta é impossível de alcançar sem uma (muito) alargada gama de modelos eletrificados e por isso mesmo a Ford pretende lançar 17 modelos eletrificados até 2024, sendo que destes, oito serão já lançados este ano.

Como que a provar esse compromisso para com a eletrificação, a Ford levou até ao Salão de Frankfurt a sua maior gama eletrificada de sempre. Por lá podemos ver o Puma EcoBoost Hybrid, os Explorer e Tourneo Custom Plug-In Hybrids, o Mondeo Hybrid e ainda o novo Kuga, o primeiro Ford com versões mild hybrid, híbridas e híbridas plug-in.

VÊ TAMBÉM: Adeus Mondeo, Galaxy e S-Max. Olá… crossover?
Ford Kuga
O Kuga é o primeiro modelo da Ford a contar com versões híbridas, híbridas plug-in e mild hybrid.

Já para 2020 a Ford planeia dar a conhecer um SUV 100% elétrico inspirado no icónico Mustang que deverá contar com 600 km de autonomia (já de acordo com o ciclo WLTP). Para além deste modelo, a Ford deverá ainda produzir um modelo elétrico com base na plataforma MEB, a mesma usada pelo… Volkswagen ID.3.

VÊ TAMBÉM: Melhor estrada europeia para conduzir é portuguesa, diz a Ford

Carregamentos não serão problema

A Ford aproveitou ainda o Salão de Frankfurt para anunciar a criação de uma app que vai permitir aos proprietários de veículos híbridos plug-in localizar, aceder e pagar os serviços de carregamento.

VÊ TAMBÉM: Como é que os pneus do GLE 43 acabaram no Ford Explorer ST?
Ford Frankfurt
Outro dos focos da Ford no Salão de Frankfurt foi na área do carregamento de modelos eletrificados.

Com uma vasta cobertura em toda a Europa a nova app vai proporcionar acesso e pagamento em mais de 118 000 pontos de carregamento em 30 países, no entanto ainda não se sabe se Portugal é um desses países. Se bem te lembras, a aposta da Ford ao nível da rede de carregamento também se traduz na rede IONITY, da qual a marca é membro fundador e accionista.

Sabes responder a esta?
Qual é a potência do Ford Focus ST 2.3 Ecoboost?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Conduzimos o novo Ford Focus ST 2.3 Ecoboost. Trabalho de artesãos

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos