Honda com 3 novos SUV em 2023. Um 100% elétrico, um híbrido e outro híbrido plug-in

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Antevisão

Honda com 3 novos SUV em 2023. Um 100% elétrico, um híbrido e outro híbrido plug-in

A Honda promete um 2023 cheio de novidades: um B-SUV 100% elétrico, um C-SUV híbrido e um novo CR-V, que vai estrear-se como hibrido plug-in.

A Honda promete ampliar a sua gama europeia em 2023 com a chegada de três novos modelos, todos eles SUV e todos eles eletrificados, que vão de um híbrido convencional a um 100% elétrico.

O anúncio foi feito ontem, durante a apresentação da 11.ª geração do Civic para a Europa, onde a Honda reafirmou ainda o seu compromisso com a eletrificação.

O construtor japonês tem como metas chegar a 2030 com 40% das suas vendas nos principais mercados a serem de veículos elétricos, valor que sobe para 80% em 2035, apontando para 2040 o fim da comercialização de modelos com motores de combustão interna a nível global.

VEJAM TAMBÉM: Honda e Sony juntas. Vai nascer uma nova marca automóvel
Plano Honda 2023
O calendário de novidades da Honda até ao final de 2023.

Por agora a Honda apenas comercializa o pequeno Honda e como 100% elétrico, mas em 2023 veremos chegar um reforço de peso para ir ao encontro das metas estabelecidas: um B-SUV 100% elétrico, antecipado pelo protótipo e:Ny1.

À primeira vista não parece ser mais que a versão elétrica da nova geração do HR-V. Fica por saber se quando o protótipo e:Ny1 chegar ao mercado em 2023, será integrado na gama, juntando-se ao HR-V e:HEV (híbrido), ou se terá uma designação distinta.

De momento também ainda não foram avançadas quaisquer especificações sobre este B-SUV 100% elétrico.

HR-V norte-americano será novo C-SUV na Europa

A oferta de SUV da Honda na Europa será reforçada com mais um SUV, desta vez para o segmento C, onde «habitam» modelos como o Peugeot 3008, o Nissan Qashqai ou os novos Renault Austral e Kia Sportage.

E como aconteceu com o maior CR-V e o mais pequeno HR-V, também será exclusivamente híbrido ou e:HEV em linguagem Honda.

A marca já mostrou um par de esboços a antecipar a nova proposta, mas os norte-americanos vão conhecê-lo já no próximo mês de abril como o novo… Honda HR-V. Confusos? Nós explicamos.

Honda C-SUV

A designação HR-V será usada, pela primeira vez, em dois modelos distintos. Nos EUA, o novo HR-V será um SUV de maiores dimensões que o HR-V «europeu» (e que o Vezel no Japão, o nome dado ao HR-V por lá), com direito a uma carroçaria de linhas distintas.

Também ainda não foram avançadas especificações sobre este novo SUV, mas não nos surpreenderia se adotasse a mesma mecânica híbrida do novo Civic e:HEV, que combina um motor de 2,0 l de ciclo Atkinson com dois motores elétricos, anunciando 184 cv e 315 Nm.

A Honda passará a ter, assim, uma proposta apontada ao âmago do segmento C, um dos mais competitivos na Europa.

Novo CR-V também como híbrido plug-in

Por fim e também em 2023 a Honda irá lançar uma nova geração do CR-V, o seu maior SUV disponível na Europa. Foi a geração ainda em comercialização a que estreou o sistema híbrido atual da Honda e a nova geração continuará a apostar nesta solução e:HEV.

A grande novidade está na introdução de uma variante híbrida plug-in, denominada e:PHEV, sendo a primeira de sempre do SUV. Também, de momento, não foram avançadas quaisquer especificações.

O que sabemos é o aspeto provável da nova geração do CR-V, a confiar na imagem abaixo retirada do registo de patentes.

HOnda CR-V patente

Só SUV no futuro da Honda?

Quase. Como os responsáveis da Honda referiram ontem, durante a apresentação do Civic, são os SUV que estão a reunir as preferências dos principais mercados, pelo que a aposta nesta tipologia, também na Europa, é incontornável.

Por isso, só haverá mais uma novidade até ao final de 2023 da Honda em «formato» carro, além do Civic e:HEV agora revelado (chega no outono): o Civic Type R.

Honda Civic Type R

Não só é a exceção à regra na tipologia, como o é também no tipo de motorização, ao ser o único modelo da marca que não será eletrificado.

O hot hatch japonês manter-se-á fiel ao seu 2,0 Turbo com mais de 300 cv e à caixa manual, uma ode ao passado que nos fez apaixonar originalmente pela marca ou um anacronismo quando comparado com a restante gama contemporânea da Honda… Vocês decidem.

Honda Civic Type R
Sabe responder a esta?
O Honda Integra Type R atingia a sua potência máxima a quantas rotações por minuto?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Honda Integra Type R, o melhor tração dianteira de sempre

Mais artigos em Notícias