Notícias Elevado ou rebaixado? Suzuki Jimny dá para todos os gostos

Tuning

Elevado ou rebaixado? Suzuki Jimny dá para todos os gostos

Os japoneses da ESB acabam de apresentar duas modificações completamente distintas para o Suzuki Jimny. Qual escolhiam?

Suzuki Jimny ESB Tuning

As preparações com base no pequeno Suzuki Jimny sucedem-se. A mais recente chega-nos do Japão e é assinada pela ESB.

Esta empresa nipónica resolveu mostrar todo o potencial do Jimny e apresentou-nos não uma, mas sim duas modificações distintas: uma sobrelevada, mais radical, e outra completamente rebaixada, mais agressiva.

Comum a estas duas variantes é o kit de carroçaria alargado, que transforma por completo a imagem «simpática» deste pequeno jipe, que ganhou novos argumentos visuais.

A NÃO PERDER: Confirmado. Suzuki Jimny de cinco portas vai ser revelado em janeiro
Suzuki Jimny ESB Tuning frente

LST: mais perto do solo

O maior destaque da versão LST é mesmo a menor distância ao solo, fruto de molas mais pequenas que ajudam a reduzir a altura em até 9 cm.

Esta modificação acaba por ditar todo o tom deste Jimny LST, que exibe ainda jantes de 16” montadas em pneus semi-slick Nankang, para-choques mais agressivos, cavas das rodas muito proeminentes e saias laterais mais pronunciadas.

LST-Up: amigo dos maus caminhos

A versão LST-Up segue o caminho exatamente oposto e viu a altura ao solo crescer em 7,6 cm, além de ter recibo pneus Maxis — montados em jantes de 16” — e para-choques mais curtos, de forma a beneficiar os ângulos todo o terreno.

LEIAM TAMBÉM: Este Suzuki Jimny foi resgatado ao fim de 40 anos «preso» na floresta

Destaca-se também uma placa de proteção inferior, a dianteira, e uma entrada de ar frontal — intermédia — de maiores dimensões.

E a mecânica?

Apesar da estética mais extravagante, a mecânica permanece intocada, pelo que o Suzuki Jimny mantém as motorizações que oferece à saída da fábrica: no mercado japonês está disponível com um bloco de três cilindros com 658 cm3, turbocomprimido, com 64 cv; e globalmente pode equipar um motor de quatro cilindros de 1,5 l, naturalmente aspirado, com 102 cv.

Suzuki Jimny ESB Tuning

E o preço?

Estas duas transformações já estão disponíveis no website oficial da preparadora nipónica, com sede em Osaka.

A NÃO PERDER: Ford Ranger contra Jimny e trator. Quem ganha no “jogo da corda”?

A conversão para a variante LST custa 596 000 ienes, o equivalente a 4320 euros. Já a modificação da versão LST-Up tem um custo de 392 000 ienes, cerca de 2841 euros.

Sabe esta reposta?
Qual é a capacidade da bagageira do Suzuki Vitara híbrido?
Oops, não acertou!

Pode encontrar a resposta aqui:

Novo Suzuki Vitara híbrido promete consumos mais baixos. Cumpre o prometido?