Audi Q6 e-tron também como Sportback mas ambos vão chegar mais tarde que o planeado

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Fotos-espia

Audi Q6 e-tron também como Sportback mas ambos vão chegar mais tarde que o planeado

Depois do Q6 e-tron é agora a vez do Audi Q6 e-tron Sportback ser «apanhado» pelas câmaras. A revelação prometida para 2023 é que parece estar em causa.

O Audi Q6 e-tron Sportback estreia-se nas fotos-espia e «obedece» à (quase) regra dos SUV da marca estarem disponíveis com duas carroçarias: uma típica de dois volumes com traseira (mais) vertical e outra de aspeto mais dinâmico, com linha de tejadilho arqueada.

Apesar da silhueta distinta, que promete menor resistência aerodinâmica sacrificando (muito provavelmente) um pouco as cotas internas e versatilidade de utilização, deverá partilhar tudo com o «irmão» mais tradicional.

Os futuros Q6 e-tron e Q6 e-tron Sportback serão os primeiros da Audi a fazer uso da nova plataforma PPE (Premium Platform Electric), exclusiva para elétricos e desenvolvida a meias com a Porsche — que a deverá estrear primeiro com a segunda geração do Macan, que será exclusivamente elétrica.

VEJAM TAMBÉM: Audi A6 Avant híbrida plug-in já nos deixa dizer adeus ao Diesel?

O que já sabemos?

Desde 2021 que protótipos do futuro Q6 e-tron andam a testar na estrada, assim como do «primo» Macan, mas a verdade é tanto a Audi como a Porsche têm sido bastante eficazes a «esconder» o jogo sobre os seus novos SUV exclusivamente elétricos.

Sabemos que irão trazer com eles uma arquitetura elétrica de 800 V, o que permitirá aceder a carregamentos mais rápidos, mas detalhes mais  concretos sobre baterias ou potências, pouco sabemos.

Só nos podemos guiar por protótipos já revelados como o Audi A6 e-tron (2021) ou a mais recente A6 Avant e-tron (2022), que também antecipam as variantes elétricas do A6 e assentam sobre a PPE.

Tanto os protótipos da berlina e da carrinha declaravam 350 kW de potência (476 cv) e 800 Nm, resultado do uso de dois motores elétricos (um por eixo). A Audi dizia que a bateria tinha à volta de 100 kWh, suficientes para uma autonomia de 700 km em ciclo combinado WLTP.

Deverá ser uma de várias configurações. Fotos-espia do futuro RS Q6 e-tron também já foram publicadas por nós e esta versão de alta performance do SUV elétrico promete potências superiores entre os 500 cv e os 600 cv.

Quando chega?

Estava previsto que víssemos o Q6 e-tron chegar em 2023 e alguns meses depois o Q6 e-tron Sportback, ainda no mesmo ano.

Audi Q6 e-tron sporback perfil
O Q6 e-tron Sportback parece seguir a mesma fórmula do mais pequeno Q4 e-tron Sportback, com a linha de tejadilho arqueada a terminar num pequeno spoiler. © Razão Automóvel

Mas notícias recentes indicam que o lançamento destes modelos e de outros elétricos do Grupo Volkswagen, como o «primo» Macan — que deveria ser conhecido ainda este ano e cuja pré-produção já teve início — poderá ser adiado.

A NÃO PERDER: BMW M2 e AMG A 45 sem hipótese? Novo Audi RS 3 8Y (400 cv) em vídeo

Tudo porque a CARIAD, a divisão de software do Grupo Volkswagen, está atrasada no desenvolvimento do software que estes modelos precisam, o que está a obrigar a alterar o calendário de lançamentos.

Os atrasos da CARIAD, juntamente com problemas anteriores no desenvolvimento de software são apontados como uma das principais razões para a saída de Herbert Diess da liderança do Grupo Volkswagen.

Resta saber de que forma estes atrasos no software se refletirão na data de lançamento dos novos Q6 e-tron e Q6 e-tron Sportback. A Porsche já «atirou» a data de lançamento do Macan para 2024.

Sabe responder a esta?
Qual destes Audi foi Carro do Ano em Portugal?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Audi TT. Vencedor do troféu Carro do Ano 1999 em Portugal

Mais artigos em Notícias