Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Mercado

Peugeot ultrapassa Renault em 2021, e torna-se líder do mercado nacional

Em 2021 o mercado nacional cresceu apenas 1,9%, destacando-se a Peugeot que assumiu a liderança, seguida da Renault e da Mercedes-Benz.

Num ano em que a pandemia continuou a ser tema central e no qual a crise dos chips veio «atacar» ainda mais o setor automóvel, o mercado automóvel nacional em 2021 apresentou tímidos sinais de recuperação, com as vendas totais no mercado — ligeiros e pesados de passageiros e mercadorias — a crescerem 1,9% face a 2020 (mas uma quebra de 32,7% face a 2019).

Os dados avançados pela ACAP – Associação Automóvel de Portugal, quando separados pelas quatro categorias, revelam crescimentos de 0,8% e 4,4% entre os ligeiros de passageiros e ligeiros de mercadorias, respetivamente; e um aumento de 21,3% entre os pesados de mercadorias e de passageiros.

No total, em 2021 foram colocados em circulação 180 277 novos veículos: 146 637 ligeiros de passageiros, 28 790 ligeiros de mercadorias e 4850 veículos pesados (de mercadorias e de passageiros).

A NÃO PERDER: “In memoriam” 2021. Estes modelos dizem adeus para não mais voltar
Renault Captur GPL
Renault Captur 1.0 TCe Bi-Fuel © Thom V. Esveld / Razão Automóvel

Peugeot ultrapassa Renault

O destaque do mercado nacional em 2021? Ao fim de 23 anos de liderança ininterrupta, a Renault perdeu a liderança para a arquirrival Peugeot.

Curiosamente, apesar de haver um novo líder no mercado nacional, as três marcas no pódio continuam a ser as mesmas de 2020 e 2019, alterando-se somente a ordem em que aparecem: PeugeotRenault Mercedes-Benz.

Contabilizando somente os ligeiros de passageiros, a Peugeot vendeu 17 595 unidades, um aumento de 11% face a 2020; a Renault viu as suas vendas fixar-se nas 15 439 unidades (uma quebra de 17,1%) e a Mercedes-Benz fechou 2021 com 11 383 unidades vendidas (menos 17,2%).

Quando juntamos à equação as vendas dos ligeiros de mercadorias o pódio mantém-se inalterado, isto apesar de a Renault ter liderado entre os ligeiros de mercadorias com 5337 unidades vendidas face às 5296 unidades comercializadas pela Peugeot e 3350 da Citroën.

O Top 10 das marcas automóveis mais vendidas em Portugal nos ligeiros de passageiros fica assim composto:

Entre as marcas que mais cresceram em 2021, os maiores destaques têm de ser dados à Hyundai e à Kia. Enquanto a Hyundai viu as suas vendas crescerem 49% face a 2021 com 7610 unidades vendidas, a Kia registou um crescimento de 62,5%, totalizando 5355 unidades.

A NÃO PERDER: Elétricos e híbridos plug-in com tração integral vão ser Classe 1 nas portagens

Também digno de registo é o crescimento de 37,8% da Skoda (com 1789 unidades vendidas) e de marcas de luxo como a Aston Martin (+385,7% com 34 unidades vendidas) ou a Maserati (+257,1% com 25 unidades).

«Energias alternativas» em crescimento

Outro dado interessante entre os muitos avançados pela ACAP diz respeito ao crescimento da procura de veículos elétricos, híbridos, híbridos plug-in e até mesmo a GPL e GNC. No total, face a 2020, registou-se um aumento de 54,2% das vendas dos veículos ligeiros de passageiros movidos a outros tipos de energia.

Volvo XC40 Recharge © Thomas van Esveld / Razão Automóvel

Entre os elétricos, o crescimento foi de 69,3%, com um total de 13 260 unidades vendidas. Quanto aos híbridos plug-in, o aumento foi de 32% mais do que em 2020, correspondendo a 15 660 vendidos (13 551 com motor a gasolina e 2109 com motor Diesel),.

Já no campo dos híbridos convencionais (sem ser preciso ligar à tomada para carregar) o crescimento foi de 60,3%, com 19 082 unidades vendidas (14 996 a gasolina e 4086 Diesel).

Por fim, no que às soluções bifuel diz respeito, os veículos a GPL viram as suas vendas crescer 94,2% (3524 unidades) e até os movidos a GNC conseguiram um aumento de vendas na ordem dos 3,3%, ainda que se traduz em meras 31 unidades vendidas.

Sabe responder a esta?
Em que ano foi lançado o Peugeot 405?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

E dura, dura, dura… o Peugeot 405 continua a ser produzido

Mais artigos em Notícias