Vídeo

Toyota GR Yaris no Nürburgring. Não bateu recordes, mas rapidez não lhe falta

O Toyota GR Yaris voltou ao Nürburgring e desta vez o tempo por volta contempla os 20,6 km “tradicionais” que têm servido para a maioria dos recordes.

Depois de há uns tempos termos visto o Toyota GR Yaris estabelecer um tempo “Brigde-to-Gantry” no Nürburgring (que representa uma distância de 19,1 km), o modelo japonês voltou ao “Inferno Verde” e agora fez uma volta completa.

Percorreu os 20,6 km do circuito alemão com a pista totalmente deserta, graças aos nossos colegas da Sport Auto que “espremeram” totalmente o pequeno GR Yaris.

Equipado com Michelin Pilot Sport 4S e com o piloto Christian Gebhardt ao volante, o cronómetro parou aos 8min14,93s, um valor de respeito.

A NÃO PERDER: Milhares de fãs querem dar nome de Sabine Schmitz a uma curva do Nürburgring

Apesar de estar acima do alcançado por recordistas como o Renault Mégane R.S. Trophy-R ou o Honda Civic Type R, está longe de envergonhar o modelo da Toyota. Se bem repararam, usámos como ponto de comparação modelos do segmento acima.

A razão para tal é muito simples: não existem rivais diretos e dado as suas especificações, aqueles que estão mais próximos estão no segmento acima.

Quando comparamos os rivais possíveis (atuais e do passado) do Toyota GR Yaris, verifica-se que ficaram bem longe. Nos “tudo à frente”, o Renault Clio RS 220 Trophy (última geração) conseguiu percorrer o circuito em 8min32s e o atual MINI John Cooper Works registou 8min28s. O Audi S1, talvez o modelo mais próximo do GR Yaris, com tração integral, não foi além dos 8min41s.

Toyota GR Yaris
O GR Yaris em ação no “Inferno Verde”.
A NÃO PERDER: Toyota GR Yaris (261 cv) em vídeo. Juntámos as duas versões MAIS RADICAIS

O GR Yaris podia ser ainda mais rápido? Acreditamos que sim. Ao longo do vídeo vemos o modelo japonês alcançar algumas vezes os 230 km/h de velocidade máxima, mas como sabemos, está eletronicamente limitada a esse valor — quantos segundos terá perdido por ter essa limitação?

Agora, resta esperar pela aparição do Toyota GR Yaris em mais circuitos para podermos observar, uma vez mais, as suas capacidades em ação.

Já por cá, se ainda não o viram em ação podem fazê-lo neste vídeo no qual o Guilherme Costa leva o hot hatch japonês ao limite.

Sabe responder a esta?
Em que ano foi lançada a segunda geração do Toyota Paseo?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Ainda te lembras dos pequenos coupé dos anos 90?

Mais artigos em Notícias