Revelação

As primeiras imagens do novo e apenas híbrido Honda HR-V

A terceira geração do Honda HR-V acaba de ser revelada ao mundo. Chega no final do ano, apenas e só como híbrido, como aconteceu com o Jazz/Crosstar.

Aí estão as primeiras imagens do novo Honda HR-V, que tomará o lugar do modelo atual (lançado em 2015) perto do final de 2021, altura em que iniciará a sua comercialização.

É claramente distinto da geração atual ainda em comercialização, com linhas mais horizontais, fluídas e depuradas, ainda que a marca japonesa, diz a própria, se tenha inspirado em mais dinâmicos coupés para definir os contornos gerais do seu crossover.

Na frente destaca-se a nova grelha na cor da carroçaria que integra o logotipo da marca, com a anterior e espessa barra cromada a desaparecer de vista. O único elemento cromado parece ser um friso a encimar a grelha e a “unir” as duas óticas dianteiras. A lateral é marcada por uma linha de cintura bem vincada que se estende a todo o comprimento, enquanto atrás passamos a ter óticas horizontais unidas por uma barra luminosa.

VÊ TAMBÉM: Honda Crosstar testado. Qual o preço de se estar na moda?
Honda HR-V 2021

Por dentro também demarca-se do antecessor, refletindo o exterior no recurso a linhas horizontais e aparência mais elegante e depurada, indo de encontro ao que vimos também no Jazz. De notar que a climatização continua a ser controlada por vários botões e, para mais, rotativos, um ponto a favor da facilidade de utilização.

O espaço a bordo continuará a ser um dos maior argumentos do HR-V, assim como a flexibilidade, mantendo os sempre úteis “bancos mágicos” atrás, em que podemos rebater o assento em direção às costas.

VÊ TAMBÉM: Novo Honda Civic Type R continuará a ser puramente a combustão

Exclusivamente híbrido

De momento não foram avançadas muito mais informações sobre o novo Honda HR-V, mas uma coisa a marca japonesa já confirmou: vai ser apenas e só híbrido. Uma decisão que vai ao encontro do objetivo da Honda em eletrificar toda a sua gama até ao próximo ano (exceto o Civic Type R)

O novo Honda HR-V vai incorporar a mesma tecnologia híbrida, identificada como e:HEV, estreada no maior CR-V e também já é usada pelo Jazz/Crosstar. Esta é composta, sinteticamente, por dois motores elétricos — um ligado ao eixo motriz, o outro apenas tem o papel de motor-gerador —, um motor a combustão e uma pequena bateria (iões de lítio).

A deslocação é praticamente sempre efetuada só com o motor elétrico, com o motor de combustão a servir de gerador ou “bateria” para este. Na verdade, o motor de combustão praticamente nunca está ligado às rodas, exceção feita quando circulamos a alta velocidade (autoestrada).

Honda HR-V 2021

Falta, porém, saber as especificações finais. Não se sabe se recorrerá ao mesmo grupo motriz do Jazz/Crosstar, com 109 cv e 253 Nm, ou se recorrerá a outro mais potente.

Deveremos saber mais informações nos próximos meses antes de iniciar a sua comercialização no final de 2021.

Mais artigos em Notícias