Desporto automóvel

Morreu Hannu Mikkola, um dos “finlandeses voadores”

Vencedor por três vezes do Rally de Portugal e Campeão do Mundo de ralis em 1983, Hannu Mikkola, um dos "finlandeses voadores", faleceu aos 78 anos.

Poucos nomes estão tão ligados ao Rally de Portugal como o de Hannu Mikkola, um dos famosos “finlandeses voadores”. Afinal de contas, o piloto escandinavo que faleceu hoje aos 78 anos conquistou a prova nacional por três vezes, duas delas consecutivas.

A primeira vitória em Portugal surgiu em 1979 aos comandos de um Ford Escort RS1800. A segunda e terceira vitórias foram alcançadas em 1983 e 1984 em plena “Era de Ouro” dos saudosos Grupo B, com o piloto finlandês nas duas ocasiões a impor-se à concorrência aos comandos de um Audi Quattro.

Campeão do Mundo de Pilotos em 1983, o piloto finlandês averbou um total de 18 vitórias no Campeonato do Mundo de Ralis, a última das quais em 1987 no Rally Safari. Com sete vitórias no “seu” rali da Finlândia, o Rally dos 1000 Lagos, o piloto finlandês contabilizou um total de 123 participações em provas do Campeonato do Mundo de Ralis.

VÊ TAMBÉM: Evolution, não olhes agora. Mitsubishi regressa aos ralis (Ásia-Pacífico) com um… monovolume

Uma longa carreira

No total, a carreira de Hannu Mikkola prolongou-se por 31 anos. Os primeiros passos nos ralis, em 1963, foram dados aos comandos de um Volvo PV544, mas seria nos anos 1970, mais precisamente em 1972, que começaria a dar nas vistas.

Tudo porque nesse ano foi o primeiro piloto europeu a conquistar o exigente Rally Safari (que na altura não pontuava para o Mundial de ralis) aos comandos de um Ford Escort RS1600.

Desde então, a sua carreira levou-o a pilotar máquinas como o Fiat 124 Abarth Rallye, o Peugeot 504 e até um Mercedes-Benz 450 SLC. No entanto, foi aos comandos dos Escort RS e Audi Quattro que conheceu maior sucesso. Depois do fim dos Grupo B e após uma temporada aos comandos do Audi 200 Quattro de Grupo A, Hannu Mikkola acabou por se mudar para a Mazda.

Mazda 323 4WD
Foi aos comandos de um Mazda 323 4WD igual a este que Hannu Mikkola fez as suas últimas temporadas no Mundial de Ralis.
VÊ TAMBÉM: Mazda adere a aliança para estabelecer e promover combustíveis neutros em CO2

Por lá pilotou os 323 GTX e AWD até à reforma parcial em 1991. Dizemos parcial porque em 1993 voltou a correr esporadicamente, alcançando um sétimo lugar no seu “Rally dos 1000 Lagos” com um Toyota Celica Turbo 4WD.

À família, amigos e a todos os fãs de Hannu Mikkola, a Razão Automóvel gostaria de transmitir as condolências, relembrando um dos maiores nomes do mundo dos ralis e um homem que ainda ocupa um lugar no Top 10 dos pilotos mais bem sucedidos de sempre do Campeonato do Mundo da categoria.

Sabe responder a esta?
Em que ano foi revelado o protótipo Porsche C88?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

C88. Fica a conhecer o “Dacia Logan” da Porsche para a China

Mais artigos em Notícias