Vídeo

O primeiro Ford Mustang Mach-E em Portugal. Tudo o que precisas saber

Apesar de só chegar a Portugal em abril de 2021, já estivemos com o novo Ford Mustang Mach-E e neste vídeo damos-te a conhecer todos os seus pormenores.

Pela primeira vez em 55 anos a família Mustang vai crescer e a “culpa” é do Ford Mustang Mach-E, o primeiro modelo da Ford projetado de raíz como um 100% elétrico.

Com chegada a Portugal marcada para abril do próximo ano, o Mustang Mach-E foi agora o protagonista de mais um vídeo do nosso canal de YouTube.

Neste o Guilherme Costa dá-te a conhecer ao pormenor o novo SUV elétrico da Ford e apesar de não o ter podido conduzir (tratava-se de uma unidade de pré-produção) já pôde sentir como acelera o mais novo dos Mustang.

VÊ TAMBÉM: Ford Focus ST-Line 1.0 Ecoboost (155cv). Compensa comprar o mais potente?

Os números do Ford Mustang Mach-E

Disponível em versões com tração traseira (apenas com um motor) e integral (com dois motores), o Ford Mustang Mach-E pode ser equipado com duas baterias, uma de 75,7 kWh e outra de 98,8 kWh.

As versões com tração traseira apresentam-se com 269 cv ou 294 cv consoante estão equipadas com a bateria de 75,7 kWh ou 98,8 kWh — o binário, por outro lado, mantém-se é sempre de 430 Nm. Já a autonomia, no primeiro caso, é de 440 km e no segundo ascende aos 610 km (ciclo WLTP).

Ford Mustang Mach-E
VÊ TAMBÉM: Oficial. A produção do Ford Kuga Hybrid já arrancou

Já as variantes com tração integral também podem ter 269 cv ou 351 cv conforme a bateria seja de 75,7 kWh ou 98,8 kWh, respetivamente. Já o binário é também idêntico nas duas versões: 580 Nm. Quanto à autonomia, com a bateria de 75,7 kWh esta fica-se pelos 400 km e com a de 98,8 kWh ascende aos 540 km.

Por fim, o Ford Mustang Mach-E GT (que chega mais tarde, antes de 2021 acabar) apresenta-se com tração integral, uma bateria de 98,8 kWh, e mais generosos 487 cv e 860 Nm. Com uma autonomia de 500 km, este alcança os 100 km/h em apenas 4,4s.

VÊ TAMBÉM: Já se encontra à venda o novo Ford EcoSport Active

O meu ecrã é maior que o teu

Já no interior o maior destaque é o ecrã de 15,5” que não esconde a inspiração na Tesla. Já o painel de instrumentos digital de 10,2”, diretamente à frente do condutor, é uma mais valia que o Model Y não oferece.

Ford Mustang elétrico
No interior do Ford Mustang Mach-E encontramos um ecrã ligeiramente maior do que no Tesla.

Quanto ao espaço, este é mais que aceitável, tal como nos diz o Guilherme no vídeo. Já as bagageiras — sim, são duas — oferecem 402 litros (a traseira) e 82 litros (a dianteira), sendo que a segunda é à prova de água e, tal como no Puma, tem um sistema de escoamento.

Como seria de esperar, o Ford Mustang Mach-E não descurou a segurança, apresentando-se desta forma com sistemas como a travagem ativa de emergência, o leitor de sinais de trânsito ou o sistema de estacionamento autónomo entre outros.

Ford Mustang Mach-E
VÊ TAMBÉM: Adeus, motores 100% gasolina. Ford Mondeo fica disponível apenas em híbrido ou Diesel

Quanto vai custar

Com chegada marcada para abril, o Mustang Mach-E vai estar disponível em versões de tração traseira e integral e com baterias de 75,7 kWh e 98,8 kWh. Quanto à versão GT, esta ainda não tem preços para o nosso mercado.

Versão Bateria Potência Autonomia Preço
Standard RWD 75,7 kWh 269 cv 440 km 49 901 €
Alargada RWD 98,8 kWh 285 cv 610 km 57 835 €
Standard AWD 75,7 kWh 269 cv 400 km 57 322 €
Alargada AWD 98,8 kWh 351 cv 540 km 66 603 €

Sabes responder a esta?
Em que ano foi lançado o Ford Escort RS Cosworth?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

A radical asa traseira (de origem) que o Ford Escort RS Cosworth não teve

Mais artigos em Notícias