Antecipação

Novo Mercedes-Benz SL já em testes. O que esperar do lendário roadster?

Um novo Mercedes-Benz SL vem a caminho, com a marca da estrela a confirmá-lo ao divulgar imagens dos modelos de pré-produção que iniciaram testes em estrada.

As primeiras unidades de pré-produção do novo Mercedes-Benz SL dão-se a conhecer, ao iniciarem os testes de estrada, nas imediações do Centro de Teste e Tecnologia do Grupo em Immendingen.

SL são duas letras cheias de história, com as origens do roadster a recuarem ao longínquo ano de 1952, quando foi introduzido em competição o 300 SL (W194) — modelo de estrada seria lançado em 1954 —, que ficaria eternamente conhecido como o “asas de gaivota” (“Gullwing”) devido à forma peculiar em como as suas portas abriam.

Recordamos que SL é um acrónimo para Super Leicht ou Super Leve (o “S” também pode significar Sport, de acordo, até, com informação oficial da marca), e se o foi lá atrás, temos que admitir que não tem feito muita justiça ao nome há muitas gerações… Por outro lado, continua a ser considerado um dos melhores roadsters de luxo, título que tem mantido por muitas décadas.

VÊ TAMBÉM: Cada vez mais perto. Mercedes-AMG Project ONE já testa em circuito
Mercedes-Benz SL 2021

O que esperar do novo Mercedes-Benz SL?

Um estado de coisas que promete mudar com a oitava geração do Mercedes-Benz SL (se contarmos com o 300 SL “Gullwing” como a primeira), cujo lançamento irá acontecer em 2021. Os rumores indicam que haverá esforços renovados para que o roadster e a sua designação estejam em maior harmonia um com o outro.

Para o conseguir, o novo Mercedes-Benz SL recorrerá à mesma base do Mercedes-AMG GT — Modular Sports Architecture (MSA), com o alumínio a ser o material dominante — e, como é possível observar nas “fotos-espia” (oficiais), temos uma mais leve capota de lona ao invés da capota metálica das últimas duas gerações R230 e R231.

A proximidade com o GT justifica também que, pela primeira vez na história do SL, seja a Mercedes-AMG a desenvolver a nova geração do modelo, dando bons indícios sobre o caráter mais desportivo e dinâmico esperado.

De modo a maximizar as economias de escala, o novo SL deverá herdar do GT a suspensão, direção, arquitetura elétrica (48 V, para eletrificação parcial das motorizações) e até o eixo traseiro transaxle (onde se encontra a caixa de dupla embraiagem). Ambos os modelos serão produzidos na mesma fábrica da Mercedes, em Sindelfigen, na Alemanha.

Mercedes-Benz SL 2021

Com cada vez mais probabilidades de acontecer é o novo Mercedes-Benz SL vir com dois lugares adicionais, num arranjo 2+2. Tudo para incrementar os níveis de praticabilidade, à imagem do Porsche 911.

Ainda não há confirmação oficial sobre quais motorizações equiparão o novo SL. Porém, não é preciso uma bola de cristal para adivinhar que passarão pelos ainda novos seis cilindros em linha da marca, assim como pelo fantástico V8 AMG do GT.

Mercedes-Benz SL 2021

A encimar a gama é provável que surja um SL 63, novamente com o 4.0 V8 biturbo, mas um novo SL com motor V12 parece bem mais incerto.

Os motores de combustão deverão ser ainda auxiliados por sistemas mild-hybrid de 48 V (EQ Boost), como já o vimos em modelos como o Mercedes-AMG E 53 Coupé — recorda o nosso teste:

Fonte: Autocar.

Sabes responder a esta?
Além do V12 que o Classe S W140 recebeu, a Mercedes-Benz chegou a equacionar um motor acima deste. Qual foi?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

V12 não basta. Havia planos para um Classe S W140 com um colossal W18

Mais artigos em Notícias