Renovação

A Jaguar renovou o I-PACE. Conhece todas as novidades

Praticamente inalterado em termos estéticos, o Jaguar I-PACE recebeu um importante reforço tecnológico e viu o tempo de carregamento diminuir.

Depois de há uns meses ter recebido uma atualização de software que lhe trouxe mais autonomia, o Jaguar I-PACE voltou a ser alvo de melhoramentos.

Desta vez o foco esteve em melhorar  não só o tempo de carregamento como a oferta tecnológica do SUV que foi eleito Carro Mundial do Ano 2019 e Carro Internacional do Ano 2019 (COTY).

Por fim, no capítulo estético, as únicas novidades do Jaguar I-PACE são as novas cores e as novas jantes de 19”.

VÊ TAMBÉM: O Jaguar F-Type renovou-se, perdeu o V6 e já tem preços para Portugal
Jaguar I-PACE

Tecnologia em alta

Começando pelo reforço ao nível tecnológico, o Jaguar I-PACE apresenta-se com o novo sistema de infotainment Pivi Pro.

Já usado pelo novo Land Rover Defender, este sistema foi inspirado nos smartphone e recorre a dois ecrãs táteis, um com 10” e outro com 5”. Já o painel de instrumentos digital mede 12,3”.

Quanto à conetividade, o I-PACE conta com um duplo SIM integrado com plano de dados 4G gratuito.

VÊ TAMBÉM: Jaguar XJ. Fim de produção em julho, mas sucessor só para o ano
Jaguar I-PACE
O I-PACE passou a contar ainda com um sistema de ionização do ar do habitáculo com filtragem PM2.5 para reter as partículas ultrafinas e os alérgenos.

Ainda no campo, tecnológico, o SUV britânico conta com Apple CarPlay e Bluetooth de série, pode ser equipado com um carregador de smartphone por indução e até recebeu uma nova câmara Surround 3D que disponibiliza uma vista panorâmica de 360º.

Mais rápido… a carregar

Por fim, chega a hora de te falar acerca da maior novidade do revisto Jaguar I-PACE: a redução do tempo de carregamento.

Esta foi conseguida graças à incorporação de série de um carregador de 11 kW a bordo para
que seja possível aceder a tomadas trifásicas.

VÊ TAMBÉM: Range Rover com edição limitada para comemorar 50 anos de vida
Jaguar I-PACE

Assim sendo, com um carregador trifásico de parede ou wallbox de 11 kW é possível recuperar e recarregar 53 km* de autonomia (ciclo WLTP) por hora, completando o carregamento desde zero em apenas 8,6 horas.

Já com um carregador de parede monofásico de 7 kW é possível recuperar até 35 km por hora, conseguindo o carregamento completo após 12,75 horas.

VÊ TAMBÉM: Jaguar XE SV Project 8 bate o seu próprio recorde no “inferno verde”

Por fim, o carregador de 50 kW permite repor até 63 km de autonomia em 15 minutos, e o carregador de 100 kW disponibiliza até 127 km no mesmo tempo.

Com exceção desta redução do tempo de carregamento, em tudo o resto o I-PACE manteve-se idêntico. Assim, a potência continua a fixar-se nos 400 cv e 696 Nm e a autonomia nos 470 km (ciclo WLTP).

Jaguar I-PACE

Segundo a Jaguar, o revisto I-PACE já se encontra disponível em Portugal, com os preços a arrancarem nos 81 788 euros.

Sabes responder a esta?
Qual era a potência do Jaguar XJ220?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

As máquinas de sonho dos anos 90
Em cheio!!
Vai para a próxima pergunta

ou lê o artigo sobre este tema:

As máquinas de sonho dos anos 90

Mais artigos em Notícias