Lançamento

Renovado Volkswagen Passat GTE já tem preços para Portugal

Com uma maior autonomia elétrica, o renovado Passat GTE chega ao mercado nacional em setembro e a Volkswagen já divulgou os seus preços.

Numa altura em que a grande maioria das marcas aposta na eletrificação (veja-se o exemplo da Mercedes-Benz com as versões híbridas plug-in dos Classe A e B), a Volkswagen também reforçou os argumentos do Passat GTE, que se junta à atualizada gama.

Revelado no Salão de Genebra, o renovado híbrido plug-in da marca de Wolfsburgo conjuga o motor o 1.4 TSI de 156 cv com um motor elétrico de 85 kW (116 cv), alcançando uma potência combinada de 218 cv. Nesta renovação, o Passat GTE viu a bateria aumentar a sua capacidade dos 9,9 kWh para 13 kWh.

Ora isto permitiu um aumento de 40% da autonomia elétrica, com o Passat GTE a conseguir percorrer em modo 100% elétrico 56 km (55 km no caso da carrinha), isto já de acordo com o ciclo WLTP.

VÊ TAMBÉM: Estes são os elétricos com mais autonomia que podes comprar até 50 mil euros
Volkswagen Passat GTE

Quanto vai custar?

Por defeito, e caso a bateria tenha carga suficiente, o Passat GTE arranca sempre no “E-Mode”, ou seja, no modo 100% elétrico. Para além deste, estão disponíveis mais dois modos de condução: “GTE”, destinado a uma condução desportiva, que oferece a potência total do sistema, e “Híbrido”, que alterna automaticamente entre o motor elétrico e o motor de combustão.

Volkswagen Passat GTE

Quanto ao carregamento, a bateria do Passat GTE tanto pode ser recarregada em andamento (no modo “Híbrido”) como através de um carregador de 3,6 kW. Numa tomada convencional de 230 V/2,3 kW uma recarga completa demora 6h15min. Já numa Wallbox ou posto de carregamento de 360 V/3,6 kW a carga demora 4h.

VÊ TAMBÉM: Ao volante do Volkswagen Golf GTE. Poupado? Depende
Volkswagen Passat GTE

Com chegada agendada para setembro, o Passat GTE terá preços a começar nos 45 200 euros (48 500 euros no caso da carrinha). Como o preço está abaixo dos 50 mil euros, o Passat GTE é ainda elegível para vários benefícios fiscais caso seja comprado por empresas, com o IVA a ser dedutível e a tributação autónoma a ficar-se pelos 17,5% (em vez dos habituais 35%).

Sabes responder a esta?
Em que ano surgiu a primeira geração do Audi A4?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Audi A4 faz 25 anos. Todas as gerações do Audi mais vendido de sempre

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos