Notícias Aston Martin DBS 770 Ultimate. O mais potente dos DBS é também o último

Apresentação

Aston Martin DBS 770 Ultimate. O mais potente dos DBS é também o último

Limitado a 499 unidades, o DBS 770 Ultimate é o modelo de produção mais potente da Aston Martin. Já esgotado, marca o fim da produção do DBS.

Aston Martin DBS 770 Ultimate vista dianteira 3/4

O Aston Martin DBS 770 Ultimate marca o fim da atual geração do DBS e é caso para dizer que dificilmente a marca britânica encontrava melhor forma de se despedir do seu modelo.

Limitado a 499 unidades — 300 Coupe e 199 Volante — o DBS 770 Ultimate já esgotou e apresenta-se como o “Aston Martin de produção mais potente de sempre”, diz a marca — o exótico e mais limitado Valkyrie de 1160 cv foi «esquecido»…

Equipado com o mesmo 5.2 V12 biturbo, o DBS 770 Ultimate conta com 770 cv às 6500 rpm e 900 Nm entre as 1800 rpm e as 5000 rpm. Para colocar estes números em perspetiva, são mais 45 cv que nos restantes DBS e mais 10 cv do que oferece o Aston Martin One-77.

A NÃO PERDER: Saiu da Europa mas Nissan GT-R ainda «vive» no Japão. O que traz de novo?
Aston Martin DBS 770 Ultimate vista traseira 3/4

Acoplado a uma caixa automática de oito velocidades da ZF, este V12 permite à Aston Martin anunciar o DBS 770 Ultimate como o “DBS mais rápido de sempre”. Porém, o único valor de performance até agora revelado foi o da velocidade máxima, que é de 340 km/h, e é a mesma anunciada para os DBS «normais».

Visual à altura…

Sendo a última iteração do grand tourer de alta performance, e para mais uma edição limitada, o DBS 770 Ultimate não podia ter um visual igual ao dos seus «irmãos».

No exterior o modelo britânico recebeu um splitter maior na dianteira, detalhes em fibra de carbono, um difusor redesenhado na traseira e ainda um novo capô. Contudo, são as jantes exclusivas de 21” que captam todas as atenções. A envolvê-las encontramos pneus Pirelli P Zero.

No interior do DBS 770 Ultimate são detalhes como o logótipo no apoio de braços e as placas numeradas que nos recordam de que este DBS é «especial». Além disso, os bancos Sports Plus forrados parcialmente a Alcantara são oferecidos de série bem como as patilhas da caixa de velocidades em fibra de carbono.

LEIAM TAMBÉM: AMG, Rimac ou Lucid. Qual será a base do futuro Aston Martin elétrico?

Por fim, os clientes que quiserem tornar o seu DBS 770 Ultimate (ainda) mais exclusivo podem sempre recorrer à divisão Q by Aston Martin que se dedica à personalização dos modelos da marca.

… e dinâmica também

Além das alterações visuais, o DBS 770 Ultimate também recebeu melhorias no capítulo do comportamento dinâmico. Para começar, o derradeiro DBS conta um diferencial autoblocante para melhor colocar todo o «poder de fogo» do V12 biturbo no asfalto.

A Aston Martin melhorou ainda o tato e a resposta da direção e «mexeu» na suspensão — ajustando a calibração dos amortecedores e o software do sistema de amortecimento adaptativo.

Aston Martin DBS 770 Ultimate jantes
As jantes de 21” são um dos maiores chamarizes do DBS 770 Ultimate.

Já o sistema de travagem recebeu discos de carbono com 410 mm à frente enquanto os discos de 360 mm traseiros são os mesmos dos outros DBS.

Com o arranque da produção agendado o primeiro trimestre de 2023, o DBS 770 Ultimate deverá começar a ser entregue no terceiro trimestre do ano. Para já a Aston Martin não revelou qual o preço das 499 unidades que vai produzir.

Sabe esta reposta?
Qual destes modelos contou com uma versão desenvolvida com o apoio da Aston Martin?
Oops, não acertou!

Pode encontrar a resposta aqui:

Antes do Cygnet, a Aston Martin criou o luxuoso Frazer-Tickford Metro