BMW M2. Tudo sobre o último BMW M puramente a combustão

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Apresentação

BMW M2. Tudo sobre o último BMW M puramente a combustão

Pode ser difícil esquecer a estética do novo BMW M2. Contudo, quando o fazemos vemos que se trata de um «desportivo à moda antiga».

O fim de uma era. Pode parecer exagerado, mas é assim que podemos descrever o novo BMW M2(G87).

Tudo porque o novo M2, um dos lançamentos mais aguardados da casa de Munique, será o último BMW M puramente a combustão.

E se a sua estética pouco consensual certamente vai dar que falar, são as suas especificações técnicas que lhe garantem um lugar na história da BMW M ainda antes sequer de a primeira unidade ter sido vendida.

A NÃO PERDER: BMW XM. Tudo sobre o BMW M mais potente (e pesado) de sempre
BMW M2 em pista vista traseira 3/4

Os números do novo M2

Tal como tinha sido antecipado, o novo BMW M2 apresenta-se com o mesmo motor dos M3 e M4. Designado S58, trata-se de um seis cilindros em linha com 3,0 l de capacidade, biturbo.

No novo M2 este propulsor debita 460 cv às 6250 rpm e 550 Nm de binário entre as 2650 e as 5870 rpm. Em comparação, o seu antecessor oferecia 370 cv e 500 Nm; números que cresceram até aos 410 cv e 550 Nm no M2 Competition; e culminaram no derradeiro M2 CS que oferecia 450 cv e 550 Nm.

BMW M2
O motor é o mesmo dos M3 e M4 mas oferece um pouco menos de potência.

Com o limitador colocado nas 7200 rpm, este motor envia o binário exclusivamente às rodas traseiras. Fá-lo por intermédio de uma caixa automática com oito relações ou, em opção, por uma manual de seis velocidades, sem dúvida a versão mais desejada.

«Peso-pesado»

Além de «herdar» do M4 o seu motor, o novo BMW M2 parece também ter «herdado» a sua massa. Na versão com caixa manual acusa na balança 1700 kg (DIN), valor que sobe para os 1725 kg na variante automática.

É exatamente a mesma massa do maior M4 Competition — que também já testámos —, e 150 kg a mais que o antecessor M2 Competition (!).

Apesar do aumento da massa, o novo M2 é quase tão rápido como os M3 e M4. Os 0 aos 100 km/h são cumpridos em apenas 4,1s (4,3s com caixa manual) e a velocidade máxima limitada de 250 km/h pode subir para os 285 km/h com o opcional “M Driver’s Package”.

Pronto para as curvas

Como seria de esperar, grande parte do trabalho dos engenheiros da BMW M focou-se em garantir que o seu último modelo exclusivamente a combustão não desiludia nas curvas.

Desta forma, são várias as «armas» do novo BMW M2 para enfrentar com à vontade traçados mais sinuosos. Para começar, a distribuição de peso está perto dos ideais 50:50.

A isto juntam-se a suspensão adaptativa, o sistema de direção M Servotronic com rácio variável e um sistema de travagem otimizado.

Com discos compósitos, este apresenta-se com seis pistões à frente e um atrás. Contudo, o mais interessante é a possibilidade de o condutor ajustar o tato do pedal do travão (há duas opções à escolha).

Por fim, o último BMW M exclusivamente movido a octanas conta ainda com um diferencial ativo no eixo traseiro para gerir da melhor forma a entrega de binário.

Exterior controverso, interior moderno

Acerca do exterior do BMW M2 já muito se escreveu, mas convém destacar que por trás de algumas das controversas linhas há função além de forma.

Por exemplo, segundo a BMW as redesenhadas entradas de ar nos para-choques permitiram otimizar a refrigeração dos travões e do motor. Já o spoiler traseiro contribui para mais downforce.

Quanto ao interior, o BMW M2 destaca-se pela adoção do sistema iDrive 8 e de dois enormes ecrãs. Um, com 12,3”, cumpre as funções de painel de instrumentos. O outro, com 14,9”, alberga o sistema de infoentretenimento.

Ainda no habitáculo do novo BMW M2 há a destacar a possibilidade de contar com bancos em fibra de carbono. Opcionais, estes bancos permitem poupar cerca de 10,8 kg.

Quando chega e quanto vai custar?

O BMW M2 será produzido exclusivamente na fábrica da BMW em San Luis Potosí, no México. Recorde-se que já é daquela unidade fabril que saem todos os BMW Série 2 da atual geração.

Com chegada ao mercado prevista para abril de 2023, o novo BMW M2 deverá custar em Portugal cerca de 87 500 euros.

Sabe responder a esta?
Qual era a potência do BMW 333i (E30)?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

BMW 333i (E30). O «primo do M3» que pouca gente conhece

Mais artigos em Notícias