Testámos o Hyundai Staria 2023. O monovolume que os portugueses (ainda) não podem comprar

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

GCOTY

Testámos o Hyundai Staria 2023. O monovolume que os portugueses (ainda) não podem comprar

No âmbito do German Car of The Year (GCOTY), tivemos oportunidade de testar o novo Hyundai Staria. Um modelo cheio de virtudes cuja chegada a Portugal ainda é uma incógnita.

Esteticamente, o Hyundai Staria parece saído de um filme de ficção cientifica. Ou por outras palavras, vindo do futuro.

Olhem só para ele. Parece uma criação de um filme «retro-futurista» dos anos 80 — à semelhança dos seus irmãos IONIQ 5 e 6. Mas ao contrário do que seria de esperar, no que diz respeito às motorizações, este monovolume (MPV) da marca coreana não podia ser mais tradicional.

Parece elétrico, mas o Hyundai Staria não é um 100% elétrico. Alias, nem sequer oferece qualquer tipo de eletrificação na sua gama. Vejam neste vídeo:

A NÃO PERDER: IONIQ 6. Os primeiros números do anti-Model 3 da Hyundai

Quem quiser optar por Hyundai Staria terá de escolher entre um motor Diesel 2.2 litros com 136 cv ou 177 cv. Em alternativa — apenas disponível num punhado de mercados — há também um massivo motor 3.5 litros V6 a gasolina com mais de 260 cv.

Porém, como veremos adiante, Portugal não está, para já, na lista de países que vai receber este MPV sul-coreano.

Uma enorme (mesmo enorme) surpresa

O Hyundai Staria foi dos modelos que testei, que mais me surpreendeu nos últimos meses.

A expectativa era relativamente baixa, mas estava redondamente enganado. As suas qualidades estão muito acima da média.

Temos de concordar que os MPV não são os automóveis mais entusiasmantes do mercado.

Apesar disso, a marca coreana conseguiu desenvolver um produto muito interessante do ponto de vista do estilo e do design. O interior é muito espaçoso, bem desenhado e igualmente bem construído. O recurso a materiais de alta qualidade afastam-nos definitivamente do universo dos monovolumes derivados de veículos comerciais.

Hyundai Staria MPV

Em estrada, como seria de esperar, é o conforto que impera. Esqueçam as prestações dinâmicas — estão a procurar no local errado — aqui todo o trabalho desenvolvido teve em consideração o bem-estar dos passageiros.

LEIAM TAMBÉM: Hyundai está a desenvolver elétrico de 20 mil euros para a Europa. Será o novo i10?

Dito isto, não significa que o Hyundai Staria seja mau dinamicamente. É previsível e seguro, mas pouco envolvente.

Hyundai Staria em Portugal

Hyundai Staria em Portugal. Esta é uma frase que dificilmente vão voltar a ler. Provavelmente, por motivos de competitividade fiscal, o Hyundai Staria não será comercializado em Portugal, pelo menos nesta fase.

Hyundai Staria GCOTY YouTube-2 © Razão Automóvel

Como sabemos, no nosso país não há incentivos para veículos que não sejam elétricos ou híbridos plug-in.

Era um produto que tinha tudo para dar certo. Em Espanha, por exemplo, o Hyundai Staria está disponível por pouco mais de 50 000 euros. Um valor muito adequado face a tudo o que oferece. Em Portugal, bem, em Portugal o cenário seria distinto.

Quão distinto? A resposta a esta questão dependa da Hyundai Portugal e da sua decisão em trazer o Staria para o nosso país. Nós não nos importamos de esperar. Vale a pena.

Primeiras impressões

7 / 10
Um modelo cheio de virtudes onde o conforto impera. É uma pena que, para já, o seu percurso comercial não tenha Portugal como destino. Neste segmento, é dos melhores produtos que já testei.

  • Espaço;

  • Design;

  • Qualidade de construção;

  • Equipamento;

  • Motor Diesel de 136 cv sente-se «curto»;

  • Dinâmica mediana;

  • Não está disponível em Portugal


Sabe responder a esta?
Qual é a potência do Hyundai Kauai N?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Testámos o Hyundai Kauai N. O que vale o primeiro N em formato SUV?

Mais artigos em Testes, Primeiro Contacto