Carros de Polícia. Os «reforços» das forças de segurança para 2022

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Carros de polícia

Carros de Polícia. Os «reforços» das forças de segurança para 2022

Desde um BMW M3 até ao Alfa Romeo Stelvio, um pouco por todo o mundo a polícia tem estado a renovar a sua frota com novos carros.

Enquanto a nossa PSP conta com um Audi R8, um BMW i8 ou um Subaru Impreza WRX e a nossa GNR recorre aos serviços de um Nissan GT-R, lá fora as suas congéneres também têm «enriquecido» as suas frotas com carros de polícia muito interessantes.

Começamos pelo Alpine A110, que não é uma novidade absoluta. Em outubro passado foi noticiado que estava de regresso à Gendarmerie Nationale, replicando o papel do A110 original que foi parte integrante da força policial durante a década de 60.

São 26 unidades do desportivo gaulês que começam agora a entrar ao serviço, pintados num vistoso azul escuro e com todos os «acessórios» típicos dos carros da polícia. O A110 (versão Pure de 252 cv e menos de 1200 kg), terá como missão patrulhar as autoestradas francesas para detetar e deter «aceleras». Vai efetuar ainda outras missões, como por exemplo, as relacionadas com o tráfico de droga.

A NÃO PERDER: A polícia de Vigo multou os seus próprios carros. Mas porquê?

Novos tempos na Austrália

Depois de largos anos em que a polícia australiana recorria a modelos da Ford ou da Holden produzidos localmente — e que o deixaram do ser nos últimos anos —, as forças de segurança têm vindo a adotar modelos de outras marcas e o mais recente «recruta» é o novo BMW M3 Competition.

Ainda em fase de testes, este único M3 Competition recebeu uma decoração específica (que podem ver na imagem de capa) à qual se junta o seu 3.0 l de seis cilindros biturbo com 510 cv e 650 Nm, que surge associado a uma caixa automática de oito relações M Steptronic. A versão em testes mantém-se fiel à tração traseira.

BMW M3 Competition

Como já tinha acontecido com um BMW M5 anteriormente, também este M3 Competition é um empréstimo da BMW Austrália à Polícia de Victória, que deverá ser devolvido à marca após um determinado período de tempo.

Espanhóis com italianos

Já em Espanha, a Guardia Civil recebeu nada mais nada menos que 301 unidades do Alfa Romeo Stelvio. Estas associam um motor 2.2 l Diesel de quatro cilindros ao sistema de tração integral Q4. Com uma caixa automática de oito relações, estes Stelvio terão como missão patrulhar as estradas do país vizinho.

Eletrificação no Reino Unido

Por fim, no Reino Unido já se testa a passagem para as energias alternativas. É o que justifica o recurso ao elétrico Tesla Model 3 pelas forças de segurança britânicas, que completou nove meses de testes junto da polícia britânica. Não é a primeira vez que vemos as forças policiais testarem veículos elétricos: o Model 3 já esteve ao serviço da polícia de Westport, no estado norte-americano do Connecticut.

Tesla Model 3

As conclusões destes testes foram positivas, com a autonomia superior a 322 km a revelar-se adequada e as luzes LED usadas pelos carros de polícia a apresentarem um reduzido consumo de energia. Já o sistema de reconhecimento de matrículas também consome pouca autonomia.

A juntar a isto, as reduzidas manutenções também se revelaram convenientes (apenas pneus e travões) e nem o carregamento foi visto como um «problema». Bastam menos de 20 minutos num supercarregador da Tesla, para repor 70% da autonomia od Model 3, dando aos agentes energia suficiente para mais 5-6 horas de serviço.

Sabe responder a esta?
Em que ano foi revelado o Opel Calibra?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Opel Calibra. O coupé esculpido pelo vento
Em cheio!!
Vá para a próxima pergunta

ou leia o artigo sobre este tema:

Opel Calibra. O coupé esculpido pelo vento

Mais artigos em Notícias