Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Apresentação

Rocks-e. A Opel também vai ter um Citroën Ami

Depois da Citroën com o Ami, a Opel é a segunda marca da Stellantis a apostar nos quadriciclos elétricos. Igual ao Ami, o Opel Rocks-e chega já no outono.

Depois de vários anos a apresentar protótipos de microcarros (como os Maxx, Trixx ou RAK e), a Opel vai finalmente lançar um veículo exclusivamente destinado ao uso urbano: o Opel Rocks-e.

Não é preciso ser muito observador para perceber que este modelo não é mais que o “irmão gémeo” do Citroën Ami, com o Rocks-e a distinguir-se do modelo gaulês pelos logótipos específicos, alguns elementos decorativos e pouco mais.

Assim, o novo quadriciclo da Opel herda do Ami o design simétrico, como por exemplo, os painéis da carroçaria iguais à frente e atrás (tal como as como as portas laterais). Curiosamente, o esquema de cores em que este se apresenta acaba por contribuir para uma imagem menos “cinzenta” do que a dos primeiros Ami que temos visto (algo solucionável com os muitos kits de personalização).

Opel Rocks-e

Tal como exterior, também o interior é igual ao do Ami, contando assim com um pequeno painel de instrumentos digital, uma entrada USB, porta-copos, alguns espaços de arrumação e dois bancos bastante simples. Uma vez mais, as diferenças estão resumidas às cores escolhidas e, claro está, ao logótipo no volante.

A NÃO PERDER: 600 mil quilómetros. Esta Astra Caravan ganhou um lugar no museu da Opel

Primeiro na Alemanha

A animar o Opel Rocks-e encontramos exatamente a mesma mecânica usada pelo Citroën Ami. Assim sendo, o pequeno quadriciclo com 2,47 m de comprimento e rodas de 14” recorre a um motor elétrico com 8 cv (instalado à frente) que é alimentado por uma bateria de iões de lítio de 5,5 kWh, montada na traseira.

Com somente 425 kg e homologado como um quadriciclo, o Opel Rocks-e vê a sua velocidade máxima limitada aos 45 km/h. Já a sua autonomia ascende aos 75 km, podendo este ser recarregado numa tomada doméstica comum em apenas três horas.

Com chegada aos concessionários alemães prevista já para o outono, em 2022 o Opel Rocks-e deverá chegar a outros mercados. Apesar de a marca alemã ainda não ter divulgado os seus preços, já sabemos que este será vendido em três versões diferentes: Rocks-e, Rocks-e “Klub” e Rocks-e “TeKno”.

Sabe responder a esta?
Em que ano foi revelado o Opel Calibra?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Lembras-te deste? Opel Calibra, esculpido pelo vento

Mais artigos em Notícias