Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Indústria

AMG, Maybach e Classe G juntas em novo grupo

Os planos de restruturação na Daimler incluem a criação de uma nova unidade de negócio formada pelas submarcas AMG, Maybach e Classe G.

O objetivo de juntar a AMG, Maybach e Classe G (o modelo é considerado uma submarca) passa por otimizar os custos de marketing e de melhorar a produtividade e rentabilidade (foco nas vendas com margens altas).

O novo grupo será revelado oficialmente em setembro, coincidindo com o Salão de Munique, mas apesar de ainda não ter nome, tudo aponta para que seja liderado pelo atual diretor executivo da AMG, Philipp Schiemer.

Cada uma das três submarcas tem um posicionamento claro, não se esperando qualquer sobreposição entre as três. A AMG continuará a ser a marca da performance no universo Mercedes, a Maybach terá como alvo rivais como a Rolls-Royce e a Bentley, enquanto a Classe G focar-se-á em veículos todo o terreno de luxo.

VEJAM TAMBÉM: Futuro da AMG será 100% eletrificado. Falámos com quem decide em Affalterbach
Mercedes Maybach S-Klasse

A AMG prepara-se para introduzir os seus primeiros modelos eletrificados, que a médio prazo, constituirão a totalidade da sua gama, entre híbridos plug-in e 100% elétricos.

A Maybach, relançada como submarca há uns anos, tem-se revelado uma aposta bastante lucrativa, tendo agora dois modelos no seu portefólio: o S 580, derivado do novo Classe S (W223), e o GLS 600, o seu primeiro SUV.

Os planos para o “eterno” G parece que incluirão mais variantes, entre as quais, segundo alguns rumores, uma 100% elétrica que poderá adotar o nome EQG.

Mercedes-Benz G350d

Em declarações à publicação alemã Automobilwoche, um porta-voz da Daimler comentou em relação a esta decisão que “não só manteremos a independência, identidades fortes e as culturas corporativas evoluídas destas marcas individuais, como as expandiremos e as tornaremos mais acutilantes”.

Mais artigos em Notícias