Vídeo

Novo Hyundai Bayon. Tem preço e equipamento, será que chega?

Posicionado abaixo do Kauai, o novo Hyundai Bayon apresenta-se como a "porta de entrada" para a gama SUV da marca sul-coreana. Mas tem argumentos?

Em Guincho, Portugal

Ciente da cada vez maior importância dos SUV/Crossover, a Hyundai não se deixou “adormecer à sombra” do sucesso do Kauai e decidiu reforçar a sua presença no segmento dos B-SUV. O resultado foi o Hyundai Bayon.

Com 4180 mm de comprimento, 1775 mm de largura, 1490 mm de altura e uma distância entre eixos de 2580 mm, o Bayon é pouco mais pequeno que o Kauai (4205 mm de comprimento, 1800 mm de largura, 1565 mm de altura e 2600 mm de distância entre eixos). Já a bagageira oferece 411 litros, um valor superior aos 374 litros propostos pelo Kauai.

De resto, o modelo baseado na plataforma usada pelo i20 não esconde a familiaridade com o utilitário no interior, sendo o seu tabliê exatamente igual ao do seu “irmão”.

A NÃO PERDER: Hyundai Kauai EV 39 kWh. Menos bateria, menos performance, mas mais barato. A opção certa?

Com uma forte aposta no espaço e na oferta de equipamento, será que o Bayon tem argumentos para a “luta” no segmento B-SUV? Para responder “passo a palavra” ao Guilherme Costa, que já esteve ao vivo com a proposta sul-coreana:

Um motor e um nível de equipamento

Tal como o Guilherme nos relembra no vídeo (e como tínhamos noticiado), o novo Hyundai Bayon apresenta-se com uma só motorização e um nível de equipamento.

O motor escolhido foi 1.0 T-GDi de 100 cv que surge associado a uma transmissão manual de seis relações ou automática de dupla embraiagem (esta uma opção que custa cerca de 1600 euros). No total, o Bayon apresenta-se com nove cores exteriores (é também possível pintar o tejadilho, como opção, na cor “Phantom Black”).

Hyundai Bayon
O interior do Bayon é idêntico ao que encontramos no i20.
VEJAM TAMBÉM: Testámos o Hyundai i30 SW 1.0 TGDi N Line. Mudou, mas está melhor?

Já no campo do equipamento de série temos o sistema de segurança Hyundai SmartSense (que traz, entre outros, equipamentos como o sistema de manutenção na faixa de rodagem ou controlo automático dos máximos), um painel de instrumentos digital de 10,25” e um ecrã central de 8” compatível com Apple CarPlay e Android Auto.

Já disponível em Portugal, o Hyundai Bayon custa 20 200 euros, contando com os habituais sete anos de garantia sem limite de quilómetros, sete anos de assistência em viagem e de check-ups anuais gratuitos.

Descubra o seu próximo carro:

Sabe responder a esta?
Em que ano foi lançado o Hyundai S Coupe?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Pequenos coupés dos anos 90, qual escolhias?

Mais artigos em Testes, Primeiro Contacto