Fotos-espia

Novo Kia Sportage em junho, mas fotos-espia já deixam adivinhar uma “revolução”

A revelação final do novo Kia Sportage acontece já no próximo mês de junho, mas ainda houve tempo para apanhá-lo nestas fotos-espia tiradas na Europa.

Não é a primeira vez que a nova geração do Kia Sportage (NQ5) é apanhada na Europa, mas estas fotos-espia poderão muito bem ser as últimas antes da revelação final do modelo já no próximo mês de junho — início de comercialização pode acontecer ainda antes de 2021 terminar.

Apesar de camuflado, o SUV médio sul-coreano deixa adivinhar mudanças estéticas substanciais em relação ao Sportage em comercialização, como é possível de “espreitar” através das aberturas da sua camuflagem. Ou seja, aposta na “revolução” e não na evolução para o design da nova geração.

Em destaque, na frente, os grupos óticos dianteiros, mais angulares no formato e verticais no posicionamento, a contrastar com a geração atual, em que as óticas dianteiras se prolongam pelo capô em direção ao pilar A.

VEJAM TAMBÉM: Renovado Kia Ceed também deixa-se “apanhar” pelas câmaras
Kia Sportage fotos-espia © Razão Automóvel

De notar ainda a grelha à frente, cuja abertura (real) à vista é bastante pequena e que parece não crescer muito mais para lá daquilo que é possível ver, afastando-se de outras propostas concorrentes, onde as grelhas têm uma presença dominadora.

O perfil do novo Kia Sportage também é marcadamente distinto do antecessor: a começar pelo detalhe do retrovisor que está numa posição mais baixa, que permitiu prolongar a área vidrada à frente, com o anterior triângulo em plástico onde o retrovisor se encontrava a ser agora em vidro; e a terminar (no que é possível ver) na linha base das janelas que deixa de ser retilínea, passando a ter uma mudança, ainda que ligeira, na sua inclinação quando chega à porta traseira.

Kia Sportage fotos-espia © Razão Automóvel

Mesmo considerando a “vestimenta” que cobre o novo Sportage, conseguimos ainda ver parte dos novos grupos óticos traseiros. A maior novidade parece estar na integração do pisca nos grupos óticos superiores, ao contrário do Sportage atual, onde o pisca residia em grupos óticos secundários, posicionados muito mais abaixo.

VEJAM TAMBÉM: E vão 4 milhões. Fábrica da Kia na Eslováquia atinge marco histórico

Do interior não temos nenhuma foto-espia, mas diz quem viu que é de esperar a presença de dois ecrãs horizontais de generosas dimensões (um para o painel de instrumentos e outro para o infoentretenimento), um ao lado do outro. É de esperar uma forte influência no design do interior da nova coqueluche da marca sul-coreana, o EV6.

Kia Sportage fotos-espia © Razão Automóvel

Híbridos para todos os gostos

Ainda não existe confirmação oficial, mas dado a proximidade técnica do Kia Sportage ao Hyundai Tucson que se prolonga por várias gerações, não é difícil prever que encontremos por baixo do capô as mesmas motorizações.

Ou seja, para além das já conhecidas motorizações a gasolina e gasóleo — 1.6 T-GDI e 1.6 CRDi —, a geração NQ5 do novo Kia Sportage deverá herdar as motorizações híbridas do seu “primo”, que viu chegar uma nova e arrojada geração este ano.

A confirmar-se, o SUV sul-coreano deverá ver adicionada à gama um híbrido convencional (sem possibilidade de “ligar à ficha”) que combina o motor de combustão 1.6 T-GDI com um motor elétrico, garantindo 230 cv de potência e consumos moderados; assim como um híbrido plug-in, com 265 cv de potência e uma autonomia elétrica de, pelo menos, 50 km.

Opções motrizes híbridas que também podemos encontrar no maior Kia Sorento que já pudemos testar recentemente — lê ou relê o nosso veredito ao maior dos SUV da Kia à venda em Portugal.

Mais artigos em Notícias