Transformação

Porsche 911 T “hot rod”. Será que ainda o podemos chamar de 911?

Com um enorme V8 da Bentley em posição dianteira, este Porsche 911 T prova que qualquer modelo pode ser transformado num "hot rod".

Símbolo da cultura automóvel norte-americana, os hot rod não costumam viajar para o “lado de cá” do Atlântico. Contudo, há exceções e este Porsche 911 T é a prova.

Com “morada permanente” no Reino Unido, este hot rod começou a sua vida em 1971 como um “simples” 911 T, mas ao longo do seu percurso Alexandre Danton, o seu proprietário, decidiu… “reinventá-lo”.

Desta forma, o flat-six montado em posição traseira foi substituído por um V8 turbo com 6.75 l de um Bentley Mulsanne Turbo que surge em posição… dianteira. Com cerca de 304 cv, este motor surge associado a uma caixa automática e envia a potência às rodas traseiras.

A NÃO PERDER: Wow! Um Toyota Land Cruiser Hot Rod!
Porsche 911T Hot Rod

Um visual à altura

Como seria de esperar num hot rod, o visual deste Porsche 911 T não deixa ninguém indiferente. O motor não tem qualquer cobertura, um dos faróis deu lugar a uma entrada de ar para a admissão e cavas das rodas são um termo desconhecido para este carro.

Além disto o interior é extremamente espartano (os bancos não parecem ser muito confortáveis), contando apenas com o estritamente necessário.

VEJA TAMBÉM: Combustíveis sintéticos podem motivar regresso da Porsche à Fórmula 1

Proibido de circular na via pública (apesar de até ter uma suspensão com altura ajustável), este hot rod esteve a ser leiloado pela Bonhams, que esperava que este fosse vendido por um valor entre as 5000 e as 10 mil libras (entre os cerca de 5800 e os quase 12 mil euros).

Sabe responder a esta?
Qual é a potência do Dacia Spring Electric?

Mais artigos em Notícias