Indústria

O atual CEO da Bugatti pode vir a ser o novo CEO da Lamborghini

Ao que parece, Stephan Winkelmann, atual CEO da Bugatti, é o nome escolhido para suceder a Stefano Domenicali como CEO da Lamborghini.

A notícia está a ser avançada pela Automotive News Europe e dá conta de que o próximo CEO da Lamborghini poderá ser Stephan Winkelmann, o atual CEO da Bugatti. Segundo aquela publicação, se isto se vier a confirmar, Winkelmann irá acumular as funções nas duas marcas e poderá assumir o novo cargo a 1 de dezembro.

Curiosamente, este seria um regresso do alemão a um cargo que já foi seu. É que, caso não saibas, entre 2005 e 2016 Stephan Winkelmann esteve à frente dos destinos da Lamborghini, tendo sido substituído no cargo por… Stefano Domenicali!

Se bem te recordas, o italiano deixou o cargo de CEO da Lamborghini para assumir a partir de janeiro de 2021 o cargo de CEO da Fórmula 1, num regresso a uma “casa” que conhece bastante bem (foi chefe da equipa de F1 da Ferrari entre 2008 e 2014).

VÊ TAMBÉM: Lamborghini Countach Turbo: o pecador de Sant’Agata Bolognese
Stephan Winkelmann, CEO da Bugatti
Stephan Winkelmann, CEO da Bugatti

Não seria caso único

Ainda um rumor, o acumular das funções de CEO da Lamborghini e da Bugatti por parte de Stephan Winkelmann terá de ser aprovado pelo conselho diretivo da Audi antes de ser oficializado uma vez que a empresa alemã está encarregue dos destinos da Lamborghini.

Apesar de pouco usual, a possibilidade de ter a mesma pessoa à frente dos destinos de duas marcas diferentes não é novidade e até dentro do próprio Grupo Volkswagen temos um exemplo bastante recente.

Afinal de contas, o novo presidente da SEAT, Wayne Griffiths é, ao mesmo tempo, CEO e Presidente da marca CUPRA e Vice-Presidente Executivo Comercial da SEAT.

Fonte: Automotive News Europe.

Sabe responder a esta?
Qual era a potência do Lamborghini LM002?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Lamborghini LM002. Há um exemplar do “avô” do Urus à venda

Mais artigos em Notícias