Iate

O Lamborghini mais potente de sempre é um… iate com mais de 4000 cv!

O mais potente Lamborghini de sempre não vai rodar sobre o asfalto. Vai rasgar os mares onde os seus 4000 cavalos podem ser livres. O Tecnomar for Lamborghini 63 vai estar disponível no início de 2021.

Depois de algumas reuniões preparatórias entre a Lamborghini e a Italian Sea Group, ainda em 2019, já são conhecidas as primeiras imagens do sensacional iate de luxo super desportivo, anunciado pelas duas marcas no passado mês.

Com o intuito de ser a expressão máxima sobre os mares dos valores das duas empresas, tanto a Lamborghini como a Italian Sea Group, estão a colocar todos os seus esforços no desenvolvimento deste Lamborghini dos mares.

O Centro Stile da Lamborghini tentou transmitir ao centro de design do seu parceiro neste arrojado projeto as linhas-mestras do seu hiperdesportivo, o Lamborghini Sián FKP — que tu podes conhecer aqui — e também os princípios inerentes à super bateria e aos materiais avançados deste modelo, para serem replicados neste iate de sonho.

VÊ TAMBÉM: 6 Lamborghini especiais, porque os outros são demasiado “banais”
Tecnomar for Lamborghini 63

Mais de 4000 cv de potência

Com dois motores MAN V12-2000 cv, o Tecnomar for Lamborghini 63 — uma homenagem ao ano de fundação da Lamborghini e uma alusão ao comprimento da embarcação — será capaz de atingir 60 nós (o equivalente a 111 km/h) e será a embarcação mais rápida da frota da Tecnomar.

O material de fibra de carbono, típico dos super desportivos Lamborghini, permite a sua classificação como barco ultraleve. São 24 toneladas 63 pés de comprimento.

A silhueta superdesportiva vanguardista é marcada por elementos do mundo náutico. O casco e a estrutura com materiais, especialmente leves e rígidos, são criados a partir de uma armação de alto desempenho, desenvolvida por engenheiros navais especializados em ciências hidrodinâmicas, a quem foi pedido que reinterpretassem, à luz da contemporaneidade, o design criado por Marcello Gandini no Miura e no Countach dos anos 60 e 70.

O hard top, por outro lado, é inspirado nos Lamborghini Roadster, proporcionando sol e proteção do vento, mas sempre com o desempenho aerodinâmico como prioridade. Os faróis na proa são uma homenagem aos concept-cars Lamborghini Terzo Millennio e Sián FKP 37, ambos com um visual muito marcado pelos faróis suas dianteiros em forma de Y.

O painel de instrumentos tenta igualmente seguir o mote dos cockpit dos atuais Lamborghini cruzando-o com o estilo náutico, integrando assim todos os sistemas de navegação e comando.

Como não poderia deixar de ser, há acabamentos em fibra de carbono, com o revestimento Carbon Skin ™ da Lamborghini a ser aplicado nos bancos desportivos e no leme.

O inconfundível botão start/stop do motor (neste caso são até dois, um para cada motor) é precisamente o mesmo usado para dar vida ou calar o motor de qualquer modelo da Lamborghini.

A NÃO PERDER: Lamborghini LM002. O «touro indomável» de Sant’Agata Bolognese

Ad Personam. O teu Lamborghini à medida

O programa de personalização da Lamborghini, Ad Personam, está preparado para permitir que cada um destes iates possa ser uma peça única (duas configurações de base, mas uma enorme panóplia de cores e materiais por onde escolher), como é do agrado do exigente cliente neste segmento de mercado de ultra luxo.

VÊ TAMBÉM: Lamborghini Countach Turbo: o pecador de Sant’Agata Bolognese
Tecnomar for Lamborghini 63

Antes das entregas aos primeiros clientes, que acontecerá no início de 2021, os presidentes das duas empresas não escondem a satisfação com o resultado obtido neste projeto. Quanto ao preço de todo este luxo, esse anda ligeiramente abaixo dos 3 milhões de euros (mais impostos).

Stefano Domenicali, CEO da Automobili Lamborghini, considera que ”é uma parceria valiosa e uma cooperação que preserva a essência do estilo e da experiência de ambas as empresas em mundos diferentes, que culmina num produto final especial, exclusivo e revolucionário”.

VÊ TAMBÉM: Lamborghini Huracán com mais de 300 mil quilómetros à venda. Será um recorde?

Já Giovanni Costantino, CEO do The Italian Sea Group (que detém as marcas Admiral, de iates elegantes, e Tecnomar, de iates desportivos, expressou a sua convicção que este iate a motor – o mais rápido da frota Tecnomar – se tornará num “ícone tão futurista quanto o automóvel em que se inspira”.

Sabes responder a esta?
Qual foi o primeiro modelo da Lamborghini?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Ferruccio vs Enzo: as origens da Lamborghini

Mais artigos em Notícias