Renovação

Fica a saber o que mudou no Honda Civic Type R 2020

Cerca de três anos depois do seu lançamento, o Honda Civic Type R foi alvo de uma (ligeira) renovação. Fica a saber o que traz de novo.

O Honda Civic Type R é daquele tipo de carros que praticamente dispensa apresentações. Três anos depois do seu lançamento continua a ser um dos hot hatch mais desejados (e eficazes) do mercado — ainda é o alvo a abater — e parece imune à passagem do tempo.

No entanto, a Honda não se deixou dormir à sombra da bananeira. Aproveitando a renovação operada nos restantes Civic, a marca japonesa fez o mesmo naquele que até há bem pouco tempo era o tração dianteira mais rápido no Nürburgring.

Assim sendo, o Civic Type R não só recebeu atualizações estéticas, como um reforço tecnológico e até o chassis não ficou imune a revisões. Já o 2.0 l VTEC Turbo com 320 cv e 400 Nm manteve-se inalterado, para gáudio dos fãs do modelo nipónico.

VÊ TAMBÉM: O meu desejo de ano novo? Ver a Honda correr entre os carros no Dakar
Honda Civic Type R

O que mudou esteticamente?

Pormenores, como é possível de observar na grelha dianteira redesenhada com vista a melhorar o arrefecimento do motor, e com as generosas “entradas” de ar laterais inferiores, assim como as “saídas” de ar traseiras que receberam um novo preenchimento. Para além disto recebeu uma nova cor exclusiva designada “Boost Blue” (nas imagens).

Quanto ao interior, o volante passou a estar forrado a Alcantara, a pega da caixa de velocidades foi redesenhada e a alavanca encurtada.

Outra das novidades é o facto de o pacote de assistência à condução “Honda Sensing” (que inclui reconhecimento de sinais de trânsito, assistência à manutenção na faixa de rodagem, cruise control adaptativo e travagem automática de emergência) passar a ser oferecido de série.

NÃO PERCAS: Ao volante do Honda HR-V Sport. Queimar os últimos cartuchos

E essas revisões do chassis?

As ligações ao solo do Honda Civic Type R foram revistas, mas não há causa para alarme — os engenheiros da Honda não fariam nada para prejudicar a referência dinâmica do segmento.

Os amortecedores foram revistos para oferecerem um maior conforto, os casquilhos da suspensão traseira passaram a ser mais rígidos para melhorar a aderência e a suspensão dianteira foi revista para melhorar o tato da direção — prometedor…

VÊ TAMBÉM: Testámos o Honda CR-V Hybrid. Diesel para quê?
Honda Civic Type R

Ao nível do sistema de travagem, o Civic Type R recebeu novos discos bimaterial (mais leves que os tradicionais, com benefícios para a redução das massas não suspensas) e novas pastilhas de travão. Segundo a Honda estas alterações permitiram não só reduzir a fadiga do sistema de travagem como melhorar o seu desempenho a alta velocidade.

Por fim, o som, o aspeto mais criticado do Civic Type R, permanece imutável, mas não se tivermos no seu interior. A Honda adicionou o sistema Active Sound Control, que altera o som ouvido no interior de acordo com o modo de condução escolhido — sim, som artificialmente gerado…

Ainda não é possível avançar com a data de início da comercialização do renovado Honda Civic Type R em Portugal ou o seu preço.

Subscreve o nosso canal de Youtube.

Sabes responder a esta?
Qual era a potência do Honda Integra Type R?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Lembras-te deste? Honda Integra Type R, o melhor FWD de sempre

Mais artigos em Notícias