Antevisão

Os primeiros números do anti-Tesla Model 3 da BMW

O BMW i4 tem chegada prevista apenas para 2021, mas a BMW não se coibiu de já revelar os primeiros números do seu anti-Tesla Model 3.

O BMW i4, criado com o intuito de fazer frente ao bem sucedido Tesla Model 3, reflete a aproximação da marca alemã da sua futura gama de elétricos à gama convencional, como referimos há cerca de um ano.

Inserido numa estratégia através da qual a BMW Group pretende oferecer em 2023 um total de 25 modelos eletrificados, o BMW i4 só tem chegada prevista para 2021 (antes dele ainda vamos conhecer o iX3, já no próximo ano).

No entanto, apesar de ainda faltarem cerca de dois anos para ficarmos a conhecer o novo i4, a BMW achou que era altura de divulgar alguns dados acerca da sua futura berlina elétrica e é precisamente acerca deles que te falamos hoje.

VÊ TAMBÉM: Afinal os motores de combustão estão para durar, segundo a BMW
BMW i
Apenas um deles já está em produção, o i3, mas esta imagem serve como um vislumbre para o futuro da BMW.

530

O valor de potência máxima debitado pelo motor elétrico BMW i4 em cavalos-vapor (equivale a 390 kW). Em perspetiva, o Tesla Model 3 Performance oferece cerca de 450 cv e o Polestar 2 fica-se pelos 408 cv.

Aliás, o valor de potência apresentado pela BMW para o motor elétrico do i4 coloca-o no mesmo patamar do V8 (o bloco N63) que encontramos nos X5 M50i, X7 M50i, M550i e M850i, apresentando exatamente o mesmo valor de potência.

VÊ TAMBÉM: BMW 767 iL “Goldfisch”. O derradeiro Série 7 com um colossal V16
BMW i4
O BMW i4 até pode ser elétrico mas esta imagem deixa adivinhar que se vai manter fiel aos pergaminhos dinâmicos da BMW.

80

A capacidade aproximada (em kWh) da bateria com que a BMW vai equipar o i4. Com um desenho plano e uma densidade energética otimizada esta pesa, segundo a marca alemã, cerca de 550 kg.

VÊ TAMBÉM: Testámos o BMW i3s: agora só em modo elétrico
BMW i4
A bateria usada pelo i4 foi desenvolvida de raiz e não só se apresenta com um formato bastante plano como promete uma densidade energética otimizada.

600

A autonomia aproximada, em quilómetros, que a bateria de 80 kWh de capacidade oferece ao BMW i4. O Tesla Model 3 Performance, equipado com uma bateria de 75 kWh de capacidade, oferece uma autonomia de 530 km (este valor sobe para os 560 km na variante Long Range que, por sua vez, é menos potente).

VÊ TAMBÉM: BMW M2 CS. Mais potência, mais carbono, e com caixa manual

35

O número de minutos necessários para recarregar até 80% da bateria do BMW i4 num carregador de 150 kW. Ou seja, segundo a BMW será possível em apenas seis minutos repor cerca de 100 km de autonomia.

Subscreve o nosso canal de Youtube.

4

Valor de referência, em segundos, de que o BMW i4 deverá necessitar para cumprir os 0 aos 100 km/h (um pouco acima dos 3,4s apresentados pelo Tesla Model 3 Performance). Já a velocidade máxima é, segundo a BMW, superior a 200 km/h.

VÊ TAMBÉM: Eletrificação rampante? Não agradeçam à Tesla, mas sim ao… Dieselgate

E mais?

Para já, estes são todos os números que a BMW divulgou acerca do i4. Já no que diz respeito às suas formas, por enquanto, tudo a que temos acesso são as “fotos-espia” oficiais que a marca tem divulgado.

No entanto, é possível adivinhar contornos em tudo semelhantes aos que encontramos no atual BMW Série 4 Gran Coupé — até o construtor refere-se ao i4 como o seu primeiro “Gran Coupé” da BMW i.

A estratégia de uma plataforma modular, capaz de receber diferentes sistemas de propulsão (puros motores de combustão, híbridos plug-in e elétricos), permitirá que o futuro BMW i4 seja produzido em Munique, no mesmo local onde é produzido o BMW Série 3

Por fim, no que diz respeito à tecnologia eDrive que equipa o i4, a BMW afirma que a mais recente versão é construída à volta de um sistema modular que integra o motor elétrico, transmissão e eletrónica, permitindo que este ofereça vários níveis de potência e seja utilizável em diversos modelos.

Sabes responder a esta?
Qual era a potência do BMW 333i (E30)?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

BMW 333i (E30). O «primo do M3» que pouca gente conhece

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos