Salão de Frankfurt 2019

As razões por detrás do novo logótipo da Volkswagen

No meio de uma completa transição para uma nova fase da sua existência, nem o logótipo da Volkswagen escapou. A única questão que se coloca é: porquê?

Citando Sérgio Godinho na música “O Primeiro Dia”, a edição deste ano do Salão de Frankfurt como que se pode definir como “o primeiro dia do resto da vida da Volkswagen”.

Senão vejamos: para além de ali ter revelado aquele que define como um dos três modelos mais importantes da sua história (sim, a Volkswagen coloca o ID.3 no mesmo patamar de importância do Beetle e do Golf), a marca alemã decidiu mostrar ao mundo em Frankfurt o seu novo logótipo e a sua nova imagem.

Mas vamos por partes. O novo logótipo segue uma tendência muito em voga (e já adotada pela Lotus) e abandonou as formas 3D, abraçando o mais simples (e amigo do mundo digital) formato 2D, com linhas mais finas. Quanto ao resto, as letras “V” e “W” continuam a surgir em evidência mas o “W” deixou de tocar na parte inferior do círculo onde estas se encontram.

VÊ TAMBÉM: Todas as novidades do Salão de Frankfurt 2019 estão aqui
Volkswagen logo
O novo logótipo da Volkswagen é mais simples do que o anterior, assumindo um formato 2D.

Para além do visual renovado, o logótipo da Volkswagen vai também adotar um esquema de cores mais flexível (para além do tradicional azul e branco), podendo até adotar outras cores. Por fim, a marca de Wolfsburgo decidiu ainda criar um logótipo sonoro e substituir a voz masculina tradicionalmente ouvida nos seus anúncios por uma voz feminina.

VÊ TAMBÉM: Renovado Volkswagen Passat GTE já tem preços para Portugal

As razões por detrás da mudança

Fruto do trabalho de Klaus Bischoff, chefe de design da Volkswagen, esta mudança de visual leva à substituição de cerca de 70 mil logótipos em mais de 10 mil concessionários e instalações da marca em 154 países, inserindo-se num conceito mais abrangente designado “New Volkswagen”.

Este conceito cria uma aproximação a um “novo mundo Volkswagen”, no qual a digitalização e a conectividade permitem orientar mais a comunicação da marca para o cliente. Segundo Jurgen Stackmann, Diretor de vendas da Volkswagen, “o rebranding abrangente é a consequência lógica de uma reorientação estratégica”, que, se bem te lembras, levou ao nascimento da MEB.

VÊ TAMBÉM: Será o adeus aos quatro anéis da Audi?
Volkswagen logo
O novo logótipo da Volkswagen vai começar a surgir nos espaços da marca a partir de 2020.

De acordo com Jochen Sengpiehl, diretor de marketing da Volkswagen, “o objetivo no futuro não será mostrar um mundo publicitário perfeito (…) queremos tornar-nos mais humanos e animados, adotar mais a perspetiva do cliente e contar histórias autênticas”.

"A marca está a passar por uma transformação fundamental em direção a um futuro com um balanço neutro de emissões. Agora é o momento certo para tornar a nova atitude da nossa marca visível para o exterior".

 Jurgen Stackmann, Diretor de vendas da Volkswagen
Volkswagen logo

Com a chegada do conceito “New Volkswagen”, a marca vai apostar numa apresentação bem mais colorida do que temos visto até agora, sendo que o uso da luz (até para iluminar o logótipo) vai ser uma componente crucial. Tudo isto para transmitir uma imagem mais ousada, jovem e próxima do cliente.

Sabes responder a esta?
Qual é a capacidade mínima da bagageira do Volkswagen T-Cross?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Testámos o Volkswagen T-Cross 1.0 TSI Life: vale a pena poupar?

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos