Apresentação

Renovação do Audi A4 traz S4 Diesel e versões mild-hybrid

A Audi decidiu renovar o A4 e para além de um reforço tecnológico e de um novo visual ofereceu-lhe várias versões mild-hybrid.

Lançada em 2016 e ligeiramente atualizada há cerca de um ano, a quinta geração do Audi A4 foi agora alvo de um profundo restyling que trouxe um novo visual, um reforço tecnológico e ainda várias versões mild-hybrid.

Esteticamente, as principais diferenças surgem na dianteira, que não só recebeu novos faróis como uma grelha revista, apresentando um visual que não deixa de fazer lembrar o do pequeno A1 Sportback.

Já na traseira do renovado A4, as mudanças são mais subtis, com os redesenhados faróis a manterem um visual semelhante aos anteriormente usados.

VÊ TAMBÉM: Audi antecipa novo SUV elétrico em Genebra com o Q4 e-tron
Audi A4 MY2019
Na traseira as mudanças foram mais discretas.

Quanto ao interior, o A4 passou a contar com a mais recente versão do sistema de infotainment  MMI, contando, de série, com um ecrã de 10,1” que pode ser usado através da função touch ou de comandos de voz (o comando rotativo desapareceu). Como opção, o A4 pode ainda contar com um painel de instrumentos digital de 12,3” e um head-up display.

VÊ TAMBÉM: Estas 12 marcas já disseram adeus ao Diesel

Audi S4: Diesel e eletrificado

Como que a provar uma tendência que os novos S6, S7 Sportback e SQ5 já haviam confirmado, também o S4 vai recorrer a um motor Diesel associado a um sistema mild-hybrid de 48 V.

Audi A4
O comando rotativo do sistema de infotainment desapareceu.

O motor é o 3.0 TDI V6 com 347 cv e 700 Nm de binário, valores que permitem ao S4 atingir os 250 km/h (limitados eletronicamente) e cumprir (na versão berlina) os 0 aos 100 km/h em 4,8s. Tudo isto enquanto os consumos se ficam entre os 6,2 e 6,3 l/100 km (6,3 l/100 km na versão Avant) e as emissões entre 163 e 164 g/km (entre 165 e 166 g/km no S4 Avant).

VÊ TAMBÉM: Audi aposta forte nos híbridos plug-in e leva quatro ao Salão de Genebra
Audi S4
Tal como aconteceu com o S6 e S7 Sportback, o S4 também passou a recorrer a um motor Diesel.

Como acontece com outras propostas mild-hybrid  da Audi, o S4 conta com um sistema elétrico paralelo de 48 V que permite o recurso a um compressor de funcionamento elétrico, acionado por um motor elétrico com o objetivo de reduzir o lag do turbo.

Disponível com uma caixa automática de oito velocidades e o tradicional sistema quattro, o S4 vai contar de série com suspensão desportiva. Como opcionais vão estar disponíveis um diferencial desportivo e suspensão adaptativa.

VÊ TAMBÉM: Audi A6 40 TDI testado. The Lord of the… Autobahn
Audi S4
O S4 continua a estar disponível nas variantes sedan e carrinha.

Eletrificar é a palavra de ordem

Para além do S4, também os A4 “normais” vão contar com versões mild-hybrid, sendo que dos seis motores com que o modelo alemão vai ser oferecido inicialmente, três deles vão contar com tecnologia mild-hybrid, neste caso de 12 V e não de 48 V como o S4.

VÊ TAMBÉM: Diesel Power. Qual o mais rápido? 840d vs E 400 d vs A8 50 TDI

De acordo com a Audi, o A4 e o S4 estarão disponíveis para encomenda já este mês, sendo que a versão Allroad poderá ser encomendada no início do verão, com a chegada aos stands preparada para o outono.

Quanto a preços, a versão base, 35 TFSI com o 2.0 l de 150 cv e caixa automática de sete velocidades deverá custar, na Alemanha, a partir de 35 900 euros, já os preços do S4 berlina naquele mercado deverão arrancar nos 62 600 euros.

VÊ TAMBÉM: Diesel ainda compensa? Teste completo ao Peugeot 308 SW 1.5 BlueHDi

Vai ainda estar disponível uma série especial de lançamento, o Audi A4 edition one. Disponível no formato carrinha e sedan, esta pode ser equipada com três motores (o 2.0 TFSI de 245 cv, o 2.0 TDI de 190 cv e o 3.0 TDI de 231 cv), contando com detalhes da série de equipamento S Line no exterior e interior e com o preço a arrancar nos 53 300 euros (na Alemanha).

Sabes responder a esta?
Qual é a potência do Audi SQ2?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

O Audi SQ2 já chegou a Portugal. Fica a saber quanto vai custar

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos