Que semana…

Um elétrico é o Carro Mundial do Ano e nós a desesperar por… combustíveis

A greve dos motoristas de matérias perigosas e a corrida desenfreada aos postos marcou a semana que passou, mas há mais coisas há a assinalar.

A imagem de capa deste artigo, retirada do filme Mad Max, um imaginário pós-apocalíptico onde se luta até à morte por combustível, parece exagerada para representar a semana que passou em Portugal. No entanto, a greve dos motoristas de matérias perigosas durante a semana passada tomou proporções… desmesuradas — haveria razões para tanto?

A corrida desenfreada aos postos de combustível consequente, levando a que muitos esgotassem logo no primeiro dia da greve, tornou a semana pré-mini-férias da Páscoa num cenário quase apocalíptico… pelo menos para alguns.

Após três dias de greve, uma requisição civil e uma lista de postos prioritários, juntamente com uma limitação da quantidade de combustível que poderíamos colocar nos nossos automóveis, tudo acabou por se resolver… pelo menos por agora — as negociações entre as partes interessadas iniciar-se-ão no final deste mês.

RELACIONADO: Falta de combustível. Greve leva postos de abastecimento a fechar
Greve de combustíveis

No entanto, o mundo automóvel continuou a girar. Nesta mesma semana, o Jaguar I-Pace, um veículo elétrico, foi considerado o Carro Mundial do Ano nos World Car Awards — do qual a Razão Automóvel é o único meio nacional presente como jurado —. levaria também para “casa” o troféu de Design Mundial do Ano e Carro Ecológico Mundial do Ano, a que se junta ainda o galardão conseguido um mês antes de Carro Internacional do Ano.

Um carro que nos impressionou na sua estadia connosco, e continua a impressionar pelo mundo fora, como atestam os galardões que não tem parado de ganhar.

Mudando radicalmente de assunto, já nos estreámos em competição com o pequeno Citroën C1 no Troféu C1 Learn & Drive, e tanto o Guilherme como o Diogo deixaram o seu testemunho em vídeo — fica a conhecer todas as peripécias da primeira e muito molhada prova.

A Razão Automóvel também já prepara o seu primeiro evento, o “Off Road Razão Automóvel“, e as inscrições já abriram — fica a saber como é que podes participar.

Por fim, publicámos também mais um guia de compras. Considerando os eventos da semana que passou e se estás para trocar de carro, escolher uma máquina mais “poupada” pode ser uma solução. Fomos à procura dos automóveis novos mais poupados que podes comprar em Portugal, e para saber quais são, recorremos a dados de utilizadores reais que dão uma ideia mais aproximada do potencial de economia de combustível que possuem.

VÊ TAMBÉM: Preciso de um carro com muito espaço. Quais as melhores opções até 30 mil euros?

Ao volante

Esta semana o Guilherme testou o “made in” Portugal Volkswagen T-Roc 1.5 TSI — que podes ver em vídeo —, com tecnologia de desativação de cilindros e um preço que, com opcionais, pode franzir alguns sobrolhos; o João Tomé conduziu o novo Mazda3, um carro que vira cabeças, mas que tem mais argumentos; e por fim, o Diogo colocou-se aos comandos do Model X, o SUV elétrico tamanho XL da Tesla — um vídeo também a não perder.

Mais artigos em Crónicas

Os mais vistos