Mercado

Porque é que o Tesla Model 3 custa tanto?

Foram ontem divulgados os preços do Tesla Model 3 e surpreenderam, mas não pelos melhores motivos. Mas não é um caso difícil de explicar ou de compreender.

Finalmente há preços para o Tesla Model 3 e rapidamente assustamo-nos… Mais de 60 mil euros?! Não era este o carro dos 35 mil dólares (aprox. 31 mil euros) que iria democratizar os elétricos? Afinal, o que se passa aqui? Analisemos mais em pormenor…

Primeiro, desmistifiquemos o caso do Tesla Model 3 de 35 mil dólares. Anunciado com pompa e circunstância por Elon Musk na primeira apresentação do modelo em 2016,  o que é certo é que o Model 3 de 35 mil dólares ainda não iniciou a sua comercialização, nem nos EUA nem em lado algum.

Essa versão, que recentemente ganhou o nome de Short Range (alcance curto), só começará a sua produção em março ou abril de 2019, de acordo com a Tesla, mas ainda não é certo que tal aconteça.

RELACIONADO: Tesla Model 3. Já são conhecidos os preços para Portugal

Quando a produção do Tesla Model 3 arrancou em 2017, foi apenas com a versão Long Range (alcance longo) — a que oferece mais autonomia graças a uma bateria de maior capacidade —, que por si só adicionava 9000 dólares aos 35 mil anunciados.

Porquê arrancar apenas com esta versão? Rentabilidade. Para garantir uma muito necessária faturação, a Tesla começou por produzir apenas a versão mais cara possível na altura, adiando a introdução da versão mais acessível, já por diversas vezes.

Resultado, o Tesla Model 3 chegou ao mercado norte-americano com um preço de 49 mil dólares e não 35 mil — os 14 mil dólares a mais justificam-se não só pela bateria maior, como pelo pacote Premium, incluído de série, adicionando mais 5000 dólares ao preço base.

Gama reorganizada em 2018

Mas este ano, mais uma vez por questões de rentabilidade, em vez de lançar a versão mais acessível, a Tesla seguiu o caminho oposto e apresentou as versões com dois motores (Dual Motor), ainda mais caras, adicionando tração integral ao modelo.

A gama seria assim reorganizada, perdendo a versão inicial Long Range com tração traseira que foi substituída, mais recentemente, por uma inédita versão Mid Range (médio alcance), que mantém a tração atrás, mas vem com um pack de baterias de menor capacidade, perdendo alguma autonomia — 418 km contra 499 km do Long Range (dados EPA) —, mas também disponível por um preço inferior, cerca de 46 mil dólares nos EUA.

É atualmente a versão mais acessível do Tesla Model 3 até à chegada do Short Range, a anunciada e ansiada versão de 35 mil dólares — pack de baterias de 50 kWh com autonomia prevista de 354 km (EPA).

O Model 3 que “custa”… 34 200 dólares

Para ajudar à confusão, se consultarmos o site da Tesla nos EUA, o Model 3 Mid Range apresenta um preço de apenas 34 200 dólares… “after savings” (após poupanças), ou seja, o preço de aquisição fica bastante abaixo dos 46 mil dólares anunciados. Que poupanças são essas afinal?

Tesla Model 3 interior

À partida, nos EUA, são logo abatidos 7500 dólares, valor correspondente ao incentivo federal para a compra de carros elétricos. No entanto, será “sol de pouca dura”, já que este incentivo está dependente do número de carros elétricos vendidos por marca. Após 200 mil carros elétricos vendidos,  o incentivo será cortado a metade (3750 dólares) durante os seis meses seguintes, e será novamente cortado a metade (1875 dólares) nos seis meses consequentes.

De acordo com o site da Tesla, os 7500 dólares de incentivo só estarão disponíveis em qualquer um dos seus modelos até ao final do corrente ano, pelo que a partir de 2019, o preço nos EUA irá subir.

Além do incentivo federal, o preço “reduzido” do Model 3 Mid Range é conseguido, de forma algo controversa, através da poupança estimada em combustível. Segundo a Tesla, são mais 4300 dólares poupados. Como chegaram a esse valor?

VÊ TAMBÉM: Apenas 39 g/km para o BMW 330e, o novo híbrido plug-in do Série 3

Essencialmente, exemplificaram-no usando um dos modelos concorrentes, o BMW Série 3 (sem especificar qual motorização), com uma média estimada de 8,4 l/100 km, seis anos de uso, uma média de 16 mil quilómetros por ano e um preço de gasolina à volta de… 68 cêntimos por litro (!) — leram bem, é o preço médio da gasolina nos EUA.

E assim é possível “ter” já um Tesla Model 3 por 34 200 dólares (à volta de 30 mil euros)… Mas atenção, são tudo valores para os Estados Unidos da América, apenas e só.

Em Portugal

Estas contas de nada interessam a Portugal, pelo menos para já… A versão Mid Range não é aquela que vem para o nosso país nesta fase inicial. Para Portugal, e para a Europa no geral, só estarão disponíveis as versões Dual Motor, precisamente as mais caras.

Os 60 200 euros para o AWD e os 70 300 euros para o Performance, quando comparados com os preços no mercado norte-americano — 46 737 euros e 56 437 euros, respetivamente —, são superiores, é certo, mas a diferença é facilmente explicada pelos custos de importação e impostos — em Portugal paga apenas o IVA; os elétricos não pagam nem ISV ou IUC.

E caso tenham uma empresa, o Tesla Model 3 pode ter o valor do IVA deduzido, benefício fiscal para os carros 100% elétricos com um preço base (sem impostos) até 62 500 euros — consulta o artigo sobre os benefícios fiscais para carros elétricos e híbridos plug-in.

Por isso, ao contrário do que temos lido e ouvido, os Tesla Model 3 não estão a custar o dobro em Portugal do que custam nos EUA — os preços até parecem estar em linha para as versões disponíveis e comparáveis,  e o facto de não pagarem em Portugal ISV e IUC até coloca os preços em paridade com outros países europeus. Mesmo em Espanha, onde tradicionalmente os carros novos são muito mais baratos, a diferença para Portugal nos Model 3 resume-se a muito poucas centenas de euros.

Tesla Model 3 Performance

Como nota final, um dado curioso sobre o “carro que vai eletrificar o mundo”. O preço médio de transação nos EUA, em setembro passado, fixou-se nos 60 mil dólares (aprox. 52 750 euros) — com a introdução do Mid Range, deverá baixar… ligeiramente.

O Model 3 é também uma vítima da forma como foi anunciado. O Tesla de 35 mil dólares — preço de aquisição, sem incentivos ou eventuais poupanças com custos no combustível — simplesmente não é uma realidade… É provável que aconteça, mas não de momento.

 

Sabes responder a esta?
Quantos quilómetros já foram percorridos com o Tesla Autopilot ligado?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Quantos quilómetros já foram percorridos com o Tesla Autopilot ligado?

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos