Apresentação

Lotus despede-se do 3-Eleven com a versão mais potente de sempre

Com o modelo em final de vida, a Lotus decidiu despedir-se do 3-Eleven da melhor forma possível: com a versão mais potente de sempre, o Lotus 3-Eleven 430!

Desportivo que já foi o mais rápido e caro Lotus de sempre, o 3-Eleven está prestes a despedir-se dos muitos fãs da marca britânica, cerca de três anos após o seu lançamento. A marca não o faz no entanto de forma tímida e discreta, mas com aquela que promete ser a melhor e mais potente versão de todos os tempos: o Lotus 3-Eleven 430!

Numa altura em que o pequeno fabricante de desportivos entra numa nova fase da sua existência, impulsionada pelos milhões dos chineses da Geely, o radical speedster de apenas dois lugares atinge assim o seu pico, com uma variante muito especial, que leva ainda mais além o conceito que serviu de base ao modelo original.

Utilizando a fibra de carbono na construção da carroçaria, opção que permitiu aos engenheiros da Lotus retirar mais 5 kg aos 925 kg (sem fluídos) que a versão standard anuncia, e com o mesmo chassis em alumínio, o novo 3-Eleven 430 conta com uma versão melhorada do bloco 3.5 litros Supercharged. Neste caso, a anunciar uma potência máxima de 430 cv de potência, a par de um binário de 441 Nm.

Lotus 3-Eleven 430 2018

Sinónimo de um aumento de 20 cv e 31 Nm face ao 3-Eleven base, estes números significam, igualmente, um disparar do rácio peso-potência para os 467 cv, por tonelada. Ou seja, apenas menos 21 cv por tonelada que o oferecido por referências como o Ferrari 488 GTB!

RELACIONADO: Lotus Exige Cup 430. O mais potente de sempre

Mantendo a opção por uma tração apenas traseira, com a potência a ser enviada para as rodas com o contributo não só de uma caixa manual de seis velocidades, como também de um diferencial de autoblocante limitado do tipo Torsen. Intocável permanece a suspensão já utilizada na versão standard do modelo, também aqui complementada com jantes de 18 polegadas à frente e de 19″ atrás, revestidas por pneumáticos Michelin Pilot Sport Cup 2.

Rápido, muito rápido!

Quanto às prestações, o Lotus 3-Eleven 430 anuncia uma capacidade de aceleração dos 0 aos 100 km/h em 3,2 segundos, com o ponteiro do velocímetro a terminar apenas nos 290 km/h. Sendo que, a esta velocidade, o compêndio aerodinâmico que completa este desportivo, permite garantir uma downforce total de 265 kg — 100 kg à frente, mais 165 kg atrás. Com a marca britânica a anunciar ainda a capacidade de suportar até 1.5G de forças laterais.

Lotus 3-Eleven 430 2018

Levado ao limite na pista de testes da Lotus, em Hethel, o 3-Eleven 430 terá conseguido cumprir uma volta ao traçado em apenas 1m24s, ou seja, dois segundos mais rápido que o 3-Eleven standard, e 0,8 segundos menos que o recentemente apresentado Exige Cup 430. Carro com o qual, aliás, este novo modelo partilha o motor, fazendo, assim, com que apenas a versão de corridas deste mesmo 3-Eleven consiga ser mais rápida; embora e neste caso em concreto, graças também a uma potência declarada de 456 cv e à opção por uma caixa sequencial.

Apenas 20 unidades

A terminar, referir que a Lotus não pensa produzir mais do que 20 exemplares deste 3-Eleven 430, cada um com preço já fixado: 102 mil libras esterlinas — pouco mais de 115 mil euros — ou seja, mais 18 mil libras (20 324€) que a versão standard.

Portanto, se tens capacidade (financeira, principalmente!) para adquirir uma máquina destas, não te atrases. Ainda por cima, não existe qualquer previsão quanto à possibilidade deste carro de corridas homologado para a estrada poder vir a conhecer sucessor.

Lotus 3-Eleven 430 2018
Sabes responder a esta?
Qual o nome da nova versão "hardcore" do Ferrari 488?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Mistério desvendado. O 488 “hardcore” vai-se chamar Ferrari 488 Pista

Mais artigos em Notícias