Será que a Mazda acabou de antecipar o próximo MX-5?

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Antevisão

Será que a Mazda acabou de antecipar o próximo MX-5?

Durante a apresentação da estratégia de eletrificação a Mazda mostrou imagens do Vision Study, um modelo que parece antecipar o novo MX-5.

Muito se tem escrito e falado sobre o novo Mazda MX-5 e a marca de Hiroshima parece querer entrar no «jogo». Isto porque acaba de divulgar duas imagens de um protótipo inédito, o Vision Study, que parece antecipar as linhas do próximo Miata.

As imagens foram divulgadas na sequência da estratégia que a fabricante nipónica pretende implementar até 2030 — com especial foco na eletrificação — e não deixaram ninguém indiferente.

Apesar de apenas parecer um modelo virtual, no final da apresentação foram várias as ocasiões em que este protótipo se deixou «ver», num filme promocional, ainda que sempre de forma muito breve — vejam-no em ação no vídeo abaixo.

A NÃO PERDER: Mazda acelera transição para a eletrificação. Conheçam os planos

Ainda que a Mazda nunca tenha chegado a dar contexto às imagens deste modelo — nada foi referido sobre o mesmo — é fácil fazer a ligação entre o Vision Study e o design do futuro MX-5, já que este coupé  parece ter as proporções corretas que se exigem ao pequeno desportivo nipónico.

Mazda Vision Study

A julgar pelo pelo capô longo, eixo dianteiro avançado e habitáculo recuado, podemos assumir que há espaço para acomodar um motor de combustão (longitudinal) na dianteira. E podemos ver ainda, por breves instantes, o «esqueleto» deste desportivo, que como que confirma essa nossa suspeita e «adivinha» igualmente um eixo traseiro motriz — a “fórmula” que tem acompanhado o MX-5 desde que foi lançado.

Mesmo assim, e ainda que a Mazda já tenha dado a entender que o Miata vai continuar a recorrer a um motor de combustão interna, é esperado que ele se renda à eletrificação, ainda que apenas parcial — prevê-se que estreia sistema mild-hybrid.

Porém, continuamos sem saber que motor o equipará, com várias possibilidades em cima da mesa: a possibilidade mais forte parece recair sobre um motor Skyactiv-X, que para já só está disponível com uma configuração de 2,0 l e 186 cv.

Tudo isto são (ainda) suposições, mas as proporções compactas deste concept parecem não deixar dúvidas de que o próximo Miata — a quinta geração, denominada NE — vai mesmo ter muito deste Vision Study.

LEIAM TAMBÉM: Um MX-5 com mais de 250 cv? A BBR GTI tem

Até porque, além das proporções, são muitos os elementos deste modelo que nos remetem de imediato para o MX-5, sobretudo os grupos óticos. Na dianteira, por exemplo, encontramos uma solução que nos relembra os faróis escamoteáveis do primeiro MX-5 (NA).

Mazda MX-5 NA
Mazda MX-5 NA © Thom V. Esveld / Razão Automóvel

Atrás, os faróis divididos transportam-nos de imediato para os do MX-5 NA e NB, com as suas formas a resultar da intersecção de dois círculos, quase como se tratasse de um diagrama de Venn.

Mas há mais. A curvatura do para-brisas — muito inclinado — e a moldura que o contorna, claramente separada do tejadilho, também são elementos típicos do roadster nipónico.

mazda mx-5 NB
Mazda MX-5 NB © Thom V. Esveld / Razão Automóvel

Não há como confirmar se este protótipo terá consequências diretas no próximo MX-5, mas a verdade é que este é um puzzle que parece querer montar-se sozinho, até porque já «não falta tudo» para conhecer a nova geração.

Resta-nos esperar pela segunda metade de 2023, altura em que o novo Mazda MX-5 deverá fazer a sua primeira aparição pública. Só nessa altura vamos poder satisfazer todas estas dúvidas.

Sabe responder a esta?
Em que ano foi lançado o protótipo Mazda Ibuki?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Ainda se lembram do Mazda Ibuki, o “pai” do MX-5 NC?

Mais artigos em Notícias