Fórmula 1. Os novos carros, as equipas e os pilotos para 2022

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Fórmula 1

Fórmula 1. Os novos carros, as equipas e os pilotos para 2022

A temporada de 2022 da Fórmula 1 está quase a arrancar. Conheçam os novos carros, os pilotos e o calendário de corridas.

A temporada de 2022 da Fórmula 1 está prestes a arrancar e já são conhecidos todos os monolugares para a nova época, que estreia uma nova regulamentação.

Por isso mesmo, as novas máquinas exibem mudanças significativas face aos monolugares do ano passado e contam, por exemplo, com uma vertente aerodinâmica totalmente revista, para facilitar as ultrapassagens em pista.

Isso resulta num nariz dianteiro bastante distinto, numas asas (dianteiras e traseiras) bem menos complexas e, no geral, num desenho mais fluído.

A NÃO PERDER: FIA já decidiu. Mazepin e outros pilotos russos podem continuar a correr
Carro Fórmula 1 2022
Este foi o primeiro vislumbre do monolugar de 2022 da Fórmula 1.

Os pneus Pirelli P Zero F1 também são completamente novos, tal como as jantes de 18″, que são uma das novidades que mais tinta têm feito correr desde que foram anunciadas.

Fiquem a conhecer as equipas e os seus novos carros:

Alfa Romeo F1 Team ORLEN

A Alfa Romeo foi a última equipa do pelotão a mostrar as cores do seu novo C42 para a temporada de 2022. Criada pelo Centro Stile Alfa Romeo, a decoração mantém o vermelho e o branco dos anos anteriores, mas é agora acompanhada por secções em preto.

Destaca-se ainda o símbolo “Quadrifoglio” e a palavra “Tonale” na lateral, uma referência ao mais recente modelo de produção da marca com sede em Arese.

A dupla de pilotos da Alfa Romeo para 2022 será formada por Valtteri Bottas e Guanyu Zhou, dois estreantes na formação liderada por Frédéric Vasseur. O destaque vai naturalmente para Zhou, que é o primeiro piloto chinês a chegar à Fórmula 1.

BWT Alpine F1

A Alpine apresentou o A522 em Paris e surpreendeu tudo e todos com uma decoração totalmente nova, fruto da relação com a BWT, o novo patrocinador principal da equipa.

Por isso mesmo, a pintura habitual azul da Alpine contrasta agora com o cor de rosa da BWT, ainda que a cor predominante continue a ser a primeira.

Porém, nas duas primeiras corridas do ano a Alpine vai correr com um esquema de cores invertido (cor de rosa em destaque), o que levou a comparações inevitáveis com a antiga equipa Racing Point, cujo patrocinador principal era também a BWT.

A dupla de pilotos da temporada passada vai manter-se em 2022, pelo que a equipa liderada por Otmar Szafnauer continuará a contar com os serviços de Esteban Ocon e Fernando Alonso.

Scuderia AlphaTauri

O AT03 da AlphaTauri mantém o esquema de cores da época passada, mas tal como acontece com a Red Bull Racing, deixa de apresentar o logótipo da Honda, passando a exibir o símbolo da Honda Racing Corporation.

Quanto à dupla de pilotos, a equipa de Faenza (Itália) vai continua a contar com o francês Pierre Gasly e com o japonês Yuki Tsunoda.

Aston Martin Aramco Cognizant Formula One Team

A «arma» da Aston Martin para a temporada de 2022 da Fórmula 1 chama-se AMR22 e conta com uma decoração nova, com os apontamentos em cor de rosa do carro do ano passado a serem substituídos por um verde elétrico.

A NÃO PERDER: McLaren e V12 Lamborghini. “McLambo”, o F1 com que Senna queria correr

Lance Stroll e Sebastian Vettel continuam a ser os escolhidos para estar ao volante do carro da equipa com sede em Silverstone, no Reino Unido, e que agora é comandada por Mike Krack, que ocupa a vaga deixada em aberto depois da saída de Otmar Szafnauer para a Alpine.

Scuderia Ferrari

É com o novo F1-75 que a Ferrari quer regressar aos triunfos na Fórmula 1, com Charles Leclerc e Carlos Sainz ao volante.

O novo monolugar da equipa de Maranello conta com um esquema de cores novo, com um tom de vermelho mais escuro do que o habitual e com apontamentos em preto, que também chegou aos fatos dos pilotos.

Com a bandeira italiana e com o “75” — referente ao 75.º aniversário da Ferrari — em destaque na «barbatana» traseira, o F1-75 conta com algumas soluções aerodinâmicas interessantes que lhe dão um aspeto bastante agressivo que têm agradado aos tiffosi.

Uralkali Haas F1 Team

O VF-22 da Haas foi o primeiro carro a ser apresentado com as cores para a nova temporada e é aquele que até ao momento tem feito correr mais tinta.

Isto porque depois da invasão russa à Ucrânia a Haas resolveu tirar do seu carro as cores da bandeira da Rússia e o patrocínio da Uralkali, empresa de fertilizantes russa (pertence ao pai de Mazepin) que é um dos patrocinadores principais da Haas.

E pouco depois de a FIA anunciar que qualquer referência à bandeira russa estava estritamente proibida nas suas corridas, a equipa norte-americana efectivou mesmo esta sua decisão, rescindindo o contrato que a ligava à Uralkali, voltando às suas cores tradicionais (preto, branco e vermelho).

Mas mais surpreendente ainda foi o anúncio da rescisão de contrato com Nikita Mazepin, com a Haas a fazer regressar o dinamarquês Kevin Magnussen — tinha representado a equipa entre 2017 e 2020 — para fazer dupla com o jovem alemão Mick Schumacher.

McLaren F1 Team

A McLaren revelou no mesmo evento os seus carros para a Fórmula 1, IndyCar e Extreme E, ainda que o grande protagonista do evento tenha sido o MCL36, que vai ser pilotado por Lando Norris e Daniel Ricciardo.

Este é o primeiro McLaren a ser desenvolvido sob a liderança do diretor técnico James Key e apresenta-se com uma decoração totalmente nova, com o famoso cor de laranja (papaia) a ter companhia dos tons azul e preto.

Mercedes-AMG Petronas Formula One Team

O novo W13 da Mercedes-AMG para 2022 marca o regresso da equipa com sede em Brackley (Reino Unido) ao prateado, respeitando a tradição dos “Flechas de Prata”.

Lewis Hamilton continua a ser o piloto principal da equipa liderada por Toto Wolff, mas depois da saída de Bottas, o britânico vai ter a companhia de George Russell, que fará a sua primeira época num Mercedes.

Oracle Red Bull Racing

Para a temporada de 2022 da Fórmula 1, a Red Bull Racing apresenta-se com um novo patrocinador, a Oracle, que não só aparece em grande destaque no carro como no nome oficial da equipa.

O RB18 conta com o azul tradicional da equipa de Milton Keynes em mate e com as cores oficiais da Red Bull.

E claro, vai destacar-se por exibir o número 1 no carro de Max Verstappen, piloto campeão do mundo na época passada.

E por falar em Max Verstappen, o piloto holandês vai continuar a ter a companhia do mexicano Sergio Pérez. Christian Horner continua a ser o patrão da formação com sede no Reino Unido.

Williams Racing

A «arma» da Williams Racing para a época de 2022 é o FW44, que conta com um esquema de cores completamente novo, com um azul escuro em grande destaque e com apontamentos em vermelho fluorescente.

Destaca-se o facto de não aparecer nenhum patrocinador de relevo nas laterais, na barbatana ou na asa traseira, algo que poderá mudar no decorrer da temporada.

Certo é que o famoso “S” — numa referência a Ayrton Senna — que acompanhou os monolugares da Williams nos últimos 27 anos não aparece neste FW44.

Jost Capito, o patrão da equipa, justificou a decisão com uma vontade de “abraçar o futuro”, afirmando que Senna e todo o seu legado continuarão a ser lembrados no museu da equipa.

Com a saída de George Russell para a Mercedes-AMG, Nicholas Latifi vai ter a companhia de Alexander Albon, que assim regressa ao pelotão da Fórmula 1.

Calendário de corridas para 2022

GP do Barém 18 a 20 de março
GP da Arábia Saudita 25 a 27 de março
GP da Austrália 8 a 10 de abril
GP de Emilia Romagna (Itália) 22 a 24 de abril
GP de Miami (EUA) 6 a 8 de maio
GP de Espanha 20 a 22 de maio
GP do Mónaco 27 a 29 de maio
GP do Azerbaijão 10 a 12 de junho
GP do Canadá 17 a 19 de junho
GP da Grã-Bretanha 1 a 3 de julho
GP da Áustria 8 a 10 de julho
GP de França 22 a 24 de julho
GP da Hungria 29 a 31 de julho
GP da Bélgica 26 a 28 de agosto
GP dos Países Baixos 2 a 4 de setembro
GP de Itália 9 a 11 de setembro
GP de Singapura 30 de setembro a 2 de outubro
GP do Japão 7 a 9 de outubro
GP dos Estados Unidos da América 21 a 23 de outubro
GP do México 28 a 30 de outubro
GP do Brasil 11 a 13 de novembro
GP de Abu Dhabi 18 a 20 de novembro

 

Nota: Artigo atualizado às 17h50 do dia 17 de março de 2022 com a troca oficial de pilotos na Haas e com a nova decoração do monolugar da equipa norte-americana.

Sabe responder a esta?
Quantos circuitos já receberam o GP de Portugal em Fórmula 1?

Mais artigos em Notícias