Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Vídeos

Renault Mégane E-Tech Electric (vídeo). O primeiro Mégane 100% elétrico

O Mégane E-Tech Electric, o primeiro Renault Mégane totalmente elétrico, só chega a Portugal no início do próximo ano, mas nós já o fomos conhecer. Fiquem com o vídeo.

Em Paris, França

Depois de muitos teasers, a Renault mostrou finalmente na íntegra o Mégane E-Tech Electric, um crossover 100% elétrico que estende a ofensiva elétrica da Renault ao segmento C.

O nome é conhecido de todos, e não poderia ser de outra forma, ou não estivéssemos nós a falar de um verdadeiro sucesso de vendas da marca francesa. Mas do Mégane que conhecemos — agora na quarta geração — só restou mesmo o nome, com este E-Tech Electric a avançar para “território desconhecido”. Afinal, este é o primeiro Mégane 100% elétrico.

Viajámos até aos arredores de Paris (França) e fomos conhecê-lo em primeira mão — num evento reservado a jornalistas — antes da sua primeira aparição pública, que aconteceu no Salão de Munique de 2021.

A NÃO PERDER: Mobilize Limo. A nova berlina elétrica do Grupo Renault que não podemos comprar

Avaliámos as proporções, sentámo-nos dentro ele e ficámos a par de como será o sistema motriz elétrico que lhe vai servir de base. E mostramos-vos tudo no mais recente vídeo do canal de YouTube da Razão Automóvel:

Construído sob a plataforma CMF-EV, a mesma que serve de base ao Nissan Ariya, o Renault Mégane E-Tech Electric pode adotar dois tipos de baterias, uma com 40 kWh e outra com 60 kWh.

Em qualquer dos casos, o Mégane 100% elétrico é sempre animado por um motor elétrico dianteiro (tração dianteira) que produz 160 kW (218 cv) e 300 Nm com a bateria de maior capacidade e 96 kW (130 cv) na versão com a bateria mais pequena.

Renault Mégane E-Tech Electric © Miguel Dias / Razão Automóvel

Quanto à autonomia, os responsáveis da marca francesa anunciaram apenas o valor para a versão com a bateria de maior capacidade: 470 km (ciclo WLTP), sendo que em autoestrada o novo Mégane E-Tech Electric será capaz de percorrer 300 km entre cargas.

A NÃO PERDER: Renault Arkana. O primeiro “SUV-coupé” do segmento tem mais para oferecer do que estilo?

Quando a bateria se esgota, é bom saber que este crossover 100% elétrico é capaz de suportar cargas de até 130 kW. A essa potência é possível carregar 300 km de autonomia em apenas 30 min.

Renault Mégane E-Tech Electric © Miguel Dias / Razão Automóvel

Quando chega?

O Mégane E-Tech Electric, que será construído na unidade de produção de Douai, no norte de França, chega ao mercado português no início de 2022 e será vendido em paralelo com as versões “convencionais” do Mégane: hatchback (dois volumes e cinco portas), sedã (Grand Coupe) e carrinha (Sport Tourer).

Renault Mégane E-Tech Electric © Miguel Dias / Razão Automóvel

Sabe responder a esta?
Em que ano nasceu a Renault Sport?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

No adeus aos Renault Sport, recordamos 5 dos mais especiais

Mais artigos em Notícias