Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Apresentação

BMW i4. Tudo sobre o novo rival do Tesla Model 3

Nascido para rivalizar com os Tesla Model 3 e Polestar 2, o BMW i4 será também o primeiro elétrico a ter uma versão desenvolvida pela BMW M.

Em 2030 o BMW Group pretende que 50% das suas vendas correspondam a modelos elétricos. Como é óbvio isso só é possível caso a BMW tenha carros elétricos na sua gama e por isso mesmo a construtora alemã continua a fazer crescer a sua família elétrica, como comprova o agora apresentado BMW i4.

Baseado numa versão adaptada da plataforma CLAR já usada pelo Série 3, as linhas do i4 não constituem grande novidade. Afinal de contas, não só a BMW já tinha revelado imagens do seu exterior há uns meses como o protótipo que o Guilherme Costa pôde ver ao vivo estava já muito próximo da versão de produção de que hoje vos falamos.

Mas se o exterior do BMW i4 já era conhecido o mesmo não acontecia com o seu habitáculo. Como seria de esperar este segue a linha já apresentada no Concept i4. Desta forma o maior destaque tem de ser dado ao BMW Curved Display que conta com dois ecrãs, um de 12,3” e outro com 14,9” que se estende ao longo de cerca de 2/3 da largura do tabliê.

A NÃO PERDER: BMW M4 Competition Cabrio. 510 cv, tração integral e… cabelos ao vento
BMW i4 M50
Com 4785mm de comprimento, 1852mm de largura e 1448mm de altura, o i4 tem dimensões próximas às do Série 3.

Dotado da nova geração do sistema BMW iDrive, o i4 conta ainda com o sistema de infoentretenimento de 8ª geração que, como se devem recordar, foi desenvolvido em Portugal pela Critical Techworks — empresa formada em conjunto pela BMW e a Critical Software.

Duas versões, para começar

Com lançamento previsto para novembro, o BMW i4 estará originalmente disponível em duas variantes: i4 M50 e i4 eDrive40. Já a bateria em ambas as versões oferece 83,9 kWh de capacidade.

Começando pelo i4 M50, este será o primeiro elétrico desenvolvido pela BMW M. Com um visual mais desportivo, o BMW i4 M50 apresenta-se com dois motores que lhe conferem tração integral, 544 cv (400 kW) e 795 Nm.

Tudo isto faz com que o primeiro elétrico a receber a “chancela M” cumpra os 0 aos 100 km/h em apenas 3,9s ao mesmo tempo que anuncia uma autonomia de 510 km e consumos entre os 19 e 24 kWh/100 km (ciclo WLTP).

VEJAM TAMBÉM: BMW i4 M Performance. Elétrico terá “voz” criada por Hans Zimmer

Já o mais “pacato” BMW i4 eDrive40 apresenta-se apenas com tração traseira e vê os valores de potência e binário descerem, respetivamente, para os 340 cv (250 kW) e 430 Nm.

Nesta versão os 0 aos 100 km/h são cumpridos nuns ainda assim impressionantes 5,7s, a autonomia ascende aos 590 km e os consumos fixam-se entre os 16 e os 20 kWh/100 km.

LEIAM TAMBÉM: BMW X7 40d. O que vale o maior BMW de SEMPRE?

Por fim, no que diz respeito ao carregamento, o BMW i4 pode ser carregado em tomadas DC com uma potência de até 200 kW. Nestes casos o i4 eDrive40 pode repor 164 km de autonomia em apenas 10 minutos enquanto o i4 M50 nesse mesmo período é capaz de recuperar 140 km de autonomia.

Para já, a BMW não divulgou os preços para o mercado nacional do seu novo modelo 100% elétrico nem revelou quando é que este estará disponível por cá.

Sabe responder a esta?
Qual era a potência do BMW 333i (E30)?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

BMW 333i (E30). O «primo do M3» que pouca gente conhece

Mais artigos em Notícias