Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Antevisão

Suzuki Jimny. Cinco portas e novo motor turbo? Parece que sim

Ao que tudo indica, em 2022 o Suzuki Jimny vai ser renovado, receberá uma versão maior de cinco portas, um motor turbo e tecnologia mild-hybrid.

Há muito aguardada, parece mesmo que a variante mais longa (e de cinco portas) do Suzuki Jimny vai ser uma realidade, estando a sua revelação supostamente agendada para 2022.

Segundo os nossos colegas da Autocar India, originalmente o Jimny de cinco portas até era para ser revelado em outubro deste ano, no Salão de Tóquio, contudo, o cancelamento daquele evento levou a Suzuki a adiar a sua apresentação.

De acordo com aquela publicação, o novo Jimny de cinco portas vai medir 3850 mm de comprimento (o de três portas mede 3550 mm), 1645 mm de largura e 1730 mm de altura, contando com uma distância entre eixos de 2550 mm, mais 300 mm que a versão curta.

A NÃO PERDER: Testámos o Suzuki Swace 1.8 Hybrid. A tua cara não me é estranha
Suzuki Jimny 5p
Para já um render, parece que um Jimny de cinco portas vai mesmo ser realidade. © Nikita Chuyko

Além deste Jimny de cinco portas, a marca japonesa estará ainda a preparar uma renovação do Jimny de três portas para ser apresentado em simultâneo.

VEJA TAMBÉM: Já sabemos quanto vai custar o Suzuki Across em Portugal

E os motores?

Como bem sabem, debaixo do capô do Jimny mora apenas um 1.5 l de quatro cilindros a gasolina atmosférico com 102 cv e 130 Nm, que tem sido uma “dor de cabeça” para as contas das emissões de CO2 da Suzuki na Europa, levando até à suspensão da comercialização da versão de passageiros, sendo vendido apenas, hoje em dia, como comercial. Contudo, isso pode estar prestes a mudar.

Além da variante de cinco portas, a Suzuki está, alegadamente, a preparar-se para oferecer ao seu pequeno jipe um novo motor turbo associado à tecnologia mild-hybrid.

Caso tal se confirme, esta motorização poderá ser a “chave” para o regresso do Jimny de passageiros à Europa, uma vez que o motor turbo em conjugação com a tecnologia mild-hybrid permitiria uma redução das emissões.

Quanto ao motor que poderá ser usado, apesar de nada estar confirmado, o K14D com 1.4 l, 129 cv e 235 Nm parece ser o melhor candidato, estando até “acostumado” a ser associado a sistemas de tração integral como acontece no Vitara.

Sabe responder a esta?
Qual a capacidade da bagageira do Suzuki Swift Sport?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

O duelo mais esperado. Novo Swift Sport enfrenta o primeiro Swift Sport

Mais artigos em Notícias