Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Apresentação

Bentley Continental GT Speed Convertible. Luxo a céu aberto a 335 km/h

Equipado com uma versão ainda mais potente do motor W12, este Continental GT Speed Convertible promete ser um dos mais fantásticos descapotáveis da Bentley.

Três semanas depois da apresentação mundial do Bentley Continental GT Speed, o modelo mais rápido de sempre da marca de Crewe (Reino Unido), ficamos agora a conhecer a variante a céu aberto deste luxuoso Grand Tourer britânico, denominada Continental GT Speed Convertible.

Descrito como o “descapotável mais focado na condução da gama Continental GT”, este novo modelo recorre ao mesmo motor 6.0 biturbo W12 que já tivemos oportunidade de experimentar no Continental GT Speed Coupé.

O mesmo é dizer que este “super descapotável” entrega uns impressionantes 659 cv de potência e 900 Nm de binário máximo, o suficiente para o levar dos 0 aos 100 km/h em 3,7s (mais 0,1s que o “irmão” Coupé) e para o acelerar até aos 335 km/h de velocidade máxima.

A NÃO PERDER: Flying Spur. Já conduzimos e fomos conduzidos no novo porta-estandarte da Bentley
bentley-continental-gt-speed-convertibl

Associado a uma caixa automática de oito velocidades, de dupla embraiagem, que é duas vezes mais rápida a fazer passagens de caixa no modo Sport do que na versão dita “convencional” do Continental GT com motor W12, este Speed é ainda capaz de desligar metade dos cilindros — passando a “rolar” como um seis cilindros — em situações de carga leve ou inexistente no acelerador, permitindo assim consumos mais comedidos.

Aquele que será o último Continental GT descapotável com motor W12 da história — a Bentley já anunciou que, a partir de 2030, todos os seus automóveis serão 100% elétricos — conta ainda com um sistema de tração às quatro rodas totalmente recalibrado que privilegia a tração traseira no modo Sport e a aderência no modo Comfort, com um eixo traseiro direcional e um sistema de travagem melhorado com discos em carbono-cerâmica (opcionais).

bentley-continental-gt-speed-convertibl

A somar a tudo isto, destaca-se também a suspensão pneumática (de três câmaras), as barras estabilizadoras ativas (sistema de 48 V) e o novo autoblocante eletrónico traseiro (a primeira vez que foi montado num Bentley foi na versão Coupé deste modelo).

VEJAM TAMBÉM: Bentley. Depois dos automóveis um… arranha-céus? Acreditem

Imagem. O que muda?

Mas a maior novidade desta variante a céu aberto é, como não poderia deixar de ser, a capota de lona que pode ser aberta em 19s e a uma velocidade de até 50 km/h.

bentley-continental-gt-speed-convertibl
A capota de lona do Continental GT Speed Convertible pode ser aberta em apenas 19s.

Esta capota pode ser encomendada em sete cores distintas e, de acordo com a marca britânica, permite que o habitáculo deste Continental GT Speed Convertible seja tão silencioso quanto o do Continental GT Coupé da geração anterior.

A NÃO PERDER: Bentley Bentayga V8 First Edition (550 cv). Duas toneladas e meia de SUV

As novidades no Speed Convertible são discretas e acompanham o que já tínhamos descoberto na variante Coupé. Destacam-se os acabamentos mais escuros das grelhas de radiador e na parte inferior do para-choques dianteiro, as jantes de liga leve de 22” de desenho exclusivo, o logótipo Speed na parte lateral dianteira e as soleiras das portas mais esculpidas.

Dentro do habitáculo, capaz de transportar quatro adultos, imperam materiais da mais elevada qualidade, sendo que cada proprietário pode optar entre 15 cores principais, 11 cores de pele e vários tipos de madeira.

Quando chega?

A Bentley não precisou quando é que o Continental GT Speed Convertible chegará ao nosso mercado, mas deverá estar para breve, com a marca britânica a apontar ainda para esta primavera. Só falta por saber o preço.

Atualização a 15 de abril: adicionada informação em relação à chegada do modelo a Portugal.

Sabe responder a esta?
Em que ano a Bentley usou pela primeira vez a designação "Flying Spur" num modelo?

Mais artigos em Notícias