Tuning

625 cv não chega. Manhart extrai mais 200 cv do BMW M8 Competition

Chama-se Manhart MH8 800 e é a proposta da conhecida casa de tuning alemã para dar (ainda) mais potência ao BMW M8 Competition. Fica a conhecê-lo melhor.

Se és daqueles que olha para a ficha técnica do BMW M8 Competition e torce o nariz aos 625 cv de potência anunciados, então o Manhart MH8 800 foi feito a pensar em pessoas como tu.

Face ao M8 Competition, o MH8 800 não só tem mais potência como surge com um visual ainda mais agressivo e exclusivo.

Começando pela estética, para além das riscas douradas, da pintura preta e das novas jantes de 21”, o Manhart MH8 800 recebeu ainda um avental dianteiro, um difusor em fibra de carbono e um interior onde se destacam as aplicações em fibra de carbono.

VÊ TAMBÉM: Manhart RQ 900, porque os 600 cv do Audi RS Q8 sabem a pouco
Mahnart MH8 800

E a potência?

Como é óbvio, a parte mais interessante do trabalho levado a cabo pela Manhart surge debaixo do capot e a denominação escolhida, MH8 800, dá uma pista sobre a quantidade de equídeos que se escondem por baixo deste.

Por lá, a empresa de tuning alemã conseguiu fazer com que o V8 biturbo com 4.4 l (S63) passasse a debitar 823 cv e 1050 Nm, valores consideravelmente superiores aos 625 cv e 750 Nm de origem.

VÊ TAMBÉM: X6 M Competition, 625 cv, 290 km/h. Conduzimos o “tanque” voador da BMW M

E como é que a Manhart conseguiu este incremento de potência? “Simples”. Instalou um novo turbo, um novo intercooler e procedeu a uma revisão de software.

Com uma caixa automática de oito velocidades e tração integral, o Manhart MH8 800 atinge os 100 km/h em 2,6s, vai dos 100 aos 200 km/h em 5,7s e alcança os 311 km/h de velocidade máxima. 

Como comparação, o M8 Competition de série anuncia 3,2s dos 0-100 km/h, e 305 km/h (caso optemos pelo M Driver Package). Para os 100-200 km/h são necessários à volta de sete segundos, de acordo com alguns testes efetuados.

Por fim, ainda no campo das alterações o MH8 800 recebeu ainda um novo sistema de escape (que em opção pode ter ponteiras em fibra de carbono ou cerâmica), molas da KW que permitiram baixar a suspensão em 30 mm e travões carbo-cerâmicos.

VÊ TAMBÉM: BMW M850i xDrive by G-Power: porque 530 cv não chegam

A equipa da Razão Automóvel continuará online, 24 horas por dia, durante o surto de COVID-19. Segue as recomendações da Direção-Geral de Saúde, evita deslocações desnecessárias. Juntos vamos conseguir ultrapassar esta fase difícil.

Sabes responder a esta?
Qual era a potência do Mercedes-Benz 280TE (W123) by Zender?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Mercedes-Benz 280TE (W123) by Zender. Os primórdios do tuning

Mais artigos em Notícias