Vídeo

Testámos o Audi Q3 Sportback 35 TDI (vídeo). É este o preço da QUALIDADE?

O Audi Q3 Sportback responde à letra ao arquirrival BMW X2, num nicho — SUV/crossover com maior apuro dinâmico e estético — com cada vez mais propostas. O que vale a nova proposta de Ingolstadt?

Numa altura em que as marcas premium fazem marcação homem-a-homem — a metáfora futebolística fica sempre bem… —, principalmente no segmento SUV e crossover, a Audi responde ao rival BMW X2, com uma nova variante, mais estilizada, do Q3: o Audi Q3 Sportback.

Sem alterações naquela que é a já conhecida base técnica do SUV compacto de Ingolstadt, mas ainda assim com algumas diferenças nas dimensões exteriores — a nova variante não só é 16 mm mais comprida (4,50 m), como também é 29 mm mais baixa (1,56 m) —, o Q3 Sportback destaca-se, principalmente, pelo perfil tipo coupé. Com a linha do tejadilho a prolongar-se pelos redesenhados e mais inclinados pilares traseiros, integrando um spoiler no topo do óculo traseiro.

A ajudar à imagem robusta e desportiva, ombros mais marcados e pronunciados que no Q3, complementados por uma traseira com farolins sem alterações, a não ser a possibilidade de contarem com piscas dinâmicos.

VÊ TAMBÉM: Performance em dose dupla. Audi revela os RS Q3 e RS Q3 Sportback

Mas este Audi Q3 Sportback tem mais alguns truques na manga. Especialmente no interior, que é um compêndio de qualidade de construção, materiais e apresentação — uma referência entre os seus pares.

Porém, parte do apelo provém da extensa lista de opcionais com que esta unidade vem equipada. Talvez mais extensa e onerosa do que seria de esperar. No caso da unidade testada, adiciona 25 mil euros de custo aos (poucos) mais de 54 mil euros de preço base, roçando os 80 mil euros no total — como viemos a descobrir, nem todos os opcionais são estritamente necessários, pelo que a “fatura” poderá ser mais razoável.

35 TDI = 2.0 TDI 150 cv

Se ainda não conseguiste perceber as nomenclaturas que identificam as versões de um modelo na Audi, no caso deste Q3 Sportback 35 TDI traduz-se como um 2.0 TDI de 150 cv, a mais recente evolução do conhecido bloco EA288, agora EA288 Evo. No entanto, acabou por não deixar a imagem mais positiva, sobretudo quando nos referimos aos consumos que obtivemos ou o seu refinamento (ruído excessivo).

Como os restantes Q3 Sportback à venda em Portugal, também o 35 TDI tem uma eficaz caixa de dupla embraiagem de sete velocidades (S Tronic).

Quando se chega às curvas, o Audi Q3 Sportback revela estar à altura do desafio — preciso e seguro, dando níveis elevados de confiança ao seu leme. Entre os inúmeros opcionais da nossa unidade, tanto a suspensão adaptativa como as generosas rodas 255/40 R19 estavam incluídos, mas como descobrimos em contacto prévio, não são essenciais para a dinâmica apurada do SUV.

Ficámos convencidos? Não deixes de ver o vídeo.

Preço

unidade ensaiada

79.988

Versão base: €54.150

IUC: €259

Classificação Euro NCAP:

  • Motor
    • Arquitectura: 4 cilindros em linha
    • Capacidade: 1968 cm3
    • Posição: Dianteira Transversal
    • Carregamento: Injeção direta common rail, Turbo de geometria variável, Intercooler
    • Distribuição: 2 a.c.c., 4 válv/cil.
    • Potência: 150 cv entre as 3500 rpm e 4000 rpm
    • Binário: 340 Nm entre as 1750 rpm e 3000 rpm
  • Transmissão
    • Tracção: Dianteira
    • Caixa de velocidades: S Tronic (dupla embraiagem) 7 velocidades
  • Capacidade e dimensões
    • Comprimento / Largura / Altura: 4500 mm / 1843 mm / 1567 mm
    • Distância entre os eixos: 2680 mm
    • Bagageira: 530 l
    • Jantes / Pneus: 255/40 R19
    • Peso: 1655 kg
  • Consumo e Performances
    • Consumo médio: 5,9 l/100 km
    • Emissões de CO2: 154 g/km
    • Vel. máxima: 205 km/h
    • Aceleração: 9,3s
  • Garantias
    • Mecânica: 4 anos ou 80 000 km
Extras
Abertura e fecho eléctrico da porta da bagageira, 595,00 €; Aplicações interiores em alumínio, 110,00 €; Ar condicionado automático de 3 zonas, 1070,00 €; Audi connect plus 3 anos, 270,00 €; Audi Hill descent assist, 125,00 €; Audi phone box, 485,00 €; Audi Smartphone Interface, 650,00 €; Audi virtual cockpit plus, 510,00 €; Bancos dianteiros com apoio lombar elétrico, 320,00 €; Bancos dianteiros elétricos, 850,00 €; Banco traseiro rebatível plus incluindo apoio de braço central e porta copos, 145,00 €; Camara 360º, 970,00 €; Comfort key sem Safe-Lock com sensor de pé para abertura da bagageira, 495,00 €; Elementos interiores em alcantara cinzento, 475,00 €; Estofos em combinação couro/couro artificial com logotipo S Line, 305,00 €; Faróis Matrix LED incluindo indicadores dinâmicos à frente e atrás e lava-faróis, 1925,00 €; Jantes de liga leve Audi Sport 8,5J x 19" com 7 braços em preto antracite com pneus 255/40 R19, 2295,00 €; MMI de navegação plus incluindo sistema de reconhecimento de sinais de trânsito, 2145,00 €; Pacote de assistência, 2120,00 €; Pacote de luzes interiores ambiente multicolor, 425,00 €; Pacote negro Audi exclusive, 670,00 €; Pacote porta-objectos, 255,00 €; Pacote S line Interior, 1850,00 €; Pintura metalizada, 850,00 €; Retrovisor interior com anti-encandeamento automático com sensor de luz e chuva, 215,00 €; Retrovisores exteriores elétricos, aquecidos e rebatíveis, 270,00 €; Retrovisores exteriores em preto, 130,00 €; Sensores de estacionamento atrás e à frente com park assist, 120,00 €; Sistema de som B&O com som 3D, 955,00 €; Suspensão com controlo de amortecimento, 1430,00 €; Teto panorâmico, 1440,00 €; Tomada de 12V e 2 entradas USB para carregamento nos lugares traseiros, 95,00 €; Vidros escurecidos, 485,00 €; Volante desportivo multifunções Plus em couro com fundo plano e patilhas, 455,00 €;
Avaliação
Sem dúvida, um produto onde a qualidade de construção dita as regras e onde apenas o preço e a performance do motor 2.0 TDI (além do seu refinamento, aquém do esperado) fazem mossa. Talvez com a chegada do motor 1.5 TFSI semi-híbrido (48 V) a Audi volte a desequilibrar a balança de um sub-segmento cada vez mais concorrido: BMW X2, o Lexus UX ou a segunda geração do Mercedes-Benz GLA são rivais de peso.
  • Qualidade de montagem
  • Comportamento dinâmico
  • Preço e quantidade dos opcionais
  • Ruído do motor TDI
  • Consumos mais elevados que o esperado
Sabes responder a esta?
Que motor traz o novo Audi RS Q8?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Já conduzimos o novo Audi RS Q8. Injeção de testosterona

Mais artigos em Testes, Ensaio