Rumor

O adeus ao motor Diesel com quatro turbos da BMW? Parece que sim

Usado pelo Série 5, Série 7, X5, X6 e X7, o motor Diesel com quatro turbos da BMW pode ter os dias contados. O desaparecimento pode ocorrer já este ano.

Nascido em 2016 com a designação B57D30S0 (se este código te parece chinês aqui tens o “dicionário”), o motor Diesel com quatro turbos que equipa os BMW M550d, 750d e as versões M50d dos X5, X6 e X7 tem, ao que parece, os dias contados.

A hipótese é avançada pelo site alemão Bimmer Today e a confirmar-se vai ao encontro daquilo que já tínhamos adiantado há uns meses, quando noticiámos que Klaus Froelich, membro da direção de desenvolvimento do Grupo BMW, afirmou que, apesar de os motores de combustão terem futuro, a oferta destes seria reduzida, tal como a sua complexidade.

Segundo adianta o site, a produção deste propulsor deverá terminar no verão deste ano, sendo que os primeiros modelos a despedir-se deste serão os BMW Série 5 e Série 7. Pouco tempo depois será a vez de os X5, X6 e X7 deixarem de contar com o potente motor Diesel.

VÊ TAMBÉM: BMW X5 M50d. O «monstro» dos quatro turbos
BMW X5 M50d
O X5 M50d é um dos modelos que pode vir a perder o 3.0 l de seis cilindros em linha e quatro turbos já em 2020.

Os números de um motor “monstruoso”

Membro de uma família de motores que conta com versões com “apenas” dois e três turbos, este propulsor de seis cilindros em linha, 3.0 l de capacidade, desenvolve 400 cv de potência (às 4400 rpm) e 760 Nm de binário máximo (entre as 2000 e as 3000 rpm).

Para além da elevada complexidade inerente à produção deste motor (e os consequentes custos de produção), há outra razão por detrás da possível decisão de reformar este motor Diesel com quatro turbos: as novas metas de CO2 que entram em vigor este ano.

VÊ TAMBÉM: Testámos o BMW Z4 sDrive20i. É preciso mais?
BMW X7 M50d
Outro dos modelos que recorre ao motor que a BMW pode vir a abandonar é o ainda recente X7 M50d.

Face ao iminente desaparecimento desta motorização resta apenas uma pergunta: que motor irá ocupar o seu lugar? Será que a BMW vai “puxar” pelas versões com menos turbos desta família de motores para que ofereçam uma potência próxima dos 400 cv ou irá desistir de contar com um Diesel tão potente?

Sabes responder a esta?
Qual é a potência do BMW M8 Competition?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Já testámos o BMW M8 Competition. O mais potente de sempre (vídeo)

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos