Desde 89 000 euros

BMW X5 M50d. O «monstro» dos quatro turbos

Testámos a versão mais desportiva da 4ª geração (G50) do BMW X5. O todo-poderoso BMW X5 M50d tetra-turbo.

O BMW X5 M50d que vês nas imagens custa mais de 150 000 euros. Mas não é apenas o preço que tem medidas XXL – preço que apesar de elevado, está em linha com a concorrência.

Os restantes números do BMW X5 M50d (geração G50), impõem igual respeito. Vamos começar pelo motor, a «joia da coroa» desta versão e o principal atrativo da unidade ensaiada.

Motor B57S. Um portento tecnológico

Como veremos mais adiante, os Diesel estão aí para as curvas. Estamos a falar de um bloco 3.0 l de seis cilindros em linha equipado com quatro turbos; nome de código: B57S — o que significam estas letras e números?

B57S Diesel BMW X5 M50D G50 © Raul Mártires / Razão Automóvel
A jóia da coroa desta versão.

Graças a estas especificações, o BMW X5 M50d desenvolve 400 cv de potência (às 4400 rpm) e 760 Nm de binário máximo (entre as 2000 e as 3000 rpm).

Quão bom é este motor? Faz-nos esquecer que estamos ao volante de um SUV com mais de 2,2 t.

A típica aceleração dos 0-100 km/h cumpre-se em apenas 5,2s, muito por culpa da competência da caixa automática de oito velocidades. A velocidade máxima é de 250 km/h e é alcançada com facilidade.

Como é que eu sei? Bem… só posso dizer que sei. Quanto ao facto de ser Diesel, não se preocupem… a nota de escape é interessante e o ruído do motor quase imperceptível.

B57S BMW X5 M50d G50 Portugal © Raul Mártires / Razão Automóvel
Os enormes pneus 275/35 R22 na frente e 315/30 R22 na traseira, são responsáveis por uma motricidade que até o motor M50d tem dificuldade em quebrar.

Com números desta grandeza, seria de esperar que a aceleração nos colasse ao banco, mas não cola — pelo menos da forma que estava à espera. O motor B57S é tão linear na entrega de potência que ficamos com a sensação que não é tão potente quanto a ficha técnica anuncia. É um «monstro» dócil.

Esta docilidade é só um erro de percepção, porque ao mínimo descuido, quando olhamos para o velocímetro já circulamos muito (mesmo muito!) acima do limite legal de velocidade.

BMW X5 M50d © Raul Mártires / Razão Automóvel
Apesar das dimensões, a BMW conseguiu dar ao X5 M50d um ar bastante desportivo.

A parte boa desta equação são os consumos. É possível alcançar médias em torno dos 9 l/100 km, ou 12 l/100km numa utilização sem restrições de maior.

A NÃO PERDER: O que vais poder ver no Salão de Genebra 2019?

Pode não impressionar, mas garanto-vos que num modelo equivalente a gasolina ao mesmo ritmo, gastariam facilmente mais de 16 l/100km.

Sem prejuízo, caso optem pela versão X5 40d ficarão igualmente bem servidos. Numa utilização normal dificilmente darão pela diferença.

BWM X5 M50d. Dinamicamente competente

Neste capítulo estava à espera de mais. O BMW X5 M50d não consegue disfarçar os 2200 kg de peso apesar da ajuda da divisão M Performance.

Mesmo na configuração mais desportiva Sport+, as suspensões adaptativas (pneumáticas no eixo traseiro) têm dificuldades em lidar com as transferências de massas.

BMW X5 M50d © Raul Mártires / Razão Automóvel
Seguro e previsível, o BMW X5 M50d exprime-se melhor à medida que o espaço aumenta.

Limitações que surgem apenas quando aumentamos o ritmo para lá do que é recomendável, porém, mesmo assim, o BMW X5 tinha obrigação de fazer um pouco melhor. Ou não fosse um BMW… by M…

A parte boa é que no capítulo do conforto estava à espera de «menos» e fui brindado «mais». Apesar do aparato exterior e das enormes jantes, o BMW X5 M50d é muito confortável.

A falta de agilidade em condução mais desportiva é logo esquecida assim que entramos num troço de autoestrada. Nestas condições, o BMW X5 M50d oferece uma estabilidade imperturbável e um conforto de amortecimento referencial.

Faz SWIPE na galeria de imagens do interior:

RELACIONADO Testámos os limites do novo BMW X5. Será o melhor do segmento?

Diria que as estradas nacionais e autoestradas são o habitat natural deste modelo. E é também aí que o motor do X5 M50d se exprime melhor.

Para quem procura um «papa quilómetros» muito rápido, pouco gastador, com estilo e confortável, o BMW X5 M50d é uma opção a ter em conta.

BMW X5 M50d © Raul Mártires / Razão Automóvel

Preço

unidade ensaiada

150.559

Versão base: €89.000

Classificação Euro NCAP: 5 / 5

  • Motor
    • Arquitectura: 6 cil. em linha
    • Capacidade: 2993 cm3
    • Posição: Longitudinal dianteiro
    • Carregamento: Inj. dir. common rail; Quatro turbos (2 pares de turbos sequenciais); intercooler
    • Distribuição: 2 a.c.c., 4 válv./cil.
    • Potência: 400 cv entre as 4000 rpm e 4400 rpm
    • Binário: 760 Nm entre as 2000 rpm e 3000 rpm
  • Transmissão
    • Tracção: AWD
    • Caixa de velocidades: 8 vel. automática
  • Capacidade e dimensões
    • Comprimento / Largura / Altura: 4922 mm / 2004 mm / 1745 mm
    • Distância entre os eixos: 2975 mm
    • Bagageira: 735 l
    • Jantes / Pneus: 275/35 R22 (fr.) e 315/30 R22 (tr.)
    • Peso: 2275 kg
  • Consumo e Performances
    • Consumo médio: 6,8 l/100 km
    • Emissões de CO2: 179 g/km
    • Vel. máxima: 250 km/h
    • Aceleração: 5,2s
  • Equipamento
    • Cruise Control com função de travagem;
    • Airbags frente, cortina, joelhos;
    • ar-condicionado automático;
    • vidros elétricos;
    • Ajuste elétrico dos bancos, com função de memória;
    • Controlador do iDrive;
    • Sistema de infotainment;
    • Cruise-control adaptativo;
    • Sistema de manutenção na faixa de rodagem;
    • Hotspot WiFi;
    • Controlo por gestos BMW
    • Frisos exterior BMW Individual em alumínio satinated;
    • Kit de reparação de pneus;
    • Luzes LED ambiente.
Extras
Jantes 22' raios duplos bicolor € 845,53 €; Direção ativa integral 1.056,91 €; Suspensão pneumática do 2º eixo 1.056,91; Sistema de acesso Comfort 967,48 €; Chave BMW com display 243,90 €; Teto de abrir elétrico panorâmico 0,00 € 1.601,63 €; Cortinas manuais para vidros laterais traseiros 260,16 €; Vidros com proteção solar 382,11 €; Pack de fumadores 48,78 €; Suporte de copos 211,38 €; Ventalição ativa dos bancos dianteiros 715,45 €; Bancos dianteiros Comfort ajustável electricamente 1.089,43 €; Sistema Travel & Comfort 170,73 €; Bancos dianteiros e traseiros aquecidos 674,80 €; Frisos interior Fineline em castanho de alto brilho 170,73 €; Acabamentos do painel de instrumentos em pele BMW Individual 837,40 €; Ar condicionado automático com controlo de 4 zonas 398,37 €; Pack Ambient Air 276,42 €; Assistente condução Profissional 2.186,99 €; BMW Laserlight 1.682,93 €; Assistente de Estacionamento PLUS 1.016,26 €; BMW Head-Up Display 1.170,73 €; Sistema de som Harman/Kardon 422,76 €; Conectividade aparelhos móveis, Bluetooth e USB 414,63 €. TOTAL DE EXTRAS: 19 927 €.
Avaliação
8 / 10
O BMW X5 M50d é um excelente produto. Para lhe encontrarmos defeitos, só mesmo explorando as suas capacidades dinâmicas para lá daquilo que é recomendável ou perder algum tempo a analisar a lista de opcionais. Sim, isso mesmo, a lista de opcionais. Uma lista que é extensa e cara. A título de exemplo, este BMW M5 X50d testádo por nós tinha quase 20 000 euros de extras, quase todos eles obrigatórios.
  • Motor;
  • Consumos;
  • Interior;
  • Design;
  • Lista de opcionais;
  • Agilidade face à concorrência em condução desportiva;

Mais artigos em Testes, Ensaio

Os mais vistos