Arranque a Frio

O mais baixo coeficiente aerodinâmico atual é de um carro chinês

Foi revelado na China o GAC ENO.146, um protótipo de uma berlina que anuncia o menor coeficiente de resistência aerodinâmica do mundo (Cx) para um automóvel atual: 0,146.

Foi no Salão de Guangzhou, na China, que foi revelado o GAC ENO.146, denominação que é uma referência direta ao seu coeficiente de resistência aerodinâmica (um valor sem dimensão que serve para quantificar a resistência de um objeto ao atravessar um fluído, como o ar ou a água, e que pode ser anotado como Cx, Cd ou Cz) de apenas 0,146.  O quão baixo é?

Alguns exemplos para referência.

O veículo de produção que mais se aproximou deste valor foi o (limitado) Volkswagen XL1, com um Cx = 0,18. No campo dos concepts, e deixando de fora alguns exemplos impraticáveis (protótipos eco-maratonas), em 1985, o Ford Probe V chegou a fazer melhor: 0,137.

De momento o GAC ENO.146 não passa de um protótipo e será usado como “laboratório de testes rolante”. Não só oferece muito pouca resistência aerodinâmica (o seu design influenciará futuros modelos de produção da GAC), como é também 100% elétrico e 100% autónomo (nível 5).

A NÃO PERDER: Tesla Cybertruck. Objeto rolante não identificado

Sobre o “Arranque a Frio”. De segunda a sexta-feira na Razão Automóvel, há um “Arranque a Frio” às 8h30 da manhã. Enquanto bebes o teu café ou ganhas coragem para começar o dia, fica a par de curiosidades, factos históricos e vídeos relevantes do mundo automóvel. Tudo em menos de 200 palavras.

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos