Rumor

Sucessor do Lamborghini Aventador adiado… e sem V12?

O sucessor do Lamborghini Aventador não só parece ter sido adiado como também poderá perder o incontornável V12. Afinal, o que se passa?

O Lamborghini Aventador, lançado em 2011, deveria conhecer um sucessor no próximo ano. Já não vai acontecer. O novo superdesportivo começou por ser adiado para 2021, mas agora, ao que apurou a Automobile Magazine, só teremos um sucessor para o Aventador em 2024, e provavelmente… sem V12.

Ainda recentemente, não mais que meio ano, Maurizio Reggiani, o CTO do construtor (diretor técnico), em entrevista assegurava um longo futuro do V12, graças à assistência elétrica — como é que em tão pouco tempo estamos agora a equacionar o fim do V12?

Para mais, quando a Lamborghini passa por um excelente momento de forma, graças ao sucesso do Urus que, sozinho, praticamente duplicou as vendas do construtor — no entanto, não é suficiente.

RELACIONADO: Lamborghini Aventador SVJ revelado. Mais do que esperávamos!
Lamborghini Aventador SVJ

Quem o diz é Herbert Diess, o líder do grupo Volkswagen, que quer elevar os lucros da Lamborghini para valores bem mais próximos da arquirrival Ferrari. Um objetivo ambicioso, considerando a diversidade das fontes de rendimento da Ferrari que se estendem para lá da venda de automóveis. O licenciamento de produtos com a marca Ferrari continua a ser extremamente lucrativo.

Um objetivo que esbarra numa Audi, efetivamente a proprietária da marca Lamborghini, que passa por uma fase mais complicada da sua existência, enfrentando custos crescentes e perda de rentabilidade, o que levou o seu novo presidente, Bram Schot, a rever e escrutinar todos os planos para um futuro em rápida mutação.

Fará sentido investir milhões e milhões na atualização do lendário V12 do Aventador para o cumprimento das futuras normas de emissões, ainda mais rigorosas que a Euro6D (entra em vigor 2020)? De acordo com a Automobile Magazine, a Audi está relutante, pendendo para o uso de um V8 híbrido — como já podemos ver nos novos Cayenne Turbo S E-Hybrid.

VÊ TAMBÉM: Mercedes disse adeus aos motores V12. E a BMW?
Lamborghini Aventador S © Razão Automóvel

Um novo Lamborghini Aventador sem V12? Do nosso ponto de vista seria retirar ao modelo halo da Lamborghini a sua essência, a razão da sua existência, a sua identidade… Fará sentido?

A Ferrari, agora um construtor independente, continuará a apostar no V12 — um dos elementos que sempre a definiu, tal e qual a Lamborghini —, ainda que tenha de eletrificá-lo por razões não só relacionadas com as emissões, como também para atingir novos patamares de performance, como vimos no LaFerrari; tal e qual as declarações de Reggiani de há poucos meses, que pretendia seguir caminho idêntico.

RELACIONADO: 11 100 rpm! Este é o V12 naturalmente aspirado do Aston Martin Valkyrie

Os responsáveis da Lamborghini lutam agora para manter o V12 do Aventador no seu estábulo; o V10 do Huracán parece estar irremediavelmente perdido, com o V8 de origem Porsche (e que já equipa o Urus) a ser a mais provável escolha para o seu sucessor.

Fonte: Automobile Magazine.

Sabes responder a esta?
Quantas unidades foram produzidas do Lamborghini Miura SVR?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Nova vida para o único e radical Lamborghini Miura SVR

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos