Arranque a Frio

Queimar borracha passou a ser mais fácil no Kia Stinger

O Kia Stinger GTS surgiu no Salão de Nova Iorque com uma edição especial e limitada… e um apetite voraz por pneus traseiros.

O Kia Stinger impressionou pela positiva desde que foi lançado — nós também não ficámos indiferentes, como atestam os nossos encontros com ele —, seja pelo seu aspeto ou pelo seu chassis.

No Salão de Nova Iorque, a Kia apresentou uma edição especial e limitada do Stinger GTS — só para os EUA — que o apimentou mais um pouco. São 800 unidades, todas elas de cor laranja, “polvilhadas” com alguns revestimentos a fibra de carbono, mantendo o conhecido 3.3 V6 twin turbo de 370 cv e 510 Nm, a tração às quatro rodas e sempre com um diferencial autoblocante.

Aparte as diferenças cosméticas, a grande novidade deste Stinger GTS reside no revisto sistema de tração que passa a vir com três modos: Comfort, Sport e… Drift. Cada um dos modos determina a quantidade de potência que chega às rodas traseiras: 60% no modo Comfort, 80% no modo Sport e 100% no modo Drift.

Ou seja, como já vimos em máquinas como o E 63 ou o M5, podemos ter o melhor de dois mundos no Stinger GTS. Eficácia total com tração às quatro, ou não demonstrar ponta de misericórdia para com os pneus traseiros e simplesmente derretê-los em épicos powerslides.

RELACIONADO: Kia Stinger, o salvador da grande berlina australiana

Sobre o “Arranque a Frio”. De segunda a sexta-feira na Razão Automóvel, há um “Arranque a Frio” às 8h30 da manhã. Enquanto bebes o teu café ou ganhas coragem para começar o dia, fica a par de curiosidades, factos históricos e vídeos relevantes do mundo automóvel. Tudo em menos de 200 palavras.

Sabes responder a esta?
Quantos cavalos tem a Kia Proceed GT?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Ao volante da nova Kia Proceed. A “shooting brake” está de volta

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos