Salão de Detroit 2019

É o Ford mais potente de sempre, mas não sabemos quantos cavalos tem

O novo Ford Mustang Shelby GT500 vai ser o Ford de produção mais potente de sempre. O único problema é que a marca ainda não disse quantos cavalos vai ter.

Os últimos anos têm trazido muitas novidades para os amantes dos muscle car. Desde o  Dodge Challenger SRT Hellcat e SRT Demon até ao Chevrolet Camaro ZL1 1LE, a escalada da potência não tem parado e agora vem aí um Shelby GT500 para se “juntar à festa”.

A única questão é que a Ford não diz, para já, qual vai ser a potência do primeiro Shelby GT500 a nascer desde que o Mustang abandonou o eixo rígido traseiro. Apenas foi anunciado um valor a norte dos 700 cv de potência, naquele que, de acordo com a marca norte-americana, será o Ford de estrada mais potente de sempre — o Ford GT debita “apenas” 656 cv, se se estão a perguntar…

A animar o novo Shelby GT500 está, como não podia deixar de ser, um motor V8 5.2 l, equipado com um compressor. Este surge associado a uma caixa de dupla embraiagem de sete velocidade — não haverá manual — capaz de mudar de relação em apenas 100 milisegundos. Esta caixa permite ainda a escolha de vários modos de condução: Normal, Weather, Sport, Drag e Track.

VÊ TAMBÉM: Porsche 718 Cayman GT4 Clubsport. Só para circuitos… e com seis cilindros
Ford Mustang Shelby GT500

Um muscle car que também sabe curvar

Apesar da aposta na potência bruta, típica dos muscle car, a Ford não esqueceu a dinâmica. Assim, a Ford equipou o novo Shelby GT500 com com amortecedores magnéticos, uma nova geometria de suspensão e pneus Michelin Pilot Sport Cup 2.

A completar o pacote dinâmico encontramos ainda os maiores discos de travão instalados num coupé desportivo americano, com o Shelby GT500 a contar com discos de 420 mm e pinças de seis pistões da Brembo. Vão ainda estar disponíveis dois pacotes que permitem aumentar as capacidades dinâmicas do Shelby GT500: o Handling Package e o Carbon Fiber Track Package.

O mais radical de todos, o Carbon Fiber Track Package, inclui jantes de 20″ em fibra de carbono, pneus mais largos no eixo traseiro, spoiler ajustável em fibra de carbono e splitter dianteiro. Neste modo hardcore o Shelby GT500 perde ainda o banco traseiro, tudo para poupar peso.

VÊ TAMBÉM: A Ford quer criar cintos de segurança… aquecidos
Ford Mustang Shelby GT500

Já no interior deste muscle car encontramos bancos da Recaro, aplicações em fibra de carbono no painel de instrumentos, um ecrã LCD de 12″ e ainda um sistema de som com 12 colunas.

Mas sejamos honestos, com um enorme V8 debaixo do capot, quem é que quer ouvir música? Aumentem o volume…

Sabes responder a esta?
Qual é a potência da Ford Ranger Raptor?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Ford Ranger Raptor. Uma Pick-up americana em versão europeia

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos