Apresentação

MINI John Cooper Works de regresso em março de 2019

Chega a vez do MINI John Cooper Works receber as últimas atualizações já vistas nos outros MINI, agora já em conformidade com o WLTP e a Euro 6D-TEMP.

A adaptação ao WLTP e à norma Euro 6d-TEMP chega agora ao mais possante dos MINI. O MINI John Cooper Works, disponível com carroçaria de três portas e descapotável (Convertible), vê ser adicionado ao seu sistema de escape desportivo um filtro de partículas que permite cumprir as mais exigentes normas de emissões sem afetar a performance ou eficiência.

O quatro cilindros em linha de 2.0 l com turbo é assim mantido, como mantém o número de cavalos — 231 no total. Está disponível com caixa manual de seis velocidades ou a Steptronic, a automática de oito velocidades.

As performances mantém-se num bom plano, como atestam os 6,3s para atingir os 100 km/h com a caixa manual (6,6s para o Convertible), assim como os consumos e emissões: 6,9 l/100 km e 158-157 g/km quando equipado com a caixa manual (7,1-7,0 l/100 km e 162-161 g/km para o Convertible); e 6,2-6,1 l/100 km e 142-140 g/km para o Steptronic (6,5-6,4 l/100 km e 148-145 g/km para o Convertible).

TESTE: Já conduzimos o novo Honda Jazz 2018. Primeiras impressões

O que diferencia o John Cooper Works?

Além do 2.0 turbo adicionar praticamente 40 cv ao Cooper S, o MINI John Cooper Works — JCW para os amigos —, vem com suspensão de acerto mais desportivo, jantes em liga leve de 17″, sistema de travagem potenciado, kit aerodinâmico específico e bancos desportivos John Cooper Works.

Além disso, ao receber as últimas atualizações efetuadas aos Mini, as óticas traseiras apresentam agora o motivo Union Jack — a bandeira do Reino Unido — e os faróis são em LED.

Para os querem ir mais longe na personalização do seu MINI JCW, existem opções como o “MINI Yours Interior Style Piano Black”, com áreas retro-iluminadas; e no exterior “Piano Black Exterior” com acabamentos em preto brilhante para os contornos das óticas dianteiras e traseiras e a grelha.

Novas opções incluem também a possibilidade de carregamento do smartphone sem fios, projeção do logótipo da MINI do lado do condutor, e ainda produtos customizáveis da gama MINI Yours Customised e os serviços digitais MINI Connected.

O novo MINI John Cooper Works chegará aos mercados a partir de março de 2019, não se sabendo ainda preços para o mercado nacional.

 

Sabes responder a esta?
Quantos cavalos debita o MINI Cooper S?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Conduzimos o renovado MINI Cooper S. As mudanças foram suficientes?

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos