Leilão

O derradeiro leilão onde tudo é Porsche

"The Porsche 70th Anniversary Auction" é um leilão único, dedicado exclusivamente à Porsche e à celebração do seu 70º aniversário. Reunimos algumas das preciosidades e curiosidades que vão a leilão.

Organizado pela leiloeira RM Sotheby’s em colaboração com o Porsche Experience Center Atlanta, nos EUA, o “The Porsche 70th Anniversary Auction” é, como o nome indica, um leilão dedicado exclusivamente à marca alemã, integrando-se na celebração do seu 70º aniversário.

O leilão será realizado a 27 de outubro nas instalações da Porsche Cars North America, em Atlanta, Georgia, EUA.

Sem dúvida, o leilão perfeito para colecionador mais entusiasta da marca de Zuffenhausen, onde além de encontrarmos alguns dos seus modelos mais emblemáticos à venda — sejam de estrada ou competição —, há também as mais variadas peças de memorabilia entre outras curiosidades.

A NÃO PERDER: TOP 15. Os melhores motores alemães de todos os tempos

Destacamos 10 dos 124 lotes a leilão, onde reunimos carros de estrada, de competição, memorabilia, e até um… trator.

Porsche 911 Turbo Classic Series, “Project Gold”, 2018

2018 Porsche 911 Turbo Project Gold

Este é o último Porsche 911 arrefecido a ar oficial. Concebido e montado pela própria Porsche, o “Project Gold” obedece aos princípios do restomodding — e quando se fala de 911, o nome Singer é automaticamente associado —, só que ao invés de partir de uma unidade existente, a Porsche montou este 911 Turbo (993) do zero.

Tal foi possível recorrendo a peças em stock, pelo que este muito especial 911 Turbo é, para todos os efeitos, um modelo novo, com número de série próprio. Só tem um problema… não pode ser conduzido na via pública, já que ao ser efetivamente um carro novo, o 993 (que deixou de ser produzido em 1998) não consegue ser homologado tendo em conta os regulamentos de emissões e segurança atuais.

Vai a leilão sem reserva, com todos os ganhos a serem entregues à Fundação Ferry Porsche.

Porsche 356 A 1600 ‘Super’ Speedster pela Reutter, 1958

1958 Porsche 356 A 1600 Super Speedster Reutter

Para os fãs da patina! Este 356 está pronto para ser restaurado, e está mecanicamente funcional, apesar dos travões traseiros de tambor necessitarem de uma revisão. Originalmente teve como destino o mercado norte-americano, pelo que o velocímetro original estava em milhas (foi substituído por outro em quilómetros) e pára-choques específicos. A cor original deste 356 “Super” Speedster? Prata metálico.

Valor: 125 mil a 150 mil dólares (108 mil a 130 mil euros).

Porsche Carrera GT, 2004

2004 Porsche Carrera GT

Apesar do mais recente 918 Spyder também estar presente neste leilão, a nossa preferência vai decididamente para um dos “últimos dos analógicos”, o Carrera GT. V10 atmosférico, caixa manual, embraiagem em cerâmica… Simplesmente visceral. Esta unidade só teve um dono e tem menos de 2500 km no ódometro.

Valor: 650 mil a 750 mil dólares (562 mil a 649 mil euros).

Porsche 911 Carrera RS 2.7 Protótipo, 1973

1973 Porsche 911 RS proto

Um dos modelos mais reverenciados em toda a história da Porsche, tem nesta unidade, entre vários RS 2.7 a leilão, o seu exemplar mais precioso. Isto porque se trata do segundo Carrera RS 2.7 montado, num total de quatro protótipos construídos — para testes e pré-produção — com base na carroçaria do 911 S.

A diferença mais marcante para os 911 Carrera RS 2.7 de produção é mesmo a ausência do icónico spoiler “cauda de pato”… O seu valor histórico justifica os elevados valores estimados para a sua aquisição.

Valor: 1,25 milhões a 1,5 milhões de dólares (1,08 milhões a 1,29 milhões de euros).

VÊ TAMBÉM: Lamborghini Aventador SVJ. O recorde em vídeo, lado-a-lado com o Porsche 911 GT2 RS

Porsche 956 Group C, 1983

1983 Porsche 956

A competição não podia faltar num evento relativo à Porsche e são vários os exemplares a leilão, mas o 956 capturou a nossa atenção. Digno exemplar dos antigos Sport-Protótipos, esta unidade tem no seu currículo duas vitórias — Brands Hatch 1000 km e Can-Am Road America, ambas em 1983 —. participou nas 24 Horas de Le Mans em 1983 e 1984, e é considerado o 956 em estado mais original de todos os nove 956 privados que chegaram a competir.

Não foi esta unidade, mas o 956 foi o carro que deteve durante 35 anos o recorde absoluto de Nürburgring, com Stefan Bellof, conseguido durante a qualificação dos 1000 km de Nürburgring em 1983. Seria outro Porsche a destroná-lo já este ano…

Valor: 5,25 milhões a 6,75 milhões de dólares (4,54 milhões a 5,84 milhões de euros).

Porsche 959 Paris-Dakar, 1985

1985 Porsche 959 Paris-Dakar

O Porsche 959 nasceu originalmente como um futuro Grupo B (para circuitos), mas a extinção desta categoria, fez com que o 959 rumasse a paragens totalmente distintas. Mais habituada a vingar no asfalto, o 959 sairia vitorioso no rali mais duro de todos, o Paris-Dakar, em 1986.

Esta unidade é uma das três que participou na prova em 1985, apesar de nenhum deles a ter terminado. É também o único 959 Paris-Dakar (chassis n.º 010015) que está em mãos privadas. Ao contrário dos 959 de 1986 e das versões de estrada, estes 959 Paris-Dakar de 1985 vêm equipados com um 3.2 l atmosférico, herdado do 911 SC, e não a unidade twin-turbo que seria um dos cartões de visita do 959.

Valor: 3 milhões e 3,4 milhões de dólares (2,59 milhões a 2,94 milhões de euros).

A NÃO PERDER: Qual foi o melhor automóvel que já conduzi?

Porsche 356 A Chassis de Treino, 1956

1956 Porsche 356 chassis

Sem dúvida um dos itens mais curiosos de todo o leilão. Este chassis, totalmente funcional, tinha como propósito instruir os mecânicos da Hoffman Motors, distribuidor Porsche em Nova Iorque, EUA, sobre as funções mecânicas básicas de um Porsche.

Os mecânicos desmontavam partes deste chassis e voltavam a montá-las até dominarem a técnica, aplicando os conhecimentos na reparação dos Porsche 356 da altura. Como curiosidade, a suspensão do lado esquerdo diferia do lado direito refletindo as diferenças entre os primeiros 356, com os mais antigos com soluções idênticas às da Volkswagen.

O chassis tornar-se-ia obsoleto com a introdução do 356 B, iniciando a partir daí algumas trocas de mãos, e acabando semi-abandonado. Após ser encontrado, iniciaria um processo de restauro que se prolongaria por 11 anos.

Valor: 100 mil a 150 mil dólares (86,5 mil a 130 mil euros).

Porsche 550 Spyder Junior (para crianças)

Porsche 550 Junior

Não é só os adultos que terão oportunidade de adquirir novos “brinquedos”. Uma série de modelos Porsche para crianças irão também a leilão como este Porsche 550 Spyder. Mas terão de ser crianças bem abastadas.

Valor: 18 mil a 25 mil dólares (15,6 mil a 21,6 mil euros).

RELACIONADO: Porsche 911 Speedster vai ser produzido mas…nem todos vão poder ter um

Porsche Diesel Junior 108 K, 1959

1959 Porsche Diesel junior

Não podia faltar um exemplar do trator Porsche, aqui na sua versão Junior, a versão mais compacta. O Junior 108 K foi o modelo mais popular, equipado com um motor Diesel arrefecido a ar, com apenas 11 cv, subindo para os 15 cv após uma atualização. Esta unidade foi totalmente restaurada na Holanda.

Valor: 30 mil a 40 mil dólares (25,9 mil a 34,6 mil dólares).

Posters Porsche, década de 60

Não podia faltar memorabilia. Entre livros, manuais, quadros e posters, muitos posters — alguns deles, excelentes exemplares gráficos das suas épocas — poderão ser a decoração perfeita para a sala, ou até garagem de qualquer colecionador ou entusiasta Porsche. Estes exemplares são em alusão às muitas vitórias conseguidas pelos Porsche nos circuitos durante a década de 60.

Valor: 2500 a 3500 dólares (2,1 mil e 3000 euros).

RELACIONADO: Porsche Taycan gera tanta expetativa que 20 000 por ano podem não chegar

Para conheceres estes lotes em mais detalhe ou os restantes, com muitas mais imagens, recomendamos que visites a página do webiste da RM Sotheby’s dedicado ao leilão.

Sabes responder a esta?
Qual destes automóveis "teve o dedinho" da Porsche?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

19 projetos que tiveram o «dedinho» da Porsche e tu não sabias

Mais artigos em Notícias