Evento

SEAT Portugal celebra 15 anos com Arona de 15 toneladas

A SEAT e o artista Vhils juntaram-se para fazer um Arona muito especial. A apresentação foi em Cascais e nós estivemos lá.

Fomos até Cascais assistir à apresentação de um SEAT Arona muito especial. A marca espanhola associou-se ao artista plástico Vhils e desafiou-o a criar uma obra baseada no SUV compacto da marca para celebrar os 15 anos da SEAT Portugal.

Da associação entre o artista e a SEAT nasceu um Arona feito em cimento. O processo de planeamento e conceção demorou seis meses e a obra de arte obrigou Vhils a recorrer a técnicas pioneiras para moldar as 15 toneladas de cimento utilizadas. Para proceder à moldagem das matérias primas foi criado um molde em ferro, silicone e fibra de vidro que levou seis semanas a criar e precisou de uma equipa de oito pessoas.

O que te podemos dizer é que o resultado final é impressionante, com a frente a ser em tudo semelhante à que encontramos nos modelos da SEAT bem mais leves do que a obra de arte e a traseira a ter a assinatura típica do artista. O SEAT Arona de cimento pode ser visto no MARCC, o futuro Museu de Arte Urbana e Contemporânea de Cascais.

VÊ TAMBÉM: CUPRA Ateca. Já conduzimos o primeiro modelo da marca CUPRA

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Razão Automóvel (@razaoautomovel) a

Um SUV à prova de tudo

A obra a cuja apresentação pudemos assistir é a primeira peça de arte do futuro Museu de Arte Urbana e Contemporânea de Cascais. O artista afirmou que espera que o Arona em cimento, que vai ficar permanentemente em exibição na cidade de Cascais, seja até encontrado daqui a 100 anos, como um fóssil.

“a ideia foi conceber uma peça inspirada no design do Arona que fosse capaz de eternizar no tempo os elementos únicos que foram pensados para esta linha de veículos. Queria de algum modo eternizar o automóvel enquanto objeto com as suas linhas de design intemporais. Partindo desta ideia base, procurei fazer uma peça que refletisse o ciclo de influência recíproca que existe entre a cidade e os seus habitantes"

Alexandre Farto aka Vhils

Esta não é a primeira vez que a SEAT se associa ao mundo das artes, já há 3 anos a marca se tinha associado a Pedro Pires, à Solid Dogma e a Vhils para homenagear a cidade de Cascais, na altura através de uma escultura que visava imortalizar a figura de um pescador.

Sabes responder a esta?
Quantos cavalos tem o Art3on criado pelos estagiários da Volkswagen Austrália?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Como dar mais músculo ao Volkswagen Arteon? Simples, pede-se aos estagiários

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos